[Fuxico] Enganada por uma capa #5

“Coluna em que mostro diferentes livros pelo mundo que utilizam imagens iguais (ou semelhantes), com o intuito de divertir e surpreender o leitor com tais paridades. Veja mais AQUI”.
Olá galera, tudo bem? Hoje é dia de ‘Enganada por uma capa’! A cada nova postagem que preparo para essa coluna fico imaginando que ela logo acabará, afinal quantas capas semelhantes espalhadas pelo mundo eu ainda poderia encontrar? Contudo, para minha surpresa, continuo me deparando com situações de similaridade; descobrindo infinitos livros distintos com capas muito semelhantes. É engraçado compará-las, julgá-las, e principalmente, condicionar meu cérebro a aceitar que mesmo com capas parecidas, tais obras não são idênticas. E levando em conta que a capa é o primeiro fator que avaliamos em um livro, é comum nos deixarmos levar por seus elementos gráficos antes mesmo de ler o título ou o nome do autor da obra. E exatamente por isso, quem nunca foi enganado por uma capa?
  
Eu sempre AMEI a capa do romance nacional ‘Entre a Nobreza e o Crime; toda vez que olho para ela imagino, não sei por qual motivo, um romance histórico (o que não é o caso desse livro), por isso quando me deparei com a mesma foto sendo utilizada em uma edição da série Academia de Vampiros da autora Richelle Mead, - SIM, sobrenatural - fiquei bem surpresa. É claro que tal espanto está relacionado com as minhas percepções a respeito dessa imagem, mas mesmo assim, de romance histórico para sobrenatural... Como não se surpreender?

Ainda da série Academia de Vampiros olhem o que encontrei, mais uma capa semelhante a do livro ‘On Dublin Street, se não me engano, essa já a terceira vez que esse livro aparece por aqui, o que pode ser interpretado de duas formas: as editoras, definitivamente, estão precisando de um pouco mais de criatividade para o desenvolvimento de suas capas, ou, tal imagem é simplesmente a queridinha do momento, porque fala sério, já vi quase dez livros com a mesma capa. Qual dessas teses vocês defenderiam?
Outro livro que tem aparecido bastante por aqui é o ‘O inferno de Gabriel’, constantemente encontro capas semelhantes à desse romance. E dessa vez, o enfoque é o modelo masculino da capa. Sem dúvida é a mesma imagem, não é? Eu acho bacana quando as editoras mesclam imagens, somando duas fotos de bancos de dados para criar a arte final de uma capa, contudo, no caso dos livros ‘Paulo’ e ‘Mine’ a única diferença é o detalhe da mão do modelo, o que não pode definir as capas como diferentes.

Mais uma vez um livro da Bella Andre por aqui, dessa vez o ‘Por um momento Apenas’. Vai lá, não dá para negar que se trata da mesma imagem, não concordam? Nesse caso em particular eu quase (veja bem, quase) fui levada a entender que a autora tinha lançado uma nova edição do seu romance. Ingenuidade a minha, eu sei; mas quando passamos os olhos rapidamente por essas capas é impossível não se confundir.

 
  
OK. Mesma imagem, mesma cor de fundo, mesma EDITORA, como não se confundir? Nesses dois casos a única coisa que me saltou aos olhos, ao ponto de deixar claro que as capas representavam livros distintos, foi o nome das autoras colocado em destaque. Talvez a Harlequin como um todo, independente de suas subdivisões, nutra um banco de imagens próprio, o que explicaria livros com a mesma imagem de fundo.

 
E por falar da Harlequin, deem uma boa olhada na capa do romance histórico ‘Escândalo’, a imagem é idêntica à utilizada na obra ‘O Príncipe Corvo’ da edição espanhola, não é mesmo?  Nesse caso as editoras são diferentes, então talvez a Harlequin não possua um banco de imagens próprio, apenas compre imagens em bancos de dados online bem comuns no mercado editorial.

Agora a parte que eu mais gosto, quando as capas usam a mesma imagem ou o mesmo modelo, mas apresentam pequenas diferenças, como por exemplo, a capa de ‘The Secret of Ella and Micha’ em uma versão preta e branca com detalhes em lilás. Bacana não é?



 
Ainda mais bacana é ver as capas com a mesma modelo do livro ‘Química Perfeita’; nesses casos não somos completamente enganados, mas é impossível, pelo menos para quem leu o livro, não se lembrar da obra em questão ao ver essa modelo em outras capas por aí. E se me permitem o comentário, eita menina popular em? (risos).


  
O mesmo acontece com o casal do livro ‘Como fui esquecer você’, as imagens e poses são diferentes, mas é obvio que são os mesmos modelos. E eu gostei disso, de ligar uma obra à outra só pelos modelos que estão na imagem da capa, isso por si só já prova o quanto a capa de um livro é importante.
E aí, me digam, deu para se confundir não é?
Vale lembrar que essa coluna não tem a intenção de julgar as editoras envolvidas. O trabalho de produção de uma capa pode seguir três linhas: comprar os direitos autorais da capa original, produzir uma nova capa com imagem própria ou comprar uma figura em um banco de dados virtual para trabalhar em uma nova capa para o livro. Sendo assim, podem sim ocorrer coincidências entre as imagens provenientes dos bancos de dados do tipo online, fato que não desmerece o trabalho editorial de um livro.
Ps. Se vocês tiverem capas para sugerir é só me mandar o link via pelo formulário de contato do blog ou me falarem por aqui, nos comentários ;)
Beijos, 

23 comentários:

  1. primeira vez que leio essa coluna e amei!
    eu nunca me deparei com livros que tivessem capas iguais ou similares..
    o caso da Harlequin eu achei absurdo.
    alguem menos atento pode pensar claramente que são a versao em ingles e portugues da mesma trama!

    Beijinhos, Dreeh.
    Livros e tudo que há de bom

    ResponderExcluir
  2. adoro a coluna, mas odeio ser enganada pelas capas! ;@
    achei engraçado as capas da Harlequin, fiquei boquiaberta!
    como assim usar a mesma capa para livros de autora diferentes????

    ResponderExcluir
  3. Nossa, as vezes eu acho que é falta de criatividade mesmo ein Pah!
    Sei la mesma capa, mesma editora não sei não
    Enfim adorei o post =D
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Oi gêmea!
    Adoro essa coluna!
    Dá pra ver que em muitos casos pelo menos as imagens repetidas são de livros publicados em países diferentes, acho mais feio quando são duas capas similares no mesmo país, os leitores se confundem muito mais!
    Essa menina do Química Perfeita é a mais pop ever! Haha
    Beijão!

    ResponderExcluir
  5. Oi Pah,
    Acho essa coluna super interessante!
    Nunca tinha visto a capa de Escândalo em outro lugar que não fosse o livro, e achei legal tomar conhecimento que tem uma mão logo atrás que não conseguimos ver por causa do zoom huahaua
    Eu não gosto muito da capa de O Inferno do Gabriel, sempre que olho me lembra um romance espírita, não sei bem o porquê. Ela me passa uma sensação tão comum que não é nem surpresa vê-la nessa coluna rs
    A Harlequin lança tantos livrinhos de banca que era bem possível que já possuíssem um banco de dados próprio apenas pra chegar lá e escolher entre as disponíveis hehehe Mas acho nada a ver que eles utilizem a mesma imagem em dois livros diferentes, afinal, são da mesma editora, ainda que um título seja nacional e outro internacional.
    Beijão, Pah!

    ResponderExcluir
  6. Oi Pah!
    Nunca tinha ligado a modelo sueca do livro da Lycia Barros à de Química Perfeita! Rsrs
    Interessante!
    Beijo,
    Vinícius - Livros e Rabiscos

    ResponderExcluir
  7. Muito bom esse post.Realmente essa capas são muito parecidas umas com as outras.

    ResponderExcluir
  8. Nossa me surpreendi , não imaginava que tivessem tantas capas parecidas para livros tão diferentes,é a primeira vez que eu vejo a coluna e já estou gostando muito.

    ResponderExcluir
  9. Oi!
    É muita capa parecida! E tenho certeza que ainda vai ter mais e mais dessa mesma forma.

    Bjus...

    ResponderExcluir
  10. Adorei a coluna! Interessante isso das capas parecisas. Algumas realmente parecem até uma nova versão...

    ResponderExcluir
  11. Olá!
    Acabei de conhecer a coluna e fiquei chocada com o uso da mesma imagem em livros diferentes. Eu já tinha observado imagens semelhantes, mas pensei que parasse por aí. Muito legal ver suas comparações ;)
    bjo

    ResponderExcluir
  12. Adorei este post sobre capas semelhantes, não havia reparado nisto antes.
    Achei a matéria bem interessante e bem criativa!
    Parabéns!!!!
    Adoro este blog!!!!

    ResponderExcluir
  13. Ô loukoooo!
    Mas as capas são as mesma!!!
    Foi a primeira vez que vi, OMG!
    Isso se chama plagiar!
    Gostei bem desse poste
    rsrsrsrsr
    Beliscões carinhosos da Máh- 
    Felicidades nos Livros
    @Maaria_Silvana

    ResponderExcluir
  14. Nossa, eu sempre fico imaginando o que você vai nos mostrar da próxima vez, se vai encontrar alguma capa igual e principalmente como você faz esse tipo de pesquisa para encontrar capas novas?! hehe Deve dar um trabalhão!! hehe Beijos, Mi

    www.recantodami.com

    ResponderExcluir
  15. Ai Pah, isso me decepciona tanto, e acho que é um dos motivos inconscientes de eu não gostar nem um pouco dessas capas baseadas em fotos.
    Curto mais capas originais, desenhadas, personalizadas para o texto.

    liliescreve.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Nossa, que trabalho de pesquisa maravilhoso você fez ou você simplesmente se depara com esse material do nada? De qualquer forma, Parabéns, adorei a coluna e fiquei também me perguntando, porque essas fotos não são exclusivas? Tem alguns livros que dá pra entender em usar uma imagem de um banco, mas alguns lançamentos famosos, que sabem que terão bom retorno financeiro, deveriam investir em uma capa exclusiva. Enfim...Parabéns pelo post e pelo blog!

    ResponderExcluir
  17. Oi Pah*
    Eu adoro esta coluna por que eu mesm já me confundi com as capas achando que um certo livro era a continuação de outro.
    Mas tenho que te confessar que eu não gosto muito disso, eu acho tão estranho ter livros diferentes com a mesma capa, parece que falta criatividade, sei lá.

    Beijos*

    ResponderExcluir
  18. Oi Pah,
    Realmente, a capa de "Entre a Nobreza e o Crime" nos remete
    a romance histórico. Acho engraçado esse reaproveitamento das capas,
    ás vezes até coincide com o enredo proposto, mas em sua grande maioria
    não tem nada a ver!
    Também achei a capa de "The Secret of Ella and Micha" muito interessante, pois apesar
    de ser a mesma imagem, a editora tomou o cuidado de fazer pequenas diferenças que
    valeram muito a pena.
    Beijos

    ResponderExcluir
  19. achei duas capas com a mesma foto - claramente - so com um close-up maior em uma e uma pequena edição..
    livro Procuro-te (versão de portugal) da autora Lesley Pearser
    http://multimedia.fnac.pt/multimedia/PT/images_produits/PT/ZoomPE/9/6/4/9789892306469.jpg?201105042013

    e do livro Com louvor da autora Cecily von Ziegesar
    http://4.bp.blogspot.com/-wabJE1Q8Hjc/TtTLKNJpFBI/AAAAAAAACNE/2XhFAcfee2k/s1600/Com+louvor.jpg

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelas capas Dreeh! Essa imagem já havia aparecido por aqui, tem outro livro em PT com a mesma capa acredita? rsrs Pode deixar que vou colocá-la no próximo post da coluna. *-*

      Excluir
  20. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  21. Caramba! Mas o pior é que eu já tinha reparado em algumas editoras que faziam isso, principalmente com edições novas de livros clássicos. Adoram jogar uma imagem qualquer de pintura antiga e acham que tudo bem.

    Ótima coluna!

    http://livrosouniversoetudomais.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir