Newsletter

assine a newsletter!

E receba a notificação de novos posts por e-mail

Haley é campeã de kickboxing, mas, após enfrentar uma tragédia, jurou nunca mais pôr os pés no ringue. Até o dia em que o cara em quem ela não consegue parar de pensar aceita uma luta de MMA em homenagem a ela. De repente, Haley tem de treinar West Young. Cheio de atitude, West é tudo o que Haley prometeu a si mesma evitar. Ainda assim, ele não vai durar cinco minutos no ringue sem a ajuda dela. West está escondendo um grande segredo de Haley, sobre quem ele realmente é. Mas ajudá-la lutar por ela é uma chance para a redenção. Ele não pode mudar o passado, mas talvez possa mudar o futuro de Haley. Haley e West combinaram de manter o relacionamento estritamente dentro do ringue. Mas, conforme uma ligação inesperada se forma entre eles e o desejo chega ao limite, eles terão de enfrentar seus medos mais obscuros e descobrir se vale a pena lutar pelo amor.
Jovem Adulto Maduro |350 Páginas | Cortesia Editora Verus| Skoob | Compare & Compre: SubmarinoSaraivaAmazon| Classificação: 4,5/5
Uma das coisas mais maravilhosas sobre a escrita da Katie McGarry é que ela sempre nos faz mergulhar de cabeça em suas histórias. Ao construir romances intensos e reais, a autora nos conecta com seus personagens e, através deles, gera importantes reflexões sociais. E amo essa característica! Com uma pitada de romance, um pouco de sensualidade e muito drama familiar, mergulhamos em livros que – por mais clichês que possam parecer – falam de assuntos sérios e cruelmente reais. Tanto é que em No Limite do Desejo temos a abordagem de temas tabus como disparidade social, dependência química, marginalidade, famílias frágeis e despedaçadas, relacionamento abusivo e, principalmente, agressão física contra a mulher. E o mais legal é que todos esses pilares dão vida a uma obra cheia de amor, amadurecimento, superação e recomeços.

junho 29, 2016

Livros Jovens e Surpreendentes

Por Paola Aleksandra

Olá, galera! Como vocês estão? Hoje vou indicar cinco livros do gênero jovem adulto maduro que possuem uma narrativa MEGA surpreendente. Curiosos? Então vem conferir:
Ou veja direto no Youtube: aqui.

[Resenha] Pretty Girl 13 – Liz Coley

Por Paola Aleksandra

Três anos se passam, e Angie Chapman reaparece sem qualquer lembrança desse período. Como se o tempo tivesse parado. Ela ainda acredita ter treze anos e insiste que dali a três semanas vai para o oitavo ano. Angie não se reconhece na imagem da garota alta e magra que aparece refletida no espelho toda vez que se olha. E nem faz ideia do que são aquelas marcas e cicatrizes no seu corpo. Pretty Girl – 13 um mistério psicológico fascinante e perturbador em que a garota Angie tem de juntar os flashes de sua memória para descobrir a sua verdadeira identidade, ou seriam identidades?
Thriller Psicológico | 224 Páginas | Editora Bendirá | Skoob | Compare: SaraivaAmazon| Classificação: 4,55/5 | Resenha da Day Farias
Faz mais de um ano que estou curiosa a respeito desse livro. Aliás foi paixão a primeira vista! Acho que, qualquer um que tenha a mínima queda por mistérios, teria sentido o mesmo ao ler a sinopse da obra. Uma história que promete – e cumpre! – ser tão envolvente e misteriosa chama a atenção naturalmente, e foi exatamente o que aconteceu comigo. Então, quando enfim tive oportunidade de lê-lo não pensei duas vezes e mergulhei nessa leitura sombria e enigmática.

Emma tem 27 anos, é linda e inteligente e vive cercada de pessoas que ama. Prestes a se casar com Richard, seu namorado desde a época de escola, ela não poderia estar mais empolgada. Mas o que deveria ser o momento mais feliz de sua vida de repente vira uma tragédia. Emma sofre um acidente e é salva por um estranho minutos antes que o carro em que ela viajava explodisse. Abalada, ela decide adiar o casamento. E nesse meio-tempo descobre segredos que a fazem questionar as pessoas nas quais sempre confiara a ponto de duvidar se deve se casar afinal. Para complicar, ela se sente cada vez mais ligada a Jack, o homem que a salvou e que não sai da sua cabeça. Jack é lindo, gentil e divertido, de um jeito diferente de todos que ela já conheceu. Por outro lado, é Richard quem ela sempre amou... Uma mulher, dois homens, tantos destinos possíveis. Como essa história vai terminar?
Romance | 352 Páginas|  Cortesia Editora Arqueiro| Skoob | Compare & Compre: SubmarinoSaraivaAmazon | Classificação 4,5/5
Iniciei a leitura com a certeza de que essa história iria me emocionar, afinal a Dani Atkins tem uma narrativa peculiar que mexe com o meu coração. Além de verdadeiros e reflexivos, seu romances são recheados de mistérios que cativam o leitor e que só são descobertos, de forma emocionante e surpreendente, no final da leitura. Trata-se de um tipo de história que vai conquistando aos poucos, gerando inúmeros questionamentos no leitor (tanto sobre a trama quanto sobre seus valores), e encaminhando-o para um desfecho impactante e tocante. Dessa vez, a autora uniu presente e passado para dar vida a um complexo triângulo amoroso. E ao falar sobre os altos e baixos que só o amor é capaz de gerar, ela nos faz refletir sobre recomeços, perdão, sonhos, os tipos de amor que encontramos ao longo da vida, a força das amizades verdadeiras, e os males de ser roubado por uma doença tão cruel quanto o Alzheimer. Com uma trama viva e intensa, A História de Nós Dois promete – e cumpre – emocionar e tocar um pedacinho da alma do leitor.

Tocante, profundo, engraçado, sexy... ''O Acordo" é um romance que vai te encantar e surpreender a cada página. Hannah Wells finalmente encontrou alguém que a interessasse. Mas, embora seja autoconfiante em vários outros aspectos da vida, carrega nas costas uma bagagem e tanto quando o assunto é sexo e sedução. Não vai ter jeito: ela vai ter que sair da zona de conforto Mesmo que isso signifique dar aulas particulares para o infantil, irritante e convencido capitão do time de hóquei, em troca de um encontro de mentirinha. Tudo o que Garrett Graham quer é se formar para poder jogar hóquei profissional. Mas suas notas cada vez mais baixas estão ameaçando arruinar tudo aquilo pelo qual tanto se dedicou. Se ajudar uma garota linda e sarcástica a fazer ciúmes em outro cara puder garantir sua vaga no time, ele topa. Mas o que era apenas uma troca de favores entre dois opostos acaba se tornando uma amizade inesperada. Até que um beijo faz com que Hannah e Garret precisem repensar os termos de seu acordo.
New Adult |360 Páginas | Cortesia Editora Paralela| Skoob | Compare & Compre: SubmarinoSaraivaAmazon| Classificação: 5/5
O Acordo é o tipo de romance que logo nas primeiras páginas já ganha o coração do leitor. Além de uma trama divertida, romântica e extremamente reflexiva, a história surpreende por debater temas clichês para a literatura new adult– por exemplo, relacionamento de conveniência, abuso sexual, agressão física, e os pré-conceitos por trás dos grupos estudantis – e torná-los únicos. Sem dúvida, é isso que mais amo nesse livro: a maneira como a autora usa pontos de reflexão previsíveis para criar um romance cativante, emocionante e pra lá de surpreendente. O fato é que lemos muitas histórias com essa mesma premissa, mas poucas são tão intensas quanto à escrita pela Elle Kennedy. Já é a segunda vez que leio esse livro e a sensação de amor é a mesma; não resisti e acabei apaixonada pela simplicidade por trás desse romance tão fofo e acolhedor.

junho 24, 2016

TAG dos 50% | Balanço do 1º Semestre

Por Paola Aleksandra

Oi galera! Tudo bem com vocês? Hoje vou responder uma TAG indicada por vocês: A TAG dos 50 %. Vem conferir: (relevem as variações da iluminação, juro que vou tentar melhorar isso nos próximos vídeos ♥):

Ou veja direto no Youtube: 
aqui.

[Resenha] Anna Vestida de Sangue - Kendare Blake

Por Paola Aleksandra

Cas Lowood herdou uma vocação incomum: ele caça e mata os mortos. Seu pai fazia o mesmo antes dele, até ser barbaramente assassinado por um dos fantasmas que perseguia. Agora, armado com o misterioso punhal de seu pai, Cas viaja pelo país com sua mãe bruxa e seu gato farejador de espíritos. Juntos eles vão atrás de lendas e folclores locais, tentando rastrear os sanguinários fantasmas e afastar distrações, como amigos e o futuro. Quando eles chegam a uma nova cidade em busca do fantasma que os habitantes locais chamam de Anna Vestida de Sangue, Cas espera o de sempre: perseguir, caçar, matar. Mas o que ele encontra é uma garota envolta em maldições e fúria, um espírito fascinante, como ele nunca viu. Ela ainda usa o vestido com que estava no dia em que foi brutalmente assassinada, em 1958: branco, manchado de vermelho e pingando sangue. Desde então, Anna matou todas as pessoas que ousaram entrar na casa vitoriana que ela habita. Mas, por alguma razão, ela poupou a vida de Cas. Agora ele precisa desvendar diversos mistérios, entre eles: Por que Anna é tão diferente de todos os outros fantasmas que Cas já perseguiu? E o que o faz arriscar a própria vida para tentar falar com ela novamente?

Fantasia Sobrenatural | 252 Páginas | Cortesia Editora Verus| Skoob | Compare & Compre: SubmarinoSaraivaAmazon| Classificação: 3,5/5
Não nutria grandes expectativas para a leitura de Anna Vestida de Sangue. Na realidade, sabia tão pouco a respeito da obra que tudo sobre ela me surpreendeu: a juventude dos protagonistas, os mistérios por trás da trama (e como eles são reais e reflexivos), o papel da Anna na história, e todas as mortes aterrorizantes que foram descritas – não riam, mas cheguei até a ficar com medo do escuro! Porém, apesar da leitura ser instigante senti que a trama não foi feita para mim. Adoro histórias de fantasia, principalmente aquelas que partem de clichês como um amor proibido entre um fantasma e um caçador de fantasmas, mas o fato é que já passei da fase em que todos os livros desse gênero conquistam meu coração. E infelizmente foi isso que aconteceu com a trama criada pela Kendare Blake: ela me deixou encantada, mas não o suficiente para me conquistar completamente.


Oi queridos!

Para cumprir a sexta meta do Desafio Fuxicando Sobre Chick-Lits 2016, li esse mês Uma Pitada De Amor, livro de Katie Fforde, e, assim, risquei da lista o item #1: Ler um chick-lit que seja seu primeiro contato com o(a) autor(a) em questão

junho 22, 2016

[Resumo do Mês] As NOVE Leituras de Maio

Por Paola Aleksandra

Oi galera! Tudo bem com vocês? Hoje vou de contar quais foram as minhas leituras de Maio. Li muita coisa boa, vem conferir (PS. relevem as variações da iluminação, juro que vou tentar melhorar isso nos próximos vídeos):

Ou veja direto no Youtube: 
aqui.

“O novo livro de David Levithan e Rachel Cohn que juntos escreveram Nick e Nora Uma noite de amor e música acompanha a dupla Lily e Dash. Ela está doida pra se apaixonar e, pra encontrar o par perfeito, decide criar um caderninho cheio de tarefas e deixá-lo na livraria mais caótica de Manhattan. Quem encontra o moleskine é Dash, e os dois começam a se corresponder e trocar sonhos, desafios e desejos no caderninho, que vai se perdendo nos mais diversos lugares de Nova York.
Jovem Adulto | 256 Páginas | Cortesia Galera Record | Skoob | Compare: Submarino  Saraiva  Amazon | Classificação: 4/5 | Resenha da May

Há muito tempo atrás eu conheci este livro através de uma blogueira que o havia lido em inglês, e desde então tenho a curiosidade e a vontade de conhecer tal história – que mesmo simples, parece tocar corações mundo a fora. Os anos se passaram e finalmente a Galera Record trouxe o livro para nós, então claro que fiquei extremamente ansiosa para conferir, e não me decepcionei.

A pequena cidade de Jellicoe, na Austrália, vive uma guerra territorial travada entre três grupos: os estudantes do internato, os adolescentes da cidade e os alunos de uma escola militar que acampa na região uma vez por ano. Taylor é líder de um dos dormitórios do internato e foi escolhida para representar seus colegas nessa disputa. Mas a garota não precisa apenas liderar negociações: ela vai ter que enfrentar seu passado misterioso e criar coragem para finalmente tentar compreender por que foi abandonada pela mãe na estrada Jellicoe quando era criança. Hannah, a única adulta em quem Taylor confia e que poderia ajudar, desaparece repentinamente e a pista sobre seu paradeiro é um manuscrito que narra a história de cinco crianças que viveram em Jellicoe dezoito anos atrás.
Jovem Adulto Maduro |286 Páginas | Cortesia Editora Seguinte| Skoob | Compare & Compre: SubmarinoSaraivaAmazon| Classificação: 5/5
Amo livros que, apesar da narrativa mais fluída e divertida, são reflexivos, enigmáticos e ricos em ensinamentos. Ser um jovem adulto não é fácil; nessa idade precisamos fazer escolhas que carregaremos para a vida toda e, por mais que para alguns pareça pouco mais do que uma fase de transição, não dá para negar o peso da dúvida que todo jovem carrega nos ombros. Amo ler a respeito dos típicos conflitos que um jovem enfrenta ao chegar perto da idade adulta, e amo ainda mais quando as histórias com esse foco abordam temas reais e tocantes. Assim, me surpreendi com a maestria da autora Melina Marchetta que, indo muito além do esperado, mesclou elementos reais do nosso cotidiano com os dramas vivenciados por duas gerações de jovens solitários, confusos e perdidos em seus pesadelos e inseguranças. E o ponto é que ao falar de suicídio, abandono, dependência (tanto a emocional quanto a química) e laços emocionais que foram feitos para durarem uma vida toda, a autora criou uma das leituras mais apaixonantes e emocionantes que já tive o prazer de fazer.

junho 20, 2016

5 Filmes para quem gosta de romances clichês

Por Paola Aleksandra


Não dá para negar que ás vezes um bom clichê cai bem, não é mesmo? Adoro romances contagiantes e previsíveis – tanto em livros quanto em filmes.

Em determinados momentos tudo o que precisamos é de um balde de pipoca e um romance simples e divertido. Por isso, pensando nos amantes de filmes fofos e nem sempre surpreendentes, montei uma lista de clichês que ganharam meu coração. Vem ver:

Um dos livros mais comentados de 2015, nos Estados Unidos, este é mais um sucesso arrebatador de Colleen Hoover, autora das séries Slammed e Hopeless. Sydney acabou de completar 22 anos e já fez algo inédito em sua vida: socou a cara da ex- melhor amiga. Até hoje, ela não podia reclamar da vida. Um namorado atencioso, uma melhor amiga com quem dividia o apartamento... Tudo bem, até Sydney descobrir que as duas pessoas em quem mais confiava se pegavam quando ela não estava por perto. Até que foi um soco merecido. Sydney encontra abrigo na casa de Ridge. Um músico cujo talento ela vinha admirando há um tempo. Juntos, os dois descobrem um entrosamento fora do comum para compor e uma atração que só cresce com o tempo. O problema é que Ridge tem uma namorada, e a última coisa que Sydney precisa agora é se transformar numa traidora.
Ney Adult |368 Páginas | Cortesia Editora Galera Record| Skoob | Compare & Compre: SubmarinoSaraivaAmazon| Classificação: 4/5
Eis um fato: a Colleen Hoover é uma das minhas autoras preferidas. Suas histórias são cativantes, refletivas e emocionantes ao ponto de marcar para sempre o coração do leitor. Faz tempo que li Talvez um Dia, porém ao reler a obra todas as emoções da primeira leitura voltaram com força total: culpa, raiva, insegurança, alegria, paixão e um amor profundo pelo significado por trás dessa história. Confesso que toda vez que penso nesse livro meu coração fica dividido; uma parte de mim é inegavelmente apaixonada pela trama, enquanto a outra metade (a mais racional, por sinal) não consegue aceitar completamente um amor nascido em condições tão conflitantes. Por isso, se tem uma coisa que amo na escrita da autora é que ela não escolhe os caminhos mais fáceis – afinal, nada é simples quando o assunto é o amor real, que surge nas dificuldades e nas imperfeições da vida. Assim, mesmo que eu tenha achado a trama de Talvez um Dia imperfeita para mim e para as minhas concepções de amor, não consigo negar que o livro tem um pedacinho do meu coração.

[Resultado] Top Comentarista de Maio

Por Paola Aleksandra

Bom dia galera, tudo bem? Segue o resultado do Top Comentarista de Maio! Agradeço a todos que participaram dessa ação – como sempre, fiquei muito contente com os comentários de vocês.
No total tivemos 113 (EBA!) inscrições dentre as quais 26 participantes comentaram na postagem sorteada. Como combinado, foi feito um sorteio para definir a postagem premiada e outro para definir os vencedores. Confiram:

Oi galera! Tudo bem com vocês? Hoje é a grande estreia da adaptação de Como eu era antes de Você! Já fui assisti e acabei me apaixonando ainda mais por essa história tão linda. Por isso, se preparem porque hoje vou divagar sobre os motivos para eu ter amado esse filme:

Ou veja direto no Youtube: 
aqui.

Depois de conquistar Mítica inteira, o rei Gaius ainda não está satisfeito: sua nova missão é encontrar a Tétrade, quatro cristais mágicos perdidos, capazes de conferir poderes indescritíveis a quem os reunir. Para isso, ele conta com os conselhos de Melenia, uma imortal que o visita em seus sonhos e que o instruiu a criar uma estrada ligando todos os reinos. Gaius acredita que está no caminho certo e que Lucia, sua filha adotiva, será a chave para localizar e despertar os cristais. Para seu deleite, os poderes de Lucia estão cada vez mais fortes, e um vigilante exilado aparece para orientar a feiticeira. Mas o Rei Sanguinário não é o único que cobiça essa magia milenar: vindos de Kraeshia, um império vizinho muito influente, o príncipe Ashur e a princesa Amara conhecem as lendas de Mítica e desconfiam que a Tétrade não seja apenas um mito. Logo eles entram na disputa e buscam seus próprios aliados nessa corrida pelo poder. Um período de trevas se abate sobre Mítica, e nesses tempos sombrios Jonas, Cleo, Magnus e Lucia precisam descobrir o quanto antes em quem podem confiar.
Fantasia | 426 Páginas | Cortesia Seguinte | Skoob | Compare: SubmarinoSaraivaAmazon| Classificação: 5/5 | Resenha da Kamila Mendes
A Ascensão das Trevas é o terceiro livro da série A queda dos Reinos (você pode encontrar as resenhas dos dois livros anteriores aqui no blog) e dá continuidade aos eventos de A Primavera Rebelde, segundo livro da série.
A história inicia exatamente onde o livro anterior terminou. Esse é o momento onde os ânimos estão exaltados e as emoções à flor da pele. Os personagens principais estão em algum ponto entre o desespero, a fé cega em uma magia inalcançável, e o desejo de poder absoluto. E o ponto é que esses elementos, quando combinados, podem culminar em um fim trágico (ou seja, estou ansiosa demais para ler Maré Congelada, o próximo volume da saga).

Jovem, estonteante e nascida em berço de ouro. É apenas isso que Gervase Ashford, o conde de Rosthorn, enxerga em Morgan Bedwyn quando a conhece, num dos bailes da alta sociedade inglesa em Bruxelas. Em circunstâncias normais, ele não olharia para ela duas vezes - prefere mulheres mais velhas e experientes. Porém, ao saber que Morgan é irmã de Wulfric Bedwyn, a quem Gervase culpa pelos nove anos que passou longe da Inglaterra, decide que ela é o instrumento perfeito para satisfazer seu desejo de vingança. Mas Morgan, apesar de jovem e inocente, também é independente e voluntariosa e, assim que entende as intenções do conde, se prepara para virar o jogo e deixar claro que não se deixará manipular por ninguém. Em Ligeiramente Seduzidos, quarto livro da série Os Bedwyns, Mary Balogh nos brinda com mais uma história fascinante. Em uma trama repleta de traição e vingança, escândalo e sedução, ela mostra que o caminho para o amor pode ser difícil, mas que a recompensa faz cada passo valer a pena.
Romance de Época| 288 Páginas|  Cortesia Editora Arqueiro| Skoob | Compare & Compre: SubmarinoSaraivaAmazon | Classificação 3,5/5
Amo o fato dos livros da Mary Balogh abordarem temas que vão muito além do romance (e falarem principalmente sobre o preconceito em suas mais diversas facetas). A autora gosta de fomentar debates essenciais para nosso amadurecimento social, por isso suas histórias possuem a peculiaridade de fazer o leitor repensar seus valores. Dessa vez, em Ligeiramente Seduzidos, Mary fala sobre vingança, disparidade social, solidão e, especialmente, sobre a dor e o medo que só a guerra é capaz de causar. Usando como pano de fundo um possível desfecho para a batalha política entre a Inglaterra e a França, a trama traz um romance que começa pelo desejo de vingança, se fortalece nas trincheiras, e encontra seu desfecho no seio da crítica e intolerante aristocracia inglesa. Aqui, a autora mostra o poder que a guerra, um título de nobreza e os boatos maldosos têm sob o coração de uma jovem mulher.

Olá galera, tudo bem? Preparem os corações – e os bolsos – porque hoje é dia de conferir as novidades literárias do mês de Junho. Tem tanta coisa boa que nem sei por onde começar! Vem ver:
Novidades Nacionais
Os lançamentos nacionais estão incríveis – principalmente quando o assunto é romance de época ! Estou louca para ler A Caminho do Altar (dá para acreditar que essa série linda já está terminando?) e O Despertar do Lírio (da talentosíssima da Babi A. Sette). Além disso, quero muito ler Seduzida por um guerreiro Escocês (dizem que essa série é maravilhosa) e o novo livro da série Outlander.

junho 10, 2016

Livros narrados por Crianças | Dicas da Pah

Por Paola Aleksandra

Oi galera! Tudo bem com vocês? Quem gosta de livros narrados por personagens infantis cativantes e surpreendentes? Eu adoro! Por isso fiz uma lista com as crianças mais fofas que já encontrei na literatura. Vem ver:

Ou veja direto no Youtube: 
aqui.

Ela precisava de dinheiro. E nem sabia que gostava tanto de sexo. Mia Saunders precisa de dinheiro. Muito dinheiro. Ela tem um ano para pagar o agiota que está ameaçando a vida de seu pai por causa de uma dívida de jogo. Um milhão de dólares, para ser mais exato. A missão de Mia é simples: trabalhar como acompanhante de luxo na empresa de sua tia e pagar mensalmente a dívida. Um mês em uma nova cidade com um homem rico, com quem ela não precisa transar se não quiser? Dinheiro fácil. Parte do plano é manter o seu coração selado e os olhos na recompensa. Ao menos era assim que deveria ser... Em janeiro, Mia vai conhecer Wes, um roteirista de Malibu que vai deixá-la em êxtase. Com seus olhos verdes e físico de surfista, Wes promete a ela noites de sexo inesquecível — desde que ela não se apaixone por ele.

Romance Adulto (+18) | 144 Páginas | Cortesia Editora Verus| Skoob | Compare & Compre: SubmarinoSaraivaAmazon| Classificação: 4/5
A história de A Garota do Calendário é exatamente como imaginei que seria: envolvente, fácil de ler e extremamente sensual. Logo no começo da leitura torna-se óbvio que a obra fez tanto sucesso exatamente por oferecer uma narrativa rápida e apimentada. O foco do livro está na sensualidade nata da protagonista e nos homens que ela vai encontrar em sua jornada. A cada mês, a moça aprenderá mais sobre ela mesma e sobre a mulher que quer ser, contudo ainda assim são as suas experiências físicas o grande chamariz da história: doze meses, doze homens, muitas experiências e inúmeros aprendizados. Não devemos esperar uma narrativa densa e reflexiva, porém não podemos julgar a obra como apenas sexo. A trama gira sim em torno de experiências carnais, mas conseguimos tirar algo disso, como por exemplo, paixão, diversão, amizade e crescimento pessoal. E isso foi tão surpreendente que acabei encantada pela narrativa da Audrey Carlan.


Oi queridos! Sejam sinceros: é possível ler Jane Austen e não se apaixonar por suas obras?

Sendo uma Austen-lover assumida, tudo relacionado à autora acaba chamando minha atenção. Imaginem qual foi minha reação, então, ao descobrir uma autora que escreve todos os seus chick-lits fazendo conexões com a diva britânica do século XIX? Katie Oliver até então tem suas obras publicadas lá fora no formato digital (apenas seu primeiro livro já foi lançado em formato impresso), e fiquei extremamente curiosa para conhecer suas três trilogias!

Olá, galera! Como vocês estão? Hoje é dia de Correio Literário – se preparem porque vou mostrar muitos livros incríveis! Vêm conferir:

Ou veja direto no Youtube: aqui.

Alice é uma advogada beirando os trinta anos, que mora em Curitiba e sonha com o verdadeiro amor. O problema é que ela é apaixonada – desde menina – por Max (atual namorado de sua melhor amiga, Helen), nutrindo, por ele, uma paixão platônica. Esse sentimento se reacende na época da faculdade quando o reencontra como professor do curso de Direito. Alice resolve não revelar que fora sua vizinha quando criança e inicia um flerte com Max, mas a história toma outro rumo quando ele conhece Helen e eles começam a namorar. Sofrendo com essa paixão não correspondida, Alice conta sempre com o apoio de Alan, seu amigo e confidente, mas vê evaporarem suas últimas esperanças ao saber que Max pediu Helen em casamento. Abalada com a notícia, com a autoestima “no pé” e tentando “dar a volta por cima”, Alice decide ousar, com um vestido pra lá de provocante, justamente na festa de aniversário à fantasia de Helen (em que quase todos estão vestidos como as personagens de Alice no País das Maravilhas) e então desperta — novamente — o interesse de Max, que tenta seduzi-la. Será que Alice conquistará o homem dos seus sonhos?
Chick-Lit | 228 Páginas | Chiado Editora | Skoob | Compare & Compre | Classificação: 5/5 | Resenha da Day Farias
Alice é apaixonada por Max desde que se lembra e, no caso dela, isso é literal. Desde criança, quando se escondia embaixo da cama dele pra fugir das discussões de seus pais, Alice começou a sentir algo que levou até a vida adulta – um amor que jamais foi de fato concretizado, talvez nem sequer notado, por Max. Mesmo que tenha tentado de todas as formas, ela jamais conseguiu esquecer o que sentia por ele: ainda mais quando esses sentimentos se tornam um furacão ao saber que Max não só se envolve com sua melhor amiga, mas também a pede em casamento! Alice está destruída e pensa que tudo está perdido, mas em uma festa a fantasia o destino parece querer brincar com ela: Max finalmente parece corresponder seus sentimentos depois de tantos anos e essa pode ser sua chance (ou ser seu maior erro, afinal Max é o noivo de sua melhor amiga!). Em suas mãos, Alice tem o que sempre quis: sua própria história de amor. Mas a um custo tão alto, será que vale a pena?

junho 07, 2016

Favoritos do mês de Maio (2016)

Por Paola Aleksandra

Olá galera, tudo bem com vocês?
Hoje é dia de favoritos do mês! Vou mostrar tudo que aprendi (ou voltei ) a amar nesse mês que passou. Vêm conferir os escolhidos de Maio:
Tudo e todas as Coisas, Namorado de Aluguel, e Temporada de Acidentes

Se sou uma espada, sou uma espada de vidro, e já me sinto prestes a estilhaçar. O sangue de Mare Barrow é vermelho, da mesma cor da população comum, mas sua habilidade de controlar a eletricidade a torna tão poderosa quanto os membros da elite de sangue prateado. Depois que essa revelação foi feita em rede nacional, Mare se transformou numa arma perigosa que a corte real quer esconder e controlar. Quando finalmente consegue escapar do palácio e do príncipe Maven, Mare descobre algo surpreendente: ela não era a única vermelha com poderes. Agora, enquanto foge do vingativo Maven, a garota elétrica tenta encontrar e recrutar outros sanguenovos como ela, para formar um exército contra a nobreza opressora. Essa é uma jornada perigosa, e Mare precisará tomar cuidado para não se tornar exatamente o tipo de monstro que ela está tentando deter.
Fantasia (+Distopia) | 496 Páginas | Cortesia Editora Seguinte| Skoob | Compare & Compre: SubmarinoSaraivaAmazon| Classificação: 5/5
Resenha sem Spoilers
A Rainha Vermelha, livro que antecede Espada de Vidro, foi uma das melhores leituras que fiz nos últimos tempos. Independente dos clichês que a trama apresenta (e não nego que são muitos), Victoria Aveyard me encantou com sua narrativa envolvente e repleta de reviravoltas. O fato é que quando o assunto é fantasia gosto de livros que são permeados de ação, protagonizados por personagens fortes e reais, e recheados de reflexão social. E é exatamente por isso que A Rainha Vermelha conquistou meu coração, pois além da aventura e do romance previsível, a obra conta com um cenário político-social extremamente complexo e reflexivo. Confesso que estava morrendo de medo de ser decepcionada por sua continuação, mas digo com orgulho que Espada de Vidro superou todas as minhas expectativas e ainda me deixou de queixo caído. Preparem-se para um livro cheio de intrigas, aventuras, traições e dolorosas perdas.

Resenhas

© Livros & Fuxicos – Desenvolvimento com por Subir