[Resenha] Perfeitos – Scott Westerfeld

Tally finalmente é perfeita. Agora seu rosto está lindo, as roupas são maravilhosas e ela é muito popular. Mas por trás de tanta diversão – festas que nunca terminam, luxo e tecnologia, e muita liberdade – há uma incômoda sensação de que algo importante está errado. Então Tally recebe uma mensagem, vinda do seu passado, que a faz se lembrar qual é o problema na sua vida perfeita. Agora ela precisará esquecer o que sabe ou lutar para sobreviver – as autoridades não pretendem deixar que alguém espalhe esse tipo de informação.
384 Páginas || Editora Galera Record || Skoob || Compare & Compre || Resenha da Kamila Mendes
Classificação 
“Perfeitos” é o segundo volume da aclamada série “Feios”, de Scott Westerfeld, e mantém com excelência todos os pontos de encanto que transformaram o primeiro volume em Best Seller. 
A luta da protagonista Taly Youngblood contra a mão de ferro de Nova Perfeição continua, mas dessa vez a menina deve lutar primeiro consigo mesma para saber o que é real e o que está sendo manipulado pelo seu cérebro transformado. Os comentários sobre a história serão mínimos porque não quero dar spoller, mas se acontecer, me perdoem desde já. A partir de agora vou deixar minha opinião sobre o livro. Vale dizer que essa resenha será menor que as demais, então não se surpreendam com seu tamanho, ok?

Tenho que admitir que Perfeitos superou minhas expectativas em todos os sentidos. Quando terminei de ler o primeiro volume da série Feios fiquei com a impressão de que os demais livros perderiam qualidade na história e na crítica social. Ledo engano. O segundo volume recupera a aventura de Tally Youngblood com novo fôlego, nos revela novos personagens, tão apaixonantes quando os primeiros, e traz de volta aqueles que nos conquistaram, ou não.
Se você não leu o primeiro livro da série, cuidado, spoiller a vista.
Perfeitos versa sobre a tão sonhada vida na Nova Perfeição. A vida ‘borbulhante’, cheia de festas e sem nenhuma preocupação que é a nova realidade de Tally, até que antigos amigos começam a aparecer e ela tem que decidir entre abandonar a vida perfeita de diversão e futilidades e embarcar num passado esquecido ou continuar e nunca saber quem ela foi e o que ela já viveu. A crítica sobre a alienação humana é bem mais forte neste livro do que em Feios.
A crítica social desta vez não está na luta da personagem em descobrir a manipulação feita pelo governo, mas em tentar saber quem ela é, uma vez que seu cérebro foi modificado e agora ela é uma perfeita. Socott Westerfel brinca com a pergunta ‘o que fazer quando você quer descobrir quem você é em uma sociedade que não aceita o diferente?’. Tally tem que lutar pra responder a essa pergunta e sua luta é interna, contra a vida e os pensamentos fúteis, tão naturais a sua situação.
O ritmo também é outro. Perfeitos é mais ágil que Feios. Há mais aventura e um triângulo amoroso inesperado. Personagens que você amou no passado agora vão fazer suas entranhas se revirarem. Há um ritmo frenético na forma como a história flui pelas páginas e como a vida dos personagens vai ganhando um ritmo mais acelerado.
Assim como Scott me conquistou com a aventura e o romance, juntamente com a crítica social, de Feios, nesse livro ele me prendeu de fato e me ganhou como fã. Perfeitos não perde o ritmo, não deixa a história cair no comum e ainda abre novas janelas para que a saga de Tally continue. Recomendo de todo o coração esse livro. Ler essa saga é uma experiência única.
Capas pelo Mundo:



  



14 comentários:

  1. Poxa, estou super curioso, mas parei de ler a sua resenha porque você disse que tinha spoiler.

    Quer uma dica: quando for assim, demarque bem em qual(is) parágrafo(s) se encontra o spoiler. E também informe de qual livro é o spoiler, do primeiro ou do segundo. Assim quem quiser, pula mais facilemnte e não ignora o resto do seu texto. Valeu!

    Abraços!
    Israel Félix
    http://47-things.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Aaaaaaaain... Nem vou ler então! Meu livrinho está chegando e estou louca pela continuação. *O*

    Bjs!

    ResponderExcluir
  3. eu tenho problemas com distopia, não gostei de Delirio nem de Destino, mas todo mundo fala muito bem dessa serie, principalmente a Pam do Garota It! Enfim, vou ler um dia, só não sei quando huauhahuahuauh

    ResponderExcluir
  4. Sou suspeita p/ falar porque adoro a série Feios. Acho que Westerfeld mandou muito bem em todos os livros da série, inclusive com Extras, que nem é exatamente uma continuação. Mas certamente, os que mais gostei foram Feios e Perfeitos.

    bjs
    escrevendoloucamente.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Oie!!
    Eu adoro essa série, muito mesmo! Mas ela me passa um sentimento que não sei explicar rs
    É difícil fazer resenha desses livros sem soltar muita coisa.

    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Oi Kamila!
    Juro que fiquei confusa: sua resenha mostrou que você gostou tanto do livro, mas só 3 estrelas de classificação? 3 estrelinhas, pra mim, é quando o livro é de morno pra menos hehehe
    Eu só li Feios e ainda sou doida pra ler o resto, eu amei o livro!
    É bom ver que o livro surpreende, que consegue até superar o primeiro!
    Beijão!

    ResponderExcluir
  7. Eu acabei parando no "tentarei não dar detalhes e tal" porque eu comprei o livro há meses e ainda não li Feios. Era pra ter lido em juhlo, mas furei minha lista e ele ficou para outubro, então, não quero estragar o gostinho de ler uma resenha tão perto da leitura, vou ficar com todos as dúvidas na cabeça.
    Volto aqui após a leitura.

    liliescreve.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Eu ainda não li essa série, acho que não gosto muito do tema dela :/
    Mas... Adorei a resenha :D
    Bjs

    ResponderExcluir
  9. Oie =)
    estou querendo ler essa série, contudo nem li ainda a Feio rs
    mais um dia farei isso com certeza!
    Espero ser conquistada pela escrita do escritor.

    Beliscões carinhosos da Máh-
    Felicidades nos Livros
    @Maaria_Silvana

    ResponderExcluir
  10. linda capa

    http://vampleitores.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Oi queri,
    Estou com o feios para ler aqui em casa por isso não li a resenha espero conseguir ler logo.
    Bjss
    Raquel Machado
    Leitura Kriativa
    http://leiturakriativa.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  12. Valeu pela dica Israel!

    Oi Maisa, nunca li Delírio e nem Destino, mas, agora q vc comentou, vou procurá-los...vamos ver se gosto deles...e sim Feios é uma ótima distopia *-*

    Bom Aione, as 3 estrelinhas é pq, apesar do livro ser bom e ter me surpreendido, ainda prefiro Feios! Então, se comparado com o primeiro livro, Perfeitos não é meu predileto, mas vamos ver os outros dois q faltam: Perfeitos e Extras!

    Obrigada Karina, mas tente ler a série, pelo menos o primeiro, daí vc tira suas conclusões!

    Leia, leia, leia Raquel, *-*...se vc gostado desse subgênero, não vai se arrepender!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O 3º livro é Especiais. E Extras conta a história de outra garota, já não é mais a Tally. =/

      Excluir
  13. Fiquei meio decepcionada com esse livro,tb se fosse escolher ficaria com Feios...
    Acho q faltou a emoção q teve em Feios.
    Vamos ver o q Especiais e Extras nos reservam

    ResponderExcluir