[Resenha] Sem Clima Para o Amor – Rachel Gibson

Sem Clima para o Amor é um livro divertido, daqueles que te faz suspirar. A principal personagem, Clare Wingate é assim, uma hora sofre porque o vestido rosa-choque não será mais usado, num outro momento pega o namorado em posição constrangedora com outro homem e depois, quando decide dar uma trégua e se dedicar apenas ao trabalho, encontra o amigo de infância, Sebastian Vaughan. Os beijos são inesquecíveis e ela não tem vontade de ir embora.
Chick-Lit || 318 Páginas || Cortesia Geração Editorial (Selo Jardim dos Livros)|| Skoob || Compare & Compre || Classificação: 4/5
Depois de anos de namoro não restavam mais dúvidas, Clare finalmente havia encontrado o grande amor da sua vida. Apaixonada por um homem compreensivo, carinhoso, companheiro, capaz de gostar das mesmas coisas que ela e, principalmente, apegado mais ao sentimento do que ao desejo, ela sabia que estava caminhando rumo ao seu final feliz, ou pelo menos achava que sabia até encontrar seu noivo a traindo com, olha o susto, outro homem! Nesse momento Clare teve certeza de três coisas: primeiro que o mundo dela havia acabado de desmoronar, segundo que ela definitivamente tinha um dedo podre para o amor, e terceiro que ela precisava de muitas doses de bebida para esquecer a cena que presenciou. Entretanto, o que ela não poderia imaginar é que, horas e drinques mais tarde, ela acabaria descobrindo uma nova verdade, que as coisas sempre podem piorar, e que a prova disso era a presença nada reconfortante de Sebastian Vaughan apenas de toalha bem a sua frente, a observando com seu típico olhar de deboche. Pois é, o tempo passa e infelizmente algumas coisas nunca mudam.

Depois de descobrir as preferências sexuais do antigo noivo Clare passa por um momento muito difícil, indo da negação à raiva em instantes. Para ela é quase impossível acreditar que foi enganada por tanto tempo, mas o pior mesmo é saber que os sinais estavam ali e ela não só os ignorou, seja consciente ou inconscientemente, como também não os quis ver. – Afinal, o que teria de errado com ela para se boicotar dessa forma? Nesse ponto a autora explora muito bem o universo feminino, descrevendo as amarras sociais que sufocam Clare, os dramas familiares que a seguem onde quer que ela vá, e o medo iminente de toda mulher (ou da maioria delas) de nunca encontrar seu verdadeiro amor. Fora que, sendo Clare uma escritora de romances históricos sensuais, a Rachel Gibson aproveitou tal gancho profissional para mostrar como essas autoras sofrem preconceito até mesmo dentro do âmbito familiar, e eu adorei isso, já que definitivamente estou cansada desse tal de preconceito literário. Sem contar que ela insere trechos dos livros “escritos” por sua personagem, inundando a história de piratas, condes, e mocinhas obstinadas mesmo em seus vestidos rodados.
Como de costume nas obras da autora sempre temos uma vertente masculina, que nesse caso é muito bem representada pelo Sebastian, um jornalista famoso que depois de rodar o mundo e ganhar inúmeros prêmios descobriu que a verdadeira riqueza da vida estava na família, e que por isso estava mais do que na hora dele voltar (mesmo que temporariamente) para a sua, para o pai e para a cidade que ele abandonou aos doze anos de idade. Não é fácil reconstruir uma ligação que foi quebrada com o tempo, mas aos poucos vamos vendo esses dois homens fortalecerem o laço de pai e filho, se redescobrindo aos poucos. O problema é que ao se reaproximar do pai, que é quase como um segundo pai para Clare, Sebastian também se reaproxima da menininha certinha que não sabia andar fora da linha e que agora, para o seu deleite ou para a sua loucura, se tornou uma mulher incrivelmente bela e inteligente. Temos então emoção, bom humor, idas e vindas do destino, e uma relação de gato e rato que acaba em várias explosões de desejo. Eles não se suportam desde crianças, mas é impossível negar que algo forte os une.
O livro é leve e ao mesmo tempo reflexivo, e isso foi o que mais gostei na obra. É fácil mergulhar no romance, nas brigas e provocações do casal, mas é ainda mais gostoso ver o como eles amadurecem e aprendem com a vida antes de adentrarem em um relacionamento. Aqui os dois precisam de cura, mesmo que em níveis diferentes, e apenas quando encontram isso é que as coisas entre eles engrenam de verdade – é como se eles precisassem preparar seus corações para o que estava por vir. Nesse caso vemos então o tempo agir, observando como as coisas acontecem com calma, aos poucos, o que nos conquista e envolve completamente. Eu torci tanto por esse casal, por esse romance, mas torci ainda mais por cada um desses personagens, para que eles encontrassem a verdadeira felicidade. É claro que não estamos falando de um drama interior, é um romance “água com açúcar” afinal, contudo não existem dúvidas de que a trama vai bem além.
Eu ri, me surpreendi, briguei interiormente com os personagens, e me emocionei com o final da história que foi capaz – mesmo com seu teor previsivelmente romântico – de me deixar com um sorriso bobo no rosto, daqueles que só esse tipo de comédia romântica consegue. Por fim, espero que a editora publique os próximos livros da série e continue fazendo um trabalho tão bom quanto esse, já que a nova edição de Sem Clima Para o Amor ficou impecável.
“Passei a vida toda esperando sentir algo maior e mais forte que eu. Algo contra o que eu não pudesse lutar, nem do qual pudesse me afastar ou que conseguisse controlar. (...). Esperei a vida toda por você, Clare.”
Sobre a Série
Sem clima para o Amor é o segundo volume da série Writer Friends, que conta com quatro volumes – cada um narrando a história de amor de uma das quatro amigas desse grupo de escritoras, por isso as obras podem ser lidas de forma individual, ainda que eu não recomende isso, já que conforme vão encontrando seus pares as amigas assumem um papel diferente nas histórias futuras.

Dentre esses quatro livros dois já publicados no Brasil: o segundo e o terceiro (intitulado Sempre ao Teu Lado). Desta maneira, em ordem mista, os livros são: Sex, Lies, and Online Dating (que eu já li e adorei! Tem resenha aqui no blog); Sem clima para o amor; Sempre ao teu lado (meu desejo do momento!); e Not Another Bad Date.







Participe Aqui

22 comentários:

  1. ainda não li este livro, e na verdade só li um livro da autora, mas fiquei tão encantada pela escrita dela que agora quero ler todos dela! hahaha
    parece ser uma história bem divertida. coitada da Claire, não deve ser fácil descobrir que, depois de tanto tempo com um homem, ele na verdade é gay =/

    ResponderExcluir
  2. Oi, Pah!
    Eu amo as tuas resenhas! Sempre muito bem escritas! <3
    Sou louca pra ler algum livro da Rachel Gibson, mas ainda não tive a oportunidade. E as capas são tão lindas que dá vontade de ter todas!
    Adorei a sinopse e parece muito divertido e, ao mesmo tempo, reflexivo, como vc falou. Adoro livros assim: que, de alguma forma, te agregam algum valor ao final da leitura.
    Já entrou na lista de desejados!
    Bjos,
    La Vie d'Lee

    ResponderExcluir
  3. Oi Pah, não conheci esses livros , mas já conhecia a autora, tenho um livro dela em e-book, apesar de não tê-lo lido ainda. E vou admitir que tenho sim um certo preconceito literario (não me julguem) não sou muito fã de ler livro YA escrito por mulheres, acho a maioria muito mamão com açúcar. rsrsr
    Tem post novo, passa lá no blog!
    Abraços.
    J. A. Santos.
    http://j-a-santos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Esse livro esta na minha lista á quase um mes , e quero muito ler ele , eu amo as resenhas sobre ele , e amei essa reesenha , na verdade ela foi amais explicada de todas e a caa e p e r f e i t a kkkk

    ResponderExcluir
  5. Nunca li nenhum livro da autora, mas ela é muito elogiada por causa da escrita, então isso me deixa meio curiosa.
    E-mail: juliamariamoraes2013@gmail.com
    Nome de seguidor: Julia Moraes

    ResponderExcluir
  6. Eu comprei este livro e estou ansiosa para começar a ler, mas para ler eu preciso acabar o que estou lendo agora haha' Amei a resenha!

    ResponderExcluir
  7. Oi Pah!
    Então nunca li nada de Rachel Gibson, não sei sempre que pego um livro dela para comprar acabo levando outro.
    Gostei bastante da estória desse livro, uma pena ainda não terem lançado o primeiro.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  8. Chick-Lit <3
    Eu adoro tramas assim, leves, fofas e clichês! Ainda não li, mas adoraria conhecer essa história, e tenho certeza que vou gostar =)
    A capa é uma graça, meio Cinderela :3 hahaha
    Beijo.

    ResponderExcluir
  9. Oi, Paola
    Estou muito ansiosa para ler esse livro. Sua resenha está muito boa. Acho que vou dar muitas risadas, pois já comecei com a sua resenha. Ainda não li nada dessa autora, mas já vi muitos elogios. Vou ler esse livro, com certeza. Beijos.

    ResponderExcluir
  10. Esses dias vi muitas blogueiras resenhando esse livro e a maioria fala bem, mas a impressão que eu tenho é que no fundo esse livro é um cliché e nada maia. Até agora, nenhuma resenha conseguiu me convencer de ler esse livro.

    ResponderExcluir
  11. Oi Pah !
    Sem clima para o amor esta morfando na minha instante , não sei porque ( preguiça ou falta de motivação ? rs ) sua resenha me deu a coragem que eu necessitava para dar uma chance a Rachel. Beijos e ótima resenha >3

    ResponderExcluir
  12. Oi Pah. Eu ainda não tinha ouvido falar desse livro, e olha que eu amo Chick lit!! Amei a historia, amo esses clichês românticos e fofos! Entro na minha lista de chick lit haha Como não tenho dinheiro para comprar, mas vou procura-lo em e-book, só não posso deixar de lê-lo.

    ResponderExcluir
  13. Tenho uma relação de paz e guerra com esses livros. Adoro a sinopse, as resenhas, mas quando pego para ler, não consigo continuar. Realmente não sei o que acontece.

    ResponderExcluir
  14. Ótima resenha, muito boa mesmo .
    Já vi várias resenhas positivas sobre o livro, e simplesmente o amei, apesar de não gostar muito do gênero.

    ResponderExcluir
  15. Em geral, pela resenha, achei o livro muito bem humorado e bonitinho. E gostei logo de cara.
    Também adorei a autora abordar a vida literária de quem escreve romances históricos sensuais.
    Não sei nem o que comentar mais rs. É perfeito!

    ResponderExcluir
  16. Oi Pah, adorei a resenha, o livro parece ser muito bom, fiquei realmente interessada em fazer essa leitura. Eu não costumo ler esses tipos de livros, mas esse é um bem interessante.
    Beijos!

    http://palacioliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Adoro chick-lit e amo a Rachel Gibson. Ainda não li "Sem Clima para o Amor" (adorei a resenha) parece ser um romance bem leve e é claro que está na lista, mas sou aficionada pela série de hockey dela que começa em "Simplesmente Irresistível". Porém, até agora o meu favorito é "See Jane Score". Veremos se "Sem Clima para o Amor" irá tirar o lugar de favorito de "See Jane Score"!!

    ResponderExcluir
  18. Eba Pah, que bom que você também gostou. Adorei a combinação explosiva dos personagens. Só achei que a história demorou para engrenar e isso incomodou um pouco. Queria muito ler os outros livros da série. Beijos, Mi

    www.recantodami.com

    ResponderExcluir
  19. Oi, eu ainda não li esse livro, mas quero muito ler, li somente um livro da Rachel e eu adorei, e Sem clima para o amor, parece daqueles livros que irá me prender e que irei gostar muito, adore a resenha.
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  20. Oi, eu ainda não li esse livro, mas quero muito ler, li somente um livro da Rachel e eu adorei, e Sem clima para o amor, parece daqueles livros que irá me prender e que irei gostar muito, adore a resenha.
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  21. Esse não é exatamente o gênero de livro que costumo ler, mas eu li e gostei bastante. O enredo é engraçado e os personagens são cativantes. Não é uma leitura pesada, mas serve para momentos mais estressantes. Super indico.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista

    ResponderExcluir
  22. Eu adoro os livros d a Rachel Gibson,principalmente Loucamente Sua, espero que esse novo seja também!

    ResponderExcluir