Anúncios
outubro 25, 2017

[Resenha] Romance com o Duque – Tessa Dare

ROMANCE_COM_O_DUQUE_TESSA_DARE_ResenhaA doce Isolde Ophelia Goodnight, filha de um escritor famoso, cresceu cercada por contos de fadas e histórias com finais felizes. Ela acreditava em destino, em sonhos e, principalmente, no amor verdadeiro. Amor como o de Cressida e Ulric, personagens principais do romance de seu pai. Romântica, ela aguardava ansiosamente pelo clímax de sua vida, quando o seu herói apareceria para salvá-la das injustiças do mundo e ela descobriria que um beijo de amor verdadeiro é capaz de curar qualquer ferida. Mas, à medida que foi crescendo e se tornando uma mulher adulta, Izzy percebeu que nenhum daqueles contos eram reais. Ela era um patinho feio que não se tornou um cisne, sapos não viram príncipes, e ninguém da nobreza veio resgatá-la quando ela ficou órfã de mãe e pai e viu todos os seus bens serem transferidos para outra pessoa. Até que sua história tem uma reviravolta: Izzy descobre que herdou um castelo em ruínas, provavelmente abandonado, em uma cidade distante. O que ela não imaginava é que aquele castelo já vinha com um duque…

 Editora: Gutenberg l 256 Páginas l Romance de Época l Compare & Compre: Submarino Amazon l Skoob l Classificação 5/5 ♥

 

Que livro mais maravilhoso! Sem dúvida um dos romances mais divertidos e contagiantes que li esse ano.

Quem me conhece sabe que tenho uma história com a Tessa Dare. Já havia tentado ler outros livros dela, mas por mais que eles parecessem incríveis, a narrativa da autora não me prendia e eu sempre acabava abandonando as obras pela metade. Até que Romance com o Duque venceu a votação do Clube de Leitura do Livros e Fuxicos e eu fui obrigada a ler essa história. – E graças aos Céus vocês votaram neste romance maravilhoso! Diferente dos outros livros da autora, esse me conquistou logo nas primeiras páginas e ganhou meu coração completamente. A trama é inusitada, divertida, extremamente surpreendente (nunca havia lido algo nesse mesmo estilo) e, o que mais gosto, levemente reflexiva. Caí de amores e agora não vejo a hora de ler os próximos volumes desta série!

Depois de perder o pai, um famoso escritor de obras fantásticas, Izzy ficou sem família, teto e dinheiro. Suas últimas semanas não foram fáceis (até fome ela passou!), mas a sorte lhe sorriu através de um bilhete que a intitulava como herdeira de um valioso castelo. Ciente de que essa era a melhor chance de mudar de vida, Izzy arrumou seus parcos pertences e seguiu rumo à sua herança. O problema é que ao chegar lá ela descobriu que o castelo já estava habitado. E, ainda por cima, por um Duque teimoso e grosseiro que JURA de pé junto que é o único dono do castelo. Vivendo um impasse, Izzy resolve se instalar na sua nova propriedade – mesmo contra a vontade de Ransom, o Duque de Rothbury – enquanto tenta descobrir uma maneira de recuperar sua recente-herança. Ou seja, acompanhamos esses dois brigando, trocando farpas e, no dia a dia, lutando não apenas para descobrir quem é o verdadeiro dono do castelo como também para superar as dores, os segredos e os anseios que cada um traz no coração. No final das contas, o que vai importar é a relação de companheirismo que vão construir e não quem é o herdeiro do castelo.

Izzy é maravilhosa. A jovem perdeu o pai quando era muito nova (fora que antes de morrer ele já estava ausente, vivendo no mundo da fantasia e esquecendo que tinha uma filha para criar) e precisou aprender a sustentar uma casa sozinha. Além disso, Izzy tem uma relação bem incomum com o trabalho do pai. Quando ele criou sua primeira história usou uma figura caricata da pequena filha. E, desde então, Izzy – que cresceu e deixou de ser a garotinha sonhadora das histórias do pai – é idolatrada pelos fãs dessa saga. Mas ela gosta; vê neles amigos fiéis com os quais sempre poderá contar. Nesse ponto acompanhamos uma jornada literária incrível, que reflete muito daquilo que nós, amantes da literatura, vivemos. Já Ransom. Céus, que homem maravilhoso! Apesar de ser ranzinza e extremamente reservado, a primeira impressão que ele passa é de dor. O Duque carrega marcas, internas e externas, de suas más escolhas e, por conta disso, se fechou em um mundo de solidão e escuridão. Amei ver como a presença de Izzy foi capaz mudar – e iluminar – a rotina desse homem. Mas é ainda mais bonito perceber que ele vai se deixar transformar e, melhor ainda, vai agradecê-la por cada vitória que ela trará para sua vida. Além disso, Ransom possui uma característica física inusitada que deixa esse livro ainda mais perfeito.

De fato, o que mais amei na obra é a oportunidade de conhecer Izzy e Random. A autora construiu muito bem suas personalidades, ao ponto de deixar-nos rapidamente apaixonados por esses dois. Enquanto lia, a sensação que me dominava era que eu os conhecia desde sempre, que eles faziam parte da minha vida e, claro, que eles mereciam um final feliz. Fora que a história traz várias reviravoltas e surpresas e – outra coisa incrível – muitas cenas divertidas. O casal vive brigando, daquela forma irônica que eu tanto amo, e protagonizam momentos desastrados, de gente como a gente, e cheios de bom-humor. No fim, fiquei dividida: não sabia se havia amado o livro por conta dos personagens incríveis, pelo romance que cura e fala de temas tabus, ou pelas cenas divertidíssimas que encontre por aqui.

Emocionei-me com a história de Random e Izzy – eles têm um passado tão doloroso. E falam sobre aparência, beleza verdadeira, limitações físicas e inúmeros assuntos importantes e reais. Vibrei com o romance que nasceu entre eles e dei altas gargalhadas com suas peripécias. Fazia tempo que não lia um livro tão gostoso e cativante.

Coloca na lista porque é MUITO bom mesmo, viu?

Sobre a Série

Romance com o Duque é o primeiro volume da série Castles Ever After. A saga é composta por quatro livros e cada um narra à história de um casal diferente. No Brasil, por enquanto apenas os três primeiros foram lançados pela Editora Gutenberg.

Beijos!

Anúncios

confira também

Posts relacionados

Comente via Facebook


Deixe seu comentário

6 Comentários

  • Expedita
    11 março, 2020

    Iniciei romances de época com a série da Júlia Quinn,dp que conheci as séries da Lisa,Os Hathawys As Quatro Estações do Amor,Os Ravenels que amo ♥️ todas as séries dela e dp conheci as séries da Mary Balogh, Os Bedwns e agora Clube dos Sobreviventes!e por último as da Tessa Dare, estou gostando muito li o primeiro, Casamento Conveniente,o duque é maravilhoso ♥️ tenho outros da série dela e fiquei encantada com certeza,! O que me encantou até agora foi Casamento Conveniente! Bom dia!

  • Lara Cardoso
    29 outubro, 2017

    Ainda não li nada da Tessa e nem sei quando lerei. Ando meio enjoada de romances de época.

  • Camila Santiago
    28 outubro, 2017

    Oi Pah… Essa série já tá na minha lista de desejados! Tô super curiosa pra ler.. amo essas reviravoltas do destino, rs! Que loucura ganhar um castelo com um duque dentro.. haha!! Doida pra ler! Beijinhos ❤

  • Leticia Golz
    27 outubro, 2017

    Pah, também adorei esse casal lindo e todas as reviravoltas! As brigas conquistaram mais ainda hahah Adorei!! Sem falar do romantismo! Aaaaaa bom demais!!

  • RUDYNALVA
    25 outubro, 2017

    Pah!
    Izzy e Rqandom parecem personagens e parceiros perfeitos.
    Entre risos e emoções quero me deliciar com esse adorável romance de época que promete uma boa leitura.
    Delícia ver que se apaixonam e vão destruindo seus demônios interiores.
    “Todo o nosso saber se reduz a isto: renunciar à nossa existência para podermos existir.” (Johann Goethe)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE OUTUBRO 3 livros, 3 ganhadores, participem.

  • Miriã Mikaely
    25 outubro, 2017

    Oi, Paola. Eu também tenho uma relação de amor e ódio com a autora porque a série dela Spindle Cove não me agradou, mas esse de Castles Ever After, não tenho o que falar, só elogios. Li todos esse ano e amei como a autora aborda a história dos personagens, além disso, ri muito com a Izzy e fiquei surpresa com o segredo dela, foi impressionante.
    Beijos
    http://www.leitoraencantada.com/