fevereiro 19, 2014

[Resenha] O Clube dos Herdeiros – Fabiana Madruga

Hoje deve ser seu dia de sorte. Sim, é com você que estou falando! Ao virar a próxima página, será como se tivesse ganhado um passe livre, uma tão cobiçada credencial, um passaporte com visto para um mundo que mal se vê pela fechadura. Você poderá conhecer cada um dos membros da nova aristocracia do Rio de Janeiro e saber o que realmente se passa na vida, na cabeça e no coração deles (e eu aposto como você jurou que isso nem existia!). Só me sinto na obrigação de te alertar a respeito do principal perigo que ameaça aqueles que se julgam sortudos por cruzar essa linha: você vai descobrir que as coisas podem não ser como você imaginava, e ter vontade de correr de volta para o seu mundo seguro, que antes pareci a tão medíocre. Mas não precisa correr tanto. No meio do caminho eu sei que você vai dar meia-volta e perceber que não vai mais a lugar nenhum. O Clube dos Herdeiros pode não ser nada parecido com um conto de fadas… mas não há como não se apaixonar perdidamente por ele! Pense bem antes de aceitar o convite: existem festas que duram a vida inteira…

New Adult || 241 Páginas
||
Amazon ||
Skoob || Classificação: 4/5 || Leia um Trecho!
O Clube dos Herdeiros é o nosso passe livre para a vida tumultuada
da aristocracia do Rio de Janeiro. De uma maneira irreverente e encantadora a
autora
Fabiana Madruga nos apresenta a nova elite
carioca, os jovens que dominam as festas da região, que vivem estampados nas manchetes
de fofocas, e que até mesmo em uma tarde tranquila na praia são alvos
constantes dos temidos paparazzis. 
Manuela, Helena, Guilherme, Henrique, Pietra… esses são os nomes da
nova geração das famílias mais importantes e influentes do Rio de Janeiro, e é
acompanhando os passos de cada um deles que descobrimos mais sobre esse mundo
de glamour e festas, ao mesmo tempo em que desvendamos seus segredos e,
inesperadamente, nos deparamos com o impossível: com o choro e a dor que as
revistas de fofoca não são capazes de ver,  com os sonhos despedaçados pela chuva de novembro. Você achou que a
posição social desses jovens significaria que eles teriam tudo aquilo que
quisessem? Então você errou. Amor, carinho e atenção familiar, aceitação
profissional, respeito, amizades verdadeiras – Nada disso pode ser comprado. E
é isso que esses jovens, algumas vezes de uma maneira bem dolorosa, vão ter que
aprender. E sabe o que é melhor? Nós também aprendemos uma grande lição,
pagando um preço alto por julgar pela aparência, e não pelo coração.
“Logo o céu volta a ficar
claro e o chão se seca junto com todas as lágrimas que possam ter caído como a
temperatura. Qualquer chuva de novembro é curta (…).”

O enfoque principal do livro é desvendar os
mistérios da elite carioca, por isso, por meio de uma narrativa dinâmica que segue
cada um dos jovens da alta sociedade do Rio, acompanhamos histórias paralelas
que ajudam a compor um cenário de festas, riquezas e paixões de primavera. Cada personagem tem um
destaque específico na trama, levando-nos a refletir sobre as diversas
personalidades, confusões, e motivações que compõem a história, além de
incentivar-nos a definir e o papel que cada um representa na trama como um
todo. Por exemplo, temos a matriarca que não abre mão de um namorado de nome (ou sangue azul seria melhor?) para
sua neta, a matrona que cuida de todos e os protege sob suas asas, a mãe que
sonha com mais um casamento de sucesso,
os pais ausentes, a filha baladeira, o filho perdido, a amiga patricinha, a
irmã-mais nova invejosa, e até mesmo um estranho no paraíso que saiu da Tijuca para
se perder entre a classe alta carioca. É pressuposto de cada um deles que eles
assumam seus respectivos papéis na história, mas é nesse ponto que somos
surpreendidos. Indo além dos estereótipos que concebemos para cada personagem, além
do que esperávamos deles, percebemos que todos são bem mais do que aparentam ser
e que, longe de julgamentos e pré-conceitos, trata-se apenas de pessoas
buscando, cada uma a sua maneira independente de estar ou não correta, a
felicidade. E esse é o grande ponto do livro, mostrar a fragilidade e o medo
que afligem os protagonistas dessa história.
Apesar de ter como enfoque vários personagens
a narrativa, na maior parte do tempo, gira em torno das duas grandes amigas
Manuela e Helena. De famílias nobres, amigas desde pequenas, donas de personalidades
únicas e fortes, as meninas – que hoje são mulheres em busca de uma colocação
no mercado de trabalho (além das compras e das festas, claro!) – encantam completamente
o leitor. São elas que dão rumo para a história, chocando e emocionando os
leitores com seus sonhos e ambições. O fato é que, mesmo elas estando em uma
realidade tão distinta e inalcançável para nós – ao menos que você seja da
elite, nesse caso você deve conhecer bem o dilema que elas enfrentam – elas são
muito parecidas com qualquer jovem da mesma idade, sofrendo as mesmas
dificuldades na busca do seu almejado e
viveram felizes para sempre
. E enquanto isso não acontece, rimos, torcemos,
sofremos, e badalamos bastante com essas garotas – Tudo no melhor estilo new adult de ser.
Acho que já ficou claro que, por mais que a
história fale da aristocracia, o ponto abordado pela autora dá espaço para os
altos e baixos desses jovens, focando tanto nos aspectos positivos quanto nos
negativos de suas vidas regradas. E, como qualquer indivíduo, muitas das
dificuldades encontradas por eles giram em torno de uma única palavra: amor. Mentiras, sonhos despedaçados,
noivados dignos de contos de fadas, e um romance que une uma das figuras mais
conhecidas entre esses grupos de herdeiros com um rapaz desconhecido e simples
da tijuca. Sim, um romance que atravessa as barreiras da classe social, o que
poderia ser clichê se o casal não se desmembrasse em um enlace impossível, improvável,
e completamente apaixonante como ocorre em O
Clube dos Herdeiros
. Eles pareciam não ter nada em comum, provavelmente
nunca seriam o par perfeito um do outro, mas ainda assim são abocanhados por um
sentimento tão forte que, amedrontados, eles não ousam nominar.
Intrigas, mentiras, romances proibidos… Tem
como não amar tudo isso? A escrita da autora é leve e direta, mas nem por isso superficial.
Ela fala de romances e festas, mas também aponta temas de reflexão como o preconceito
social e a importância da família. E mais, consegue surpreender e chocar o
leitor com o rumo final de sua história. Devo dizer também que não consegui
deixar de notar as semelhanças da história com Gossip Girl: o clima, o cenário,
os dilemas, os personagens… Contudo não se trata de uma semelhança negativa (como
seria no caso de uma cópia), muito pelo contrário, é como uma versão nacional de
uma trama envolvente e jovem. Como disse para a autora fiquei apaixonada por
sua escrita, por sua história, e por seus personagens. Não vejo a hora de poder
ler a continuação da saga dos Herdeiros que, seguindo o clima do ano, vai
esquentar as coisas e dar voz ao verão tipicamente carioca.

Mas todos os dias, cada um
deles… eu sinto falta dela. Quase todas as noites eu sonho que voltamos a nos
falar. Quando acontece qualquer coisa, boa ou ruim, eu sinto aquele impulso de
correr pra contar pra ela. Pra saber o que ela diria ou faria. Pra ouvir ela
rir do que eu digo, implicar com o meu jeito… Eu sinto falta do cheiro dela.
Da sensação de que vai ficar tudo bem quando ela está por perto. (…).. Nada
faz muito sentido sem ela.

Mas o que ninguém viu naquela
calçada de Ipanema é que talvez as pessoas mudem, mas a gente se recuse a mudar
nosso conceito sobre elas.

Sobre a Autora
O Clube dos Herdeiros é o livro de estreia da autora nacional Fabiana Madruga. A previsão de lançamento da
obra é março de 2014, data na qual poderemos adquirir o livro tanto em volume
físico (pela loja online da editora –
aqui) quanto em edição digital (fique de olho na
página da autora na Amazon –
aqui).  
E para acompanhar as novidades da saga curta a
página do livro no Facebook (
aqui).






Participe Aqui

confira também

Posts relacionados

Comente via Facebook


Deixe uma resposta para Bruna T.Cancelar resposta

55 Comentários

  • Isabella Montana
    18 maio, 2015

    Por acaso caí nessa resenha. Não gosto, nem sou de julgar por resenhas. Mas o que vi aqui foi uma fórmula batida, Gossip Girl tupiniquim, a autora se utiliza de um estilo literário batido, quase um plágio. Não vou me admirar se me deparar com uma narradora, uma história contada por uma terceira pessoa, que se não identificada será demais pra qualquer bom senso.
    E convenhamos, nova aristocracia? Alguém ainda usa essa palavra?
    Irei, porém, ler o livro assim que tiver um tempo, espero retornar aqui e mudar minha opinião. Estamos precisando de novos autores, com novos ares e estilos e histórias originais.
    Um abraço.

    • Fabiana Madruga
      17 junho, 2015

      Oi, Isabella. Tudo bem?
      Olha, concordo com você que muitas vezes julgamos sem saber. E o mais engraçado é que o livro tem exatamente essa premissa como foco. Esse seu julgamento precipitado é mais do que natural! E o melhor da história é quando nos damos conta do tamanho do erro quando nos permitimos conhecer as coisas mais a fundo. Olha, quase todos os personagens de Clube dos Herdeiros caem nesse erro, viu? E todos são vítimas dele. Então, me senti até mais parte do grupo sofrendo o mesmo! rsrs.
      Mas o importante é que você conheça o livro. Amo Gossip Girl e sinto muito por te decepcionar: não, não é por aí! Só a Cecily consegue fazer Gossip Girl e por isso eu gosto tanto dela. Aqui o livro é Clube dos Herdeiros. É brasileiro, é pé no chão, é um romance como qualquer outro e trata de rótulos que acabam caindo por terra. Acho que ele tá sob medida pra você! rs.
      Um beijo e que você possa me contar depois sobre essa mudança de prisma.

  • Pamela Verdan
    02 março, 2014

    Gostei da capa, mas o livro não me interessou muito. Esse vou passar. Uma pena porque estou procurando mais livros nacionais

  • Karina B.
    02 março, 2014

    Oii Pah!
    Não conhecia esse livro, mas estou com vontade de lê-lo.
    Eu adoro New Adults e parece ser uma história bem legal 😀
    Fiquei curiosa!

    Beijos!

  • Sika Gennargh Pelegrino
    28 fevereiro, 2014

    Tava louca pra ler esse livro já.
    Ainda mais porque quero ver como nossa literatura nacional está seguindo.
    Esse grande ponto do livro que você citou acabou me surpreendendo. Porque o livro, na minha antiga opinião, aparentaria tocar em outro assunto.
    Agora fiquei mais curiosa ainda! haha

  • Rossana Batista
    26 fevereiro, 2014

    O livro não me interessou muito, acho que porque foca na aristocracia. Mas mesmo tendo esses pontos de outro tipo da história que você citou eu ainda não fiquei com muita vontade assim de ler o livro.

  • Anna Gabby
    26 fevereiro, 2014

    Oie!
    Quando vi a sinopse do livro pensei que seria uma história mais superficial, mas pela resenha noto que isso é só o começo. Fiquei interessada, mas me preocupa que apareçam aqueles personagens muito cheios de mimi, sempre tenho vontade de esganá-los! kkk Nesse clube, há esse personagens?
    Letras & Versos

    • Paola Aleksandra
      Paola Aleksandra
      26 fevereiro, 2014

      Oi Anna, o casal central tem um pouco de mimimi, mas nada que a gente não goste! É tão bom vê-los apanhando para entender o que sentem, hahaha Beijos

  • dreehleal
    25 fevereiro, 2014

    Para tudo porque eu preciso desse livro! Quando você apresentou ele em algum outro post – que agora não me lembrarei qual – eu já fiquei encantada com a capa. E o fato de se passar aqui no Rio só é um a mais para despertar minha curiosidade, já que os livros nacionais que li se passam em SP. Ao longo da sua descrição pensei exatamente no que você disse mais no final: é um Gossip Girl brasileiro.
    Anotei aqui e ficarei de olho no lançamento do livro. Obrigado pela ótima indicação Pah ;D

    Beeijos, Dreeh.
    Blog Mais que Livros

    • Rose Carvalho
      26 fevereiro, 2014

      Mostrar o que há por traz dos ray bans, dos diamantes, dos lacostes… Não deve ser uma tarefa fácil, Mais se o livro corresponder a sinopse, com certeza é incrível e o dever foi cumprido. Esse sem duvidas vai pra lista 2014. 😉

  • Raquel Ebooks
    25 fevereiro, 2014

    Não conhecia esse livro , a capa é bem bonita , a estória atraente , talvez eu leia futuramente .

  • Suzi
    23 fevereiro, 2014

    Mais um nacional de arrasar!! *-*
    Fiquei muito empolgada com a resenha acho que vou amar!!
    Não conhecia o livro nem a autora e fiquei bem interessada!!
    Acho que vou me envolver demais !
    A capa é bem sensual e linda!!
    Beijinhos

  • nathay ferrer
    23 fevereiro, 2014

    Pelo que pude observar na resenha a autora mostra que dinheiro não é tudo, que sentimentos são os que nos movem seja para o bem ou para o mal, que cabe a nós escolhermos o melhor caminho. Gostei do que o livro quer passar, espero que tenha um bom desempenho.

  • Nay Teixeira
    22 fevereiro, 2014

    Nossa, que bacana! Sempre passo aqui para me atualizar e saber das novidades e que surpresa boa, viu?! Bem legal saber de um livro que tem uma temática que leio muito em literatura estrangeira e ainda por cima, se passa na minha amada cidade maravilhosa. <33 Com certeza vou ler, fiquei bastante interessada.

  • Julia Moraes
    22 fevereiro, 2014

    Não gostei muito da sinopse , e o tema não me chamou a atenção , vou passar essa..
    E-mail: juliamariamoraes2013@gmail.com
    Nome de seguidor: Julia Moraes

  • Anne Viana
    21 fevereiro, 2014

    Não conhecia o livro nem a autora..gostei bastante da capa e da sinopse…fiquei interessada na estória pois acho que a curiosidade de todos é a mesma né sober como é a vida de cada um dos protagonistas 🙂

    http://livroaoavesso.blogspot.com.br/

    • Fabí Madruga
      22 fevereiro, 2014

      Oi, Anne! Tudo bem? Eu sou a Fabiana, autora do livro.
      A capa é toda culpa da Marina Ávila, minha designer preferida no universo! rs
      E adorei seu comentário! Queria te convidar para conhecer nossa página e trocar ideias sobre o livro por lá: https://www.facebook.com/oclubedosherdeiros
      Um beijo grande,
      Fabí

  • Dani Kaulitz
    21 fevereiro, 2014

    Ainda não conhecia o livro, mas fiquei bem interessada pois parece ser ótimo para refletirmos o quanto julgamos os adolescentes riquinhos sem pararmos para pensar que eles podem sofrer bastante com coisas que o dinheiro não podem comprar, como amizades verdadeiras e amor. Deve ser mesmo uma ótima leitura para conhecermos o ponto de vista deles 🙂

    • Fabí Madruga
      22 fevereiro, 2014

      Dani, adorei ler seu comentário! É exatamente esse o espírito do livro! Vai ser o máximo saber o que você achou dele quando lançar, viu?
      Enquanto isso, dá pra ficar por dentro de todas as datas e trocar várias ideias na página do Facebook: https://www.facebook.com/oclubedosherdeiros
      Espero você lá!
      Beijos,
      Fabí

  • Andréia Renata
    21 fevereiro, 2014

    A capa é linda, mas não senti o mínimo de vopntade de lê-lo, me passou a impressão de ser um livro meio… fútil, não sei, posso estar errada, mas por enquanto não quero lê-lo.

    • Fabí Madruga
      22 fevereiro, 2014

      Oi, Andréia! Tudo bem? Eu sou a Fabiana, autora do livro.
      Queria primeiro te agradecer pelo elogio à capa. É obra da Marina Ávila, de quem sou fã! E, de todas que ela me mandou, foi por essa que me apaixonei de cara.
      Quanto ao livro, sabe que a impressão de futilidade é proposital? Exatamente porque é essa a impressão que a gente tem desse povo nariz empinado, né? Mas a graça é justamente essa: mostrar que eles têm dilemas muito diferentes do que a gente vê pelas revistas. E é nessa que o livro mostra que é mais do que uma capinha bonita. 😉
      Te convido para conhecer nossa página: https://www.facebook.com/oclubedosherdeiros
      Quem sabe você não acaba dando uma chance aos Herdeiros? 😉
      Beijo grande,
      Fabí

  • Tais Bruna
    21 fevereiro, 2014

    Também nunca tinha visto esse livro, porém fiquei bem curiosa ainda mais sabendo que é nacional
    Vou acompanhar a página no facebook para saber mais sobre seu lançamento e espero ter a chance de ler.

    bjs
    Tais
    http://www.leitorafashion.com.br

  • Ycaro Santana
    21 fevereiro, 2014

    Fiquei bem animado com o livro agora, confesso que é a primeira vez que vejo falar da autora, e gostei muito de sua escrita ser bem citada. A sinopse do livro me envolveu bastante, e eu não posso perder esta leitura 🙂

    Bjs,

    • Fabí Madruga
      22 fevereiro, 2014

      Oi, Ycaro! Nossa, eu adorei seu comentário! Deixa eu me apresentar, sou a Fabiana, autora do livro.
      Está mais do que convidado a conhecer nossa página: https://www.facebook.com/oclubedosherdeiros
      Por lá a gente pode manter contato direto e trocar ideias, além de você ficar por dentro das datas de lançamento, promoções e tudo mais.
      Beijo grande,
      Fabí

  • camila rosa
    21 fevereiro, 2014

    Nossa é a primeira vez que vejo esse livro ele parece ser muito interessante mesmo,eu curti a historia que ele conta, apesar de não gostar muito de livros que tenham esse negocio de paparazes atras do personagens principais, mas pelo visto vou gostar do livro.
    Beijos!!!

    • Fabí Madruga
      22 fevereiro, 2014

      Oi, Camila! Tudo bem? Eu sou a Fabiana, autora do livro. Olha, eu posso te garantir que tem poucos fotógrafos no livro, hein?! rsrsrs
      O principal mesmo são os dramas pessoais de cada um dos Herdeiros, e por isso pode ser que você goste deles apesar dos flashes! rs
      Te convido a conhecer nossa página: https://www.facebook.com/oclubedosherdeiros
      Beijos,
      Fabí

  • Thalita Sousa
    20 fevereiro, 2014

    Olá Pah, como já falaram nos comentários e pelo que li na resenha esse livro me lembrou um pouco Gossip Girl, talvez seja só impressão. Já tentei ler os livros de GG mais não dei continuidade, então não sei se esse seria um tipo de leitura que me agradaria.

    • Fabí Madruga
      22 fevereiro, 2014

      Oi, Thalita! Tudo bem? Eu sou a Fabiana, autora do livro.
      Sabe, eu gosto bastante dos livros de GG, mas prefiro a série. E te digo já de início que Clube dos Herdeiros não se parece, em termos de escrita, com GG.Se decidir dar uma chance aos Herdeiros, está mais do que convidada a conhecer nossa página: https://www.facebook.com/oclubedosherdeiros
      Beijos,
      Fabí

  • Camila Rocha
    20 fevereiro, 2014

    oi Pah…

    Taí que a história parece ser envolvente.
    Achei interessante o rumo em que a história vai e principalmente porque a autora uso uma cidade local e não o exterior, como muitos fazem.

    Fiquei curiosa… Pois se é parecido com Gossip Girl (que só assisti o seriado e era fã de chuck bass e blair waldorf srsrsrs) quero saber do que se trata kkkk

    • Fabí Madruga
      22 fevereiro, 2014

      Oi, Camila! Eu sou a autora do livro, Fabiana, e fiquei muito feliz com seu comentário! Sou #TeamBass forever também! rsrsrs
      Te convido a conhecer nossa página. Assim podemos trocar mais ideias e você pode conhecer melhor os personagens, além de ficar informada sobre todas as datas: https://www.facebook.com/oclubedosherdeiros

      Beijos,
      Fabí

  • Bruna T.
    20 fevereiro, 2014

    Oi Pah,
    Adorei sua resenha e fiquei bem curiosa para ler o livro! Obrigada pela dica.
    Pena que ainda não lançou 🙁
    Beijos, Bru
    http://www.sobrelivroseetc.com

    • Fabí Madruga
      22 fevereiro, 2014

      Oi, Bruna! Tudo bem? Eu sou a Fabiana, autora do livro.
      Pena que ainda não lançou MESMO! rs… mas dá pra gente sofrer juntas na página do Facebok: assim não tem como perder as datas de lançamento e ainda dá para trocar ideias comigo e com os leitores sobre os trechos divulgados e fichas de personagens: https://www.facebook.com/oclubedosherdeiros
      Beijos,
      Fabi

  • Amanda T.
    20 fevereiro, 2014

    Nunca tinha escutado falar desse livro, bem diferente. Meio que Gossip Girl brasileiro né? Haha mas não é meu estilo não, apesar dos elogios à obra, vou deixar passar essa.

    Beijos
    http://escolhasliterarias.blogspot.com.br/

  • Jardani Dias
    20 fevereiro, 2014

    Gostei da resenha, mas não senti interesse em ler o livro. Não sei se daria ou não a chance de ler. Nunca li nada parecido, então talvez seja por não conhecer que não me interessei.
    Bjos.

    • Fabí Madruga
      22 fevereiro, 2014

      Oi, Jardani. Eu sou a Fabiana, tudo bem?
      Adorei você ter dito que nunca leu nada parecido: mais um motivo para eu querer muito sua opinião sobre Clube dos Herdeiros. Quem sabe você não se surpreende com a história?
      Mais do que convidada para conhecer a página e bater um papo comigo por lá: https://www.facebook.com/oclubedosherdeiros

      Será uma honra ter você como leitora 😉
      Beijos,
      Fabi

  • Pamela Liu
    20 fevereiro, 2014

    Parece que tem mesmo algumas semelhanças com Gossip Girl, o que achei bem legal. Não conhecia essa autora e é bom saber que o livro vai chegar logo (ia ser melhor que já estivesse por aqui, mas tudo bem).
    Achei a capa bem bonita!!

    • Fabí Madruga
      22 fevereiro, 2014

      TÁ CHEGANDO, PAMELA, TÁ CHEGANDO! <3
      Sou a Fabiana, autora do livro, e fiquei super animada com seu comentário. Queria te convidar para curtir a página: maneira mais eficaz de ficar por dentro das datas de lançamento e de conhecer tudo sobre o livro: https://www.facebook.com/oclubedosherdeiros

      Beijos,
      Fabí

  • Lanifer
    20 fevereiro, 2014

    Oi Pah!
    Eu já conhecia o livro, mas ainda não tinha ido nenhuma resenha. Não fiquei tão interessada no livro assim que conheci, mas a sua resenha me fez mudar de ideia. Sem falar que atualmente tem muitos livros nacionais que me impressionam com a sua qualidade, digo isso porque leio mais livros de autores estrangeiros. Eu já li Perdida e gostei muito, só fiquei sabendo que era nacional enquanto eu lia.
    Beijos

    • Fabí Madruga
      22 fevereiro, 2014

      Oi, Lanifer! Tudo bem? Eu sou a Fabiana, autora do livro.
      Vi que você leu Perdida e eu adoro a Carina Rissi e os livros dela! Realmente, tem vários autores brasileiros despontando e muitos com uma qualidade muito legal. Fico feliz de estar bem acompanhada! rs
      Aliás, espero que a resenha da Pah tenha despertado sua curiosidade para o Clube dos Herdeiros. Seria o máximo saber sua opinião sobre ele! Aliás, fica o convite para conhecer nossa página: https://www.facebook.com/oclubedosherdeiros
      Beijos,
      Fabí

  • Rayme
    20 fevereiro, 2014

    é, lendo a sua resenha eu já estava aqui pensando: meu deus, como eu ainda não conhecia este livro????
    mas ok ok, ele só chega em março.
    oh meu deus…… só em março?????????????????
    quero logo! quero logo!
    que história incrível gente!!!
    exatamente isso, tem como não amar tudo isso?
    realmente tem um ar meio Gossip Girl mesmo, porém, parece ser ótimo…

    • Fabí Madruga
      22 fevereiro, 2014

      Rayme, adorei seu comentário!!! <3
      Eu sou a Fabiana, autora do livro. Quero muito ter você como leitora e saber da sua opinião em tuuuudo relacionado à série!
      Pela página dá pra gente manter contato, você ficar por dentro de tudo e participar de todas as enquetes e bate-papos: https://www.facebook.com/oclubedosherdeiros
      Beijo grande,
      Fabí

  • Julia Costa
    20 fevereiro, 2014

    Desde o começo da resenha senti as semelhanças com Gossip Girl! nunca li, mas assisti a série. como vc disse, um Gossip Girl nacional, acho que deve ser bem legal 🙂 to adorando ler livros de autoras brasileiras que tão fazendo sucesso agora! quero muito conhecer essa história. beijoos

    • Fabí Madruga
      22 fevereiro, 2014

      Ju, eu sou super fã de Gossip Girl! O livro com certeza tem sim algumas semelhanças. Mas nossos Herdeiros e os Upper East Siders têm uma porção de diferenças também, e espero que vocês gostem de todas elas.
      Por que você não dá uma passada na nossa página no Face? Dá pra ficar por dentro de tudo: lançamentos, promoções, novidades, trechos e bate-papo! 😉
      https://www.facebook.com/oclubedosherdeiros
      Beijos,
      Fabí

  • Anônimo
    20 fevereiro, 2014

    Jamais imaginei que um(a) autor(a) abordaria esse tema. Muitas vezes o julgar pessoas pela classe social e por ser famosa pode ser errado, esquecendo que é um ser humano, mas também as companhias e as ações delas em diversos lugares podem dizer muito sobre elas.
    Gostei bastante da resenha.
    Abraços!

  • Mirelle Candeloro
    20 fevereiro, 2014

    Oi Pah, lembro que desde que vi essa capa simplesmente surtei. Gente, que capa divina. Olha, sendo sincera, este não é um tema que atraia a minha atenção. Não tenho muita paciência para ler ou ver sobre esse povo riquinho metido a besta. Posso estar sendo preconceituosa, admito, mas estou sendo sincera. Porém, depois da sua resenha tão positiva também não posso negar que fiquei com uma ponta de curiosidade para ler o livro e ver o que acho da história. Quem sabe não me surpreenda? Beijos, Mi

    http://www.recantodami.com

    • Fabí Madruga
      22 fevereiro, 2014

      Oi, Mi! Tudo bem? Eu sou a Fabiana, autora do livro.
      Ri muito com o povo riquinho metido à besta! De primeira são mesmo: e acho que essa é justamente a graça do livro – ver que as aparências podem camuflar muitas coisas negativas e positivas. Não sei se você vai gostar (dedos cruzados! rs), mas posso te garantir que vai se surpreender com cada um dos Herdeiros. 😉
      Fica mais do que convidada a conhecer nossa página: https://www.facebook.com/oclubedosherdeiros
      Beijos,
      Fabi

  • Ana Carolina
    20 fevereiro, 2014

    Olá Pah!
    Achei muito interessante a sinopse do livro e sua resenha desperta aquela vontade de saber o que vai acontecer.
    Mais um livro para lista de desejos…hehehe
    Beijos.

  • Gislaine Silva
    20 fevereiro, 2014

    Gostei muito da resenha e fiquei interessada no livro. Agora é esperar o lançamento.

  • Carolina
    20 fevereiro, 2014

    Nunca tinha ouvido falar no livro, mas achei a história dele super original e interessante,
    Quando ele for lançado, com certeza pretendo dar uma chance para conhecer melhor o trabalho da autora.

    Beijão
    Sun Rises Here

    • Fabí Madruga
      22 fevereiro, 2014

      Oi, Carolina, tudo bem? Sou a autora do livro e fiquei muito feliz com seu comentário!
      Queria te convidar para conhecer a nossa página no Facebook: https://www.facebook.com/oclubedosherdeiros

      Assim dá pra ficar por dentro e saber das novidades e do lançamento: seria muito legal ter você nas festas!

      Um beijo grande,
      Fabi

    • Fabí Madruga
      22 fevereiro, 2014

      Oi, Carol, tudo bem?
      Sou a autora do livro e fiquei muito feliz com seu comentário!
      Queria te convidar para conhecer nossa página no Facebook: https://www.facebook.com/oclubedosherdeiros

      Assim dá pra ficar por dentro das datas de lançamento, promoções e festinhas! 😀 Além de rolar sempre um tricô básico entre os leitores.

      Beijo grande,
      Fabí