Resenha: Book Tour Selo Brasileiro “Draco Saga - O Despertar” (Fabio Guolo)


Título: Draco Saga – O Despertar
Autor: Fabio Guolo
Editora: Selo Brasileiro
Páginas: 254

Sinopse: Imagine entrar em coma, acordar alguns anos depois e descobrir que sua sociedade e sua cultura estão sendo destruídas por uma praga que se propaga mais rápido do que é possível conter. A praga, porém, somos nós. Humanos, mortais, gananciosos, sedentos por poder e riqueza em um mundo novo. Mundo este já anteriormente dominado por seres de inteligência muito superior que nos permitiram viver em paz em seus domínios por muito tempo. No entanto, não valorizamos a liberdade que nos fora dada. Agora o preço a pagar pode ser alto demais!


Escrever a resenha do primeiro volume da saga Draco, “O Despertar”, não foi uma tarefa fácil, pois para mim, a leitura desse livro foi um desafio. Assim que o recebi e comecei a lê-lo desanimei, a forma com que os acontecimentos são narrados me pareceu impessoal o que me distanciou da história, e consequentemente fez com que a leitura não fluísse, por mais que eu tentasse não conseguia passar das páginas iniciais – eu, que sou tão acostumada a devorar os livros, e movida pela curiosidade normalmente lê-los em períodos de tempo muito curtos. Já tinha lido resenhas positivas sobre ele, então assumi que o problema era comigo, resolvi tentar ler outros livros, intercalando a leitura, e nesse espaço de tempo, li mais três livros, enquanto a leitura do livro Draco continuava sem avançar. Conclui que minha dificuldade para lê-lo estava relacionada com o gênero literário, muito diferente do que eu estou acostumada a ler.

Demorei para cair em mim, eu sempre me vi como uma leitora sem preconceitos, capaz de se aventurar em qualquer gênero literário, então porque não deixar a ideia pressuposta de que o livro Draco não fazia parte do meu estilo de leitura de lado, e lê-lo de uma vez por todas?

Foi o que eu fiz, (demorei, mas fiz), me concentrei na leitura e logo cheguei a um ponto em que estava totalmente envolvida na história. Não acreditava na magnitude com que a narrativa evoluía, e mais, que um livro que antes julguei “não ser para mim”, tinha boas pitadas do meu gênero favorito de leitura, o romance. Me surpreendi, e muito, claro que tive dificuldades em assimilar a forma com que a história é narrada, pois em alguns momentos ela assume um caráter de relatório, nos distanciando dos fatos, mas independente disso, ao terminar de ler o livro, imersa na emoção (porque o final me fez chorar, e ficar com muita raiva de um dos vilões da historia) pensei: Tenho muito o que amadurecer como leitora... 

O livro se passa em um tempo medieval, e nos apresenta a organizada sociedade dos Dragões, seres fortes, inteligentes e capazes de dominar altos níveis de magia. Quem nos conta a história é Dryfr, um poderoso dragão que ficou muito tempo adormecido e quando acorda, vê sua terra ameaçada pelos Humanos, que graças a uma magia mal realizada pelos Elfos, foram transportados para o mundo dos dragões. Os humanos, como de costume, para adaptar a nova terra aos seus hábitos, desmatam florestas, criam fronteiras, marcando as terras, e para “garantirem seu poder em guerras futuras” passaram a estudar o uso da magia.

“(...) Esses seres autodenominam-se humanos. São verdadeiras pragas! Têm prazer em destruir e conquistar. (...) Chegam ao absurdo de demarcar terras e se declararem donos delas.”

Ao estudar a magia, os humanos também passam a se concentrar nos dragões, e motivados pela ganância e pela busca constante de poder começam a caçá-los, colocando a sociedade deles em risco. O Mestre dos dragões, Wyrmygn, alerta Dryfr do perigo, que com outros dragões do conselho planejam uma forma de exterminar os humanos. No decorrer dessa missão, Dryfr me ganhou, e o livro também, ele faz muitas conquistas, enfrenta muitos perigos, e perde muito mais do que estaria disposto a perder. Suas perdas me emocionaram, e me fizeram ver o livro com outros olhos.

Não posso falar muito da história, pois seu encanto está nas surpresas da jornada de Dryfr, o que posso dizer é que Draco, "O Despertar", é um livro repleto de aventura, magia, e romance.

“(...) Sabia que daria a ela todas as luas, todos os planetas e todas as estrelas do multiverso se assim ela desejasse. Apesar de não ter precedentes entre nós, Dracos, eu sabia. (...) Sabia que estávamos incontestavelmente apaixonados como dois seres humanos fúteis e inferiores. E o que me assustava mais: eu e ela estávamos gostando disso. E gostando muito!

Se você gosta dos livros de J. R.  R. Tolkien vai gostar de se aventurar com os livros da saga Draco. Pois além de surpreendente, e para mim, inovador, ele conta com personagens fortes e com um cenário bem construído e detalhado. Super recomendado!



Para saber mais sobre a série acesse:


Esse livro faz parte do Book Tour Selo Brasileiro

  Saiba mais aqui


17 comentários:

  1. Eu curto esse tipo de livro,acho que me imagino nessa situação,até porque o mun do está mudando tão rápido,né...
    Adorei o novo layout,é bem acolhedor e fofo,rsrs
    Eu acho que vc vai adorar o Within Temptation,procure "Mother Earth" ou "Frozen".
    PS:Se assistir ao video desse post(do Fantasma da opera),vai poder escutar direitinho minha voz clássica,principalmente no solo vocal.
    Espero que goste!

    ResponderExcluir
  2. Oi Pah!
    Eu adoro suas resenhas, são muito boas!! O que admirei você foi sua insistência em ler algo que talvez não seja seu estilo. Muitas vezes isso acontece comigo!!
    bjs
    diariodeincentivoaleitura.blogspot

    ResponderExcluir
  3. Oi Pah,

    Primeiro quero dizer que seu blog esta lindo. E que a sua menininha deve ser parenta da minha..hahaha (que boba eu...)

    E sobre o livro,
    Bom, eu não me encanto por esse livro de forma alguma. Não vai de jeito nenhum. Já li varias resenhas dizendo que é bom e tudo mais, mas nem assim fico convencida..
    Em todo caso, gostei da sua resenha. Bem detalhada..parabéns.

    bjinhuxxx
    Eu li e Divulgo

    ResponderExcluir
  4. Oi Paola,
    Agradeço imensamente pela excelente resenha.

    Está entre as melhores resenhas de Draco que já tive o prazer de ler.

    Veja:

    http://dracosaga.blogspot.com/2011/07/resenha-de-draco-saga-pelo-blog-livros.html

    http://selobrasileiro.blogspot.com/2011/07/resenha-de-draco-saga-pelo-blog-livros.html

    Beijos.

    ResponderExcluir
  5. Nossa, é terrível quando a leitura não flui! Odeio quando isso acontece!
    Mas que bom que você, mesmo tendo que insistir, acabou gostando e se envolvendo com a história!
    Sua resenha tá muito boa, Pah!!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Sou louca por dragões! Qualquer coisa que envolva minimamente essas criaturas, já me ganha! Então tenho muita vontade de ler esse livro.
    Natália Maia - viciadasemlivros.wordpress.com

    ResponderExcluir
  7. Pah, muito legal você comentar a dificuldade que teve para ler o livro, principalmente ao admitir que gostou tanto.
    E acho que o mais importante de nossas leituras é saber reconhecer sempre o quanto precisamos amadurecer.

    Esse livro me dá certa curiosidade, mas em razão de estar cheia de livros novos, não vou nem comentar que quero ler ;)

    Beijinhos
    Conjunto da Obra

    ResponderExcluir
  8. Hum, uma leitura desafiadora, hein!!! Parece interessante! Adorei a resenha querida!

    Bjinhos!

    Swan
    @swannx
    Bem pra Mente

    ResponderExcluir
  9. Parabéns pela resenha Pah! Estou ansiosa para ler Draco Despertar. Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Esse livro parece ser muito legal.
    A capa é bem bonita. Adorei a resenha e mal posso esperar pra ler.

    Beijocas,
    Thais P.
    http://thaypriscilla.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Adorei aqui *_* já estou seguindo.
    Acho que me apaixonei pela história desse livro, amo histórias medievais e amo dragões hehe
    Vou lê-lo , com certeza. E gostei muito da sua resenha, mostrando pontos positivos e negativos.
    Beijos querida
    Bruna
    http://desbravandohistorias.com.br

    ResponderExcluir
  12. Realmente é horrível qndo começamos a ler um livro e não "anda"... isso aconteceu comigo com A meninas que roubava livros, até hj não consegui entender o pq nao me envolvi com a historia já que a maioria fala q é otimo.... ainda bem q vc conseguiu terminar de ler e ainda se emocionou, acho ótimo qnd isso acontece...
    bjs

    ResponderExcluir
  13. Ganhei esse livro em uma promoção e fiquei encantada com a sua resenha, amo quando leio um livro que no começo parece que não flui, mas depois acaba nos conquistando...\o/...adorei seu blog...se puder aparecer e visitar o meu ficarei muito feliz.

    http://amagiareal.blogspot.com/

    Beijokas elis!!!!!!

    ResponderExcluir
  14. Pah,
    Como sou fã do gênero épico, vide Tolkien, é provável que eu vá gostar de "O Despertar". Para você ter noção, acabei de pagar os meus mais novos queridinhos da coleção "A Guerra dos Tronos" hihi Eles são ENOOOOOOOOOORMES e tô empolgadíssima porque piro em histórias que seguem essa linha medieval/fantástica/épica.
    Gostei da sua resenha, adoro quando os livros nos surpreendem.

    Beijinhos,
    Ana - Na Parede do Quarto

    ResponderExcluir
  15. Esse livro está fazendo sucesso, né. Acho ótimo!

    Eu tô empacada em um livro e até gosto gênero, mas não ando de jeito nehum, com essa leitura. Acho que estou desanimada, mas vou tentar me dedicar mais a leitura e quem sabe eu acabe me envolvendo, como vc, com a história...

    BjoO
    Pri
    Entre Fatos e Livros

    ResponderExcluir
  16. oii!
    eu tb resenhei esse livro no blog
    ele me surpreendeu tb, esse lance do dragao narrar a historia foi bem diferente :D

    bju
    letracomasa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. uaaaal, parece ser muito massa, suas resenhas são ótimas, adooro ler desse jeito qualquer livro me encanta!!!

    =DDD

    Beijos

    http://maxantunes.blogspot.com

    ResponderExcluir