[Resenha] Uma História de Notáveis Caçadores de Sombras e Seres do Submundo – Cassandra Clare

Em Uma história de notáveis Caçadores de Sombras e seres do Submundo - contada na linguagem das flores, Cassandra Jean mergulha nos personagens criados por Cassandra Clare nas séries Os Instrumentos Mortais, As Peças Infernais e Os Artifícios das Trevas, reunindo características e ficha técnica de nomes como Jace Wayland, Magnus Bane e Tessa Grey. Comparando cada um deles a uma flor, e com belas ilustrações, ela cria um guia para os amantes dessas histórias... e para os que desejam começar a conhecê-las.
Fantasia| 208 Páginas|  Cortesia Editora Galera Record| Skoob | Compare & Compre: SaraivaSubmarinoAmazon| Classificação 5/5
Uma História de Notáveis Caçadores de Sombras e Seres do Submundo é um presente aos fãs dos livros da Cassandra Clare. A obra traz ilustrações dos Caçadores de Sobras – e de alguns seres do submundo – mais aclamados pelos leitores, aproveitando também para revelar pequenos segredos desses personagens tão cativantes. Ou seja, temos a oportunidade única de visualizar, através de belas imagens e de pequenos mistérios, quem são os Caçadores de Sobras que ganharam nossos corações em Instrumentos Mortais, As Peças Infernais e, mais recentemente, em Os Artifícios das Trevas.



Bookshelf Tour 2016 (4ª Parte)

Olá, galera! Como vocês estão? Hoje finalmente vamos concluir o tour pela minha nova estante! Dessa vez vamos ver livros de drama, suspense, terror e alguns chick-lits. Vêm conferir:
Ou veja direto no Youtube: aqui.

As Bibliotecas mais lindas do Mundo



Como todo amante de livros, confesso que sou apaixonada por belas livrarias e bibliotecas. É impossível ver o tempo passar quando estamos em uma livraria, e essa sensação só cresce se ela for tão magnífica quanto as que reuni nessa postagem. Preparem-se para amar cada uma dessas bibliotecas e, principalmente, para sonhar com o dia que poderão vê-las pessoalmente.

[Fuxicando Sobre Chick-Lits] Um novo amor à vista - Cláudio Quitino



Oi gente linda!

O Desafio Fuxicando Sobre Chick-Lits 2017 já começou e fiquei muito feliz em ver a empolgação de vocês para participar! Obrigada pelo carinho ♥

Para cumprir a PRIMEIRA meta, li esse mês Um Novo Amor à Vista, de Cláudio Quirino e, assim, risquei da lista o item #1: Ler um chick-lit nacional que seja seu primeiro contato com o(a) autor(a) que o escreveu. 


Dia de Compras: Livraria, Papelaria e Material Escolar

Olá, galera! Como vocês estão? Hoje é dia de Vlog! Fazia tempo que não compartilhava um pouquinho da minha rotina com vocês, então resolvi gravar uma ida comum à livraria – recheada de compras de papelaria (). Vêm conferir:
Ou veja direto no Youtube: aqui.

[Resenha] Frozen, um coração congelado – Elizabeth Rudnick


O amor é uma porta aberta, ou pelo menos era nisso que Anna acreditava. Frozen: Um Coração Congelado conta a história de uma jovem e solitária princesa chamada Anna, que esteve isolada do mundo por boa parte de sua vida. Até que, certo dia, ela encontra o belo príncipe Hans, e por ele se apaixona. A princípio, parece que os sonhos de Anna finalmente se tornaram realidade. Afinal, pelo menos ela achou alguém para amar. Porém, assim que as reais motivações de Hans vêm à tona, o conto de fadas começa a desmoronar e Anna descobre que o amor verdadeiro é mais poderoso do que ela poderia imaginar.
Infanto-Juvenil | 319 Páginas | Cortesia Editora Universo dos Livros | Skoob | Compare & Compre: Submarino • Saraiva • Amazon | Classificação: 4/5 | Resenha da May

Quem me conhece sabe que adoro contos de fadas e que histórias que trazem uma releitura ou que são inspiradas nestes clássicos infantis sempre me deixam curiosa. Então claro que com Frozen: Um coração congelado não foi diferente. Aqui temos a história do filme contada através dos olhos da Princesa Anna e do Príncipe Hans, o que gera uma perspectiva diferente da animação da Disney e nos faz amar ainda mais esta história tão cativante.

[Resenha] Desejo Insaciável – Kresley Cole

A lenda de um feroz lobisomem e uma encantadora vampira – improváveis almas gêmeas cuja paixão testará os limites da vida e da morte. Um incansável guerreiro mítico. Nada o deterá até que possua a...Depois de suportar anos a fio torturas constantes comandadas pela Horda dos vampiros, Lachlain MacRieve, líder do clã dos Lykae, fica enfurecido ao descobrir que sua parceira, há tanto tempo profetizada e pela qual espera há mais de um milênio, é uma vampira, assim como seus captores. Na verdade, Emmaline Troy é metade Valquíria, metade vampira. Jovem delicada e etérea que, com seu jeito todo especial de ser, é a única que pode suavizar a fúria que incendeia o faminto Lykae. Uma vampira prisioneira de sua fantasia mais selvagem... A doce Emmaline decide sair pelo mundo em busca da verdade sobre seus pais desaparecidos. Em Paris, um poderoso espécime Lykae a encontra, determina que ela será a sua parceira por toda a eternidade e a leva para o castelo escocês dos seus ancestrais. Lá, o pavor que Emmaline sente do Lykae – e da sua insaciável fome de prazer – faz com que ele inicie um lento e envolvente jogo de sedução e ela liberte suas mais sombrias fantasias.
Drama | 352 Páginas|  Cortesia Editora Valentina| Skoob | Compare & Compre: SaraivaSubmarinoAmazon| Classificação 4/5
Fazia tempo que não encontrava uma série sobrenatural tão sexy e cativante. Adoro sagas que misturam ação com romance e dão vida a histórias sensuais, dramáticas e extremamente viciantes. E é exatamente isso que encontramos nos livros da Kresley Cole: romances proibidos e apimentados, seres sobrenaturais fortes e perigosos, lendas antigas e místicas, uma pitada de drama e, claro, muita aventura.

[Resultado] Top Comentarista de Dezembro (+Novembro)

Bom dia galera, tudo bem? Segue o resultado do Top Comentarista de Dezembro! Agradeço a todos que participaram dessa ação – como sempre, fiquei muito contente com os comentários de vocês.
No total tivemos 123 inscrições dentre as quais 22 participantes comentaram na postagem sorteada. Como combinado, foi feito um sorteio para definir a postagem premiada e outro para definir os vencedores. Confiram:

[Resenha] Dez Formas de Fazer um Coração se Derreter – Sarah MacLean

Isabel Townsend não é exatamente o que se espera da filha de um conde. Apesar de ter a pele delicada e de saber se portar como uma dama quando necessário, a jovem também monta a cavalo, conserta telhados, administra a propriedade e cria o irmão caçula desde que a mãe faleceu – tudo isso sem despertar a menor suspeita de que não há um homem sequer para cuidar de sua família.Para o pai dela, que só queria se divertir e gastar dinheiro em jogatinas, pouco importava o que ela fizesse. Porém, quando ele morre, Isabel se vê sem recursos e precisa defender os direitos do irmão, ameaçados pela chegada iminente de um tutor. Assim, não lhe resta saída senão vender sua coleção de estátuas de mármore, o único bem que herdou. Para sorte sua, um especialista em antiguidades acaba de chegar ao condado. Inteligente e sensual, lorde Nicholas St. John é um solteiro convicto que deixou Londres para se livrar das jovens que passaram a persegui-lo desde que foi eleito um dos melhores partidos da cidade.Em poucos dias, fica claro para Nick que Isabel é a mulher mais obstinada e misteriosa – além da mais interessante – que já cruzou seu caminho. Ao mesmo tempo, ao conhecê-lo melhor, a independente Isabel percebe que há homens em que vale a pena confiar. Enquanto eles põem de lado suas antigas convicções, seus corações se abrem para dar uma chance ao amor.
Romance de Época | 352 Páginas | Cortesia Editora Arqueiro| Skoob | Compare & Compre: SubmarinoSaraivaAmazon| Classificação: 4/5
Eis um fato: a Sarah MacLean nunca me decepciona. Mesmo que inicialmente suas histórias pareçam clichês ou excessivamente romantizadas, me conforta saber que sempre encontrarei nelas protagonistas femininas que fogem dos padrões – sejam os impostos pela sociedade inglesa do século XIX ou até mesmo aqueles que vemos na literatura atual. Comumente encontramos protagonistas extremamente inseguras ou devastadoramente independentes. E eu amo o fato da Sarah fugir desse estereótipo e criar personagens com as quais posso me identificar; mulheres que carregam suas cotas de insegurança, mas que nem por isso deixam de correr atrás dos seus sonhos. Tanto é quem em Dez formas de fazer um coração se derreter, apesar do romance divertido e cativante, o foco está na jornada de uma mulher que luta para salvar outras jovens da ruína, acolhendo aquelas que foram repudiadas pela sociedade por terem confiado no homem errado. Assim, misturando romance, bom-humor e superação, Sarah McLean criou uma história atual e sincera sobre empoderamento feminino.

[Vem por aí] Novidades Literárias de Janeiro

Olá galera, tudo bem? O ano novo chegou e trouxe com ele novidades literárias incríveis. Por isso, a dica de hoje é pegar papel e caneta para anotar os livros desejados e preparar os bolsos para uma lista que vai crescer MUITO. Animados? Então vêm conferir os lançamentos de Janeiro:
Novidades Nacionais
Vou começar repetindo o quanto estou feliz em ver os romances de época ingressando o time dos destaques nacionais – ADORO o fato das nossas editoras estarem investido cada vez mais no gênero (). Em 2017 teremos a publicação de novas séries e de novos autores, uma delas a Lorraine Heath que lança seu primeiro livro por aqui através da Gutenberg. Estou louca para ler Codinome Lady V, assim como quero muito ler Escândalos na Primavera e terminar essa saga tão gostosa e cativante.

Metas de 2017: Mais motivação no Trabalho


Um ano novo chegou e nada melhor do que planejarmos e repensarmos nossas metas, objetivos e sonhos para 2017.  Agora é a hora de mudar e de fazer acontecer!

Desafio Marido x Irmã (feat. Manu e Gabi)

Olá, galera! Como vocês estão? Hoje é dia de diversão! Desafiei o Manu e a Gabi para descobrirmos quem me conhece melhor. Quem será que ganhou? Vêm conferir:
Ou veja direto no Youtube: aqui.

[Resenha] Bridget Jones: No limite da razão – Helen Fielding

Se em O diário de Bridget Jones os leitores já se apaixonaram pela personagem despojada e carismática, no segundo volume, Bridget Jones: No limite da razão, conheceremos seu lado ainda mais inusitado. Seja em uma prisão tailandesa ou em jantares desconfortáveis, nada é tão ruim que não possa piorar. Mas é imprescindível manter o bom humor e contar sempre com os amigos.
Chick-Lit | 336 Páginas | Cortesia Editora Paralela | Skoob | Compare: SubmarinoSaraivaAmazon| Classificação: 4/5 | Resenha da Kamila Mendes
Antes da leitura, minha relação com Bridget Jones era estritamente cinematográfica. E tenho que admitir que não gostei da adaptação deste livro pros cinemas. Achei as cenas forçadas demais, apesar de saber que a Bridget é realmente atrapalhada. A título de informação, não comecei a ler as aventuras de Bridget na ordem certa. O primeiro livro da personagem que li e resenhei foi “Bridget Jones - Louca pelo garoto”. Então já parti para a leitura do segundo sabendo o desfecho da relação, o que fez com que cada página tivesse um sabor doce e amargo ao mesmo tempo. Mas vamos lá. Vou tentar ser sucinta para não comprometer a leitura de ninguém.

[Resenha] E Viveram Felizes para Sempre – Julia Quinn

Alguns finais são apenas o começo...Era uma vez uma família criada por uma autora de romances históricos... Mas não era uma família comum. Oito irmãos e irmãs, seus maridos e esposas, filhos e filhas, sobrinhas e sobrinhos, além de uma irresistível matriarca. Esses são os Bridgertons: mais que uma família, uma força da natureza. Ao longo de oito romances que foram sucesso de vendas, os leitores riram, choraram e se apaixonaram. Só que eles queriam mais. Então começaram a questionar a autora: O que aconteceu depois? Simon leu as cartas deixadas pelo pai? Francesca e Michael tiveram filhos? O que foi feito dos terríveis enteados de Eloise? Hyacinth finalmente encontrou os diamantes? A última página de um livro realmente tem que ser o fim da história? Julia Quinn acha que não e, em E viveram felizes para sempre, oferece oito epílogos extras, todos sensuais, engraçados e reconfortantes, e responde aos anseios dos leitores trazendo, ainda, um drama inesperado, um final feliz para um personagem muito merecedor e um delicioso conto no qual ficamos conhecendo melhor ninguém menos que a sábia e espirituosa matriarca Violet Bridgerton. Veja como tudo começou e descubra o que veio depois do fim desta série que encantou leitores no mundo inteiro.
Romance de Época| 320 Páginas|  Cortesia Editora Arqueiro| Skoob | Compare & Compre: SaraivaSubmarinoAmazon| Classificação 5/5
Passei anos incríveis ao lado dos Bridgertons e sou infinitamente grata a Julia Quinn por ter escrito a história dessa família. Se hoje sou quem sou – fã de romances de época e de seus típicos finais felizes – é porque encontrei nas obras da autora valiosas lições sobre aceitação, cura e perdão. Mesmo quando muitos diziam o quão clichê esses romances eram, nunca deixei de vê-los como a oportunidade perfeita de vivenciar a magia do amor. Portanto, não é de se surpreender que eu tenha achado a leitura de E Viveram Felizes para Sempre tão agridoce. Não foi fácil dizer adeus ou muito menos rever esses personagens encantadores e que há anos são donos do meu coração. Porém, também foi maravilhoso rir, chorar e me surpreender mais uma vez com todos eles e com o amor fraternal que carregam. Fiquei com o coração apertado por ter que finalizar a saga dos Bridgertons, mas ao mesmo tempo jubilei de alegria com a oportunidade de reviver a emoção que cada um desses irmãos deixou gravada em meu coração.  

Book Haul| Aquisições de Dezembro

Olá, galera! Como vocês estão? Olha quem finalmente apareceu: o Book Haul desse mês! Preparem-se para um vídeo mega recheado. Vêm conferir:
Ou veja direto no Youtube: aqui.

[Resenha] Até a Uva Passa – Rubens Antonio Filippetti Vieira

Uma pequena viagem pelo cotidiano nos anos 70 e 80. Esta é a melhor sinopse para este livro que procura, por meio da narrativa de hábitos e da descrição de produtos que faziam parte da vida de muita gente naquele tempo, transportar as pessoas para um passado não muito distante.

Literatura Nacional | 115 Páginas|  Editora All Print| Skoob | Compare & Compre: All PrintSaraiva | Classificação 4/5
Até a Uva Passa é, literalmente, uma viagem no tempo. A obra narra com destreza alguns dos costumes típicos dos anos 70 e 80, permitindo que o leitor reviva situações características desse período – e que, infelizmente, foram esquecidas com o passar do tempo. Desta forma, para os mais velhos a leitura nada mais é do que a contemplação de hábitos antigos, enquanto para os mais novos a trama é a oportunidade de conhecer uma geração completamente diferente e infinitamente menos tecnológica.

[Fuxicando Sobre Chick-Lits] Desafio "Fuxicando Sobre Chick-Lits" 2017



Oi gente linda!

Para manter a tradição, lá vem a 5ª edição do Desafio Fuxicando Sobre Chick-Lits!
Novamente, fiquei muito feliz em vocês pedirem mais um desafio para esse ano, então é claro que eu não poderia desapontá-los (sem contar que eu adoro participar e criar as metas para nós ♥)!
O formato do desafio voltou à estrutura original: 12 metas para serem cumpridas, independentemente da ordem!
Venham conferir cada uma delas e boa sorte pra gente!


Favoritos do mês de Dezembro (2016)


Olá galera, tudo bem com vocês? Hoje é dia de favoritos do mês! Vou mostrar tudo o que mais amei nesse mês que passou. Vêm conferir os escolhidos de Dezembro:
Suzi e as Águas-Vivas e Nimona

[Resenha] Nimona – Noelle Stevenson

Nimona é uma metamorfa sem limites nem papas na língua, cujo maior sonho é ser comparsa de Lorde Ballister Coração-Negro, o maior vilão que já existiu. Mas ela não sabia que seu herói possuía escrúpulos. Menos ainda uma deliberada missão. Até conhecer Nimona, Ballister fazia planos que jamais davam certo. Felizmente, a garota tem muitas sugestões para reverter esse quadro. Infelizmente, a maioria envolve explosões, sangue e mortes. Agora, Coração-Negro não só tem que enfrentar seu arqui-inimigo e ex-amigo, o célebre e heroico Sir Ambrosius Ouropelvis, mas também impedir que a fiel comparsa destrua todo o reino ao tentar ajudá-lo. Uma história subversiva e irreverente que mistura magia, ciência, ação e muito humor sobre camadas e mais camadas de reflexão – entre uma batalha e outra, é claro.
Fantasia | 272 Páginas | Cortesia Editora Intrínseca | Skoob | Compare & Compre: SaraivaSubmarinoAmazon| Classificação: 5/5
Minha relação com Nimona foi completamente platônica: desde a primeira vez que vi o livro, muito antes dele ser publicado no Brasil, apaixonei-me pela proposta da autora e por seu traço belo e cativante. A obra conta com aventura, suspense, emoção, bom-humor (do tipo ácido e com pitadas de ironia) e dois protagonistas que fogem dos estereótipos trabalhados na maioria dos livros de fantasia medieval. Aqui, ao invés da típica batalha de bem versus mal, encontramos dois vilões assumindo a árdua tarefa de salvar o mundo. Eles são malvados, matam, mentem e não se importam com ninguém, mas ainda assim terão que lutar por um reino justo e digno de respeito. O que significa que, além de fantasia e aventura, encontramos na leitura importantes reflexões sobre preconceito social e pré-julgamentos. E é óbvio que isso só me fez amar ainda mais esse livro que, de forma divertida e despretensiosa, nos mostra que as boas ações surgem dos corações mais humildes e sábios – e não dos mais belos como nossa sociedade teima em pregar.

[Resenha] O Som do Amor – Jojo Moyes

Matt e Laura McCarthy são obcecados pela ideia de herdar a Casa Espanhola — uma construção malcuidada e quase em ruínas no condado de Norfolk, interior da Inglaterra, que tem um valor simbólico para os moradores locais. Para atingir esse objetivo, Laura, a mando do marido, faz todas as vontades do velho Sr. Pottisworth, o proprietário. Entretanto, como o homem nunca deixou nada por escrito, quem acaba por herdar a casa é uma parente distante, Isabel Delancey. Primeiro violino na Orquestra Sinfônica Municipal, em Londres, Isabel tinha uma vida tranquila com seus dois filhos e o marido, mas tudo virou de cabeça para baixo quando ele morreu em um acidente de carro e deixou uma grande dívida. Sua única oportunidade de recomeço é fincar moradia na Casa Espanhola — algo que o casal McCarthy vai tentar impedir a qualquer custo. O som do amor é um romance sobre obsessão, manipulação, segredos e paixões. Por meio de personagens carismáticos e capazes de tudo para realizar seus objetivos, Jojo Moyes mantém seu estilo inconfundível em uma brilhante história de recomeços.
Romance | 304 Páginas | Cortesia Editora Intrínseca | Skoob | Compare & Compre: SaraivaSubmarinoAmazon| Classificação: 3,5/5
Não nego que o que mais me atraí nos livros da Jojo Moyes é a promessa de uma narrativa emocionante e reflexiva. Gosto de como a autora escreve com propriedade, e sem deixar a sutileza de lado, a respeito de temas complexos e reais. Tanto é que em O Som do Amor somos incitados a refletir sobre amor fraternal (e até onde vale a pena se sacrificar em nome da união familiar), o valor de uma segunda chance e, principalmente, sobre o tipo de ganância que corrói almas. Assim, ao invés de um romance arrebatador, encontramos a história de pessoas machucadas por um tipo de amor que é cruel, mente, traí e subjuga a pessoa amada. Fato que faz essa leitura ser, antes de qualquer coisa, um tributo aos recomeços que todos nós, maltratados pela vida e pelas escolhas erradas, merecemos.

[Resenha] Sociedade da Rosa – Marie Lu

Nome em ascensão na literatura young adult, Marie Lu conquistou seu lugar nas listas dos mais vendidos dos EUA com as séries Legend e Jovens de Elite, ambas com direitos de adaptação para o cinema adquiridos por grandes estúdios. Sociedade da Rosa é o segundo volume da saga de fantasia medieval Jovens de Elite e mostra a jovem Adelina Amouteru com sede de vingança. Depois de ser renegada pela família, ela é traída por aqueles em quem confiou, e parte em busca de outros malfettos — sobreviventes da febre do sangue que, como ela, possuem dons fantásticos —, para formar um exército próprio e combater a Inquisição do Eixo. Mas o ódio e o medo que a alimentam podem levá-la por caminhos perigosos, e uma oferta tentadora vai testar a verdadeira natureza dos seus poderes e de sua personalidade. Uma sequência de tirar o fôlego para uma saga épica.
Fantasia | 336 Páginas|  Cortesia Editora Rocco | Skoob | Compare & Compre: Submarino • Saraiva • Amazon| Classificação 4/5 | Resenha da May

Pode conter Spoilers do primeiro livro.
Quando iniciei a leitura de Sociedade da Rosa estava preparada para encontrar uma Adelina mais poderosa e cruel do que nunca, afinal como comentei na resenha de Jovens de Elite aqui temos a história de uma vilã, uma garota que se encontra perdida entre o certo e errado, que fora maltratada praticamente a vida inteira e quando tem seus poderes despertados tudo o que vê e quer alcançar é vingança. Agora adicione a este desejo de vingança um coração partido e perdido, poderes de ilusões que se alimentam do medo e da escuridão da alma e um toque de ganância... pronto, temos uma história sombria e impossível de parar de ler. 

[Resenha] À Sua Espera – Abbi Glines

Mase sempre preferiu a vida simples em seu rancho no Texas à agitação do mundo do pai em Rosemary Beach. Na verdade, ele quase nunca visita o famoso astro do rock e Nan, sua meia-irmã mimada e egoísta. Mas tudo muda quando conhece uma das empregadas da casa, uma garota linda que, sem saber da presença dele, o desperta com seu canto desafinado. Depois de anos sendo maltratada pela família e pelos colegas por causa de um distúrbio de aprendizagem, Reese conquistou sua liberdade e mora sozinha trabalhando como diarista para as famílias ricas da cidade. No entanto, seu sustento fica ameaçado quando ela causa um acidente na casa de Nan Dillon. Ao ser salva por Mase, um rapaz atencioso e com charme de caubói, Reese fica surpresa pelo gesto dele e, depois, apavorada quando ele demonstra interesse nela. Nunca na vida Reese conheceu um homem em quem pudesse confiar. Será que Mase pode ser diferente? Nessa ardente paixão que nasce entre a doce e batalhadora Reese e o centrado e sexy Mase, Abbi Glines mais uma vez mescla tristezas da vida real com amores de contos de fada e nos faz suspirar até a última página.
New Adult| 240 Páginas|  Cortesia Editora Arqueiro| Skoob | Compare & Compre: SaraivaSubmarinoAmazon| Classificação 4/5
Havia dado um tempo dos livros da Abbi Glines – veja bem, adoro a escrita fluída e contagiante da autora, mas sinceramente cheguei em um ponto em que suas histórias pareciam sempre iguais: mocinho rico, mocinha pobre, explosão de paixão e amor instantâneo. Depois de alguns meses sem ler nada dela, resolvi dar uma chance para À Sua Espera e, para minha surpresa, encontrei um estilo de romance completamente inusitado. Claro que a narrativa permanece previsível, clichê e extremamente sensual, mas – apesar do cenário ser o mesmo – encontramos protagonistas inovadores e emocionalmente cativantes. Além disso, diferente dos outros livros da série, aqui o romance vai além ao abordar temas reais, dolorosos e extremamente reflexivos. De fato, simplesmente mergulhei de cabeça na leitura e me deixei emocionar por essa bela história de amor.

Top Comentarista de Janeiro

Bom dia, galera! Tudo bem com vocês? Preparados para a primeira edição do Top Comentarista de 2017? Para começar o ano com o pé direito separei livros incríveis (e de quebra um Kit de 100 marcadores )!


Atenção aos prêmios: Kit com os livros da Juliana Parrini (um sortudo levará para casa os dois livros); Livro Guia Astrológico para Corações Partidos; e Kit com 100 Marcadores.

Gostou? Então vem participar!

As Melhores (e piores) Leituras de 2016 | Equipe Livros & Fuxicos


Olá, galera! Tudo bem? Antes de mais nada: FELIZ 2017! Um ano abençoado e repleto de realizações para todos nós. Desejo muitas alegrias e, claro, leituras maravilhosas.

E por falar em leituras, será que ainda dá tempo de contar quais foram as nossas melhores e piores leituras de 2016? Reuni a equipe do Livros & Fuxicos para contar quais foram os seus livros favoritos e também suas decepções do último ano. Curiosos? Então vêm conferir: