janeiro 24, 2018

[Resenha] Corte de Asas e Ruína – Sarah J. Maas

O terceiro volume da série best-seller Corte de Espinhos e Rosas, da mesma autora da saga Trono de Vidro em “Corte de Asas e Ruína” a guerra se aproxima, um conflito que promete devastar Prythian. Em meio à Corte Primaveril, num perigoso jogo de intrigas e mentiras, a Grã-Senhora da Corte Noturna esconde seu laço de parceria e sua verdadeira lealdade. Tamlin está fazendo acordos com o invasor, Jurian recuperou suas forças e as rainhas humanas prometem se alinhar aos desejos de Hybern em troca de imortalidade. Enquanto isso Feyre e seus amigos precisam aprender em quais Grãos-Senhores confiar, e procurar aliados nos mais improváveis lugares. Porém, a Quebradora da Maldição ainda tem uma ou duas cartas na manga antes que sua ilha queime.

Fantasia | 687 Páginas | Cortesia Editora Galera Record |
Classificação: 5/5 + Favorito

Skoob | Compare & Compre:
SaraivaAmazon 
| Resenha da May

Finalmente efetuei a leitura do aguardado desfecho da saga de
Feyre e Rhysand! Eu estava extremamente ansiosa para este livro, ainda mais
depois do final de Corte de Névoa e Fúria. E claro que a nossa maravilhosa
Sarah J. Maas não decepcionou nem um pouco e, mais uma vez, me arrebatou para
seu universo único e espetacular, surpreendendo a cada virada de página com
suas personagens fortes e marcantes e acontecimentos que nos levam a uma
montanha russa de emoções.



Começamos a obra com Feyre na Corte Primaveril sendo a “boa moça”
que todos esperam que seja, mas que por traz das aparências está em busca de
informações e vingança por tudo o que acontecera – não somente a ela, mas a sua
família e amigos no final do livro anterior, em seu primeiro confronto com o
Rei Hybern. E aqui neste primeiro momento já percebemos o quanto nossa Feyre
amadureceu, ela está mais forte e determinada do que nunca e será capaz de tudo
para salvar Prythian e a todos que ama. A batalha contra Hybern é eminente e
nossos heróis precisam reunir forças para ao menos ter uma chance contra o
temido inimigo, que além de estar com a posse do poderoso Caldeirão – objeto
mágico muito poderoso – possui um grande e temido exército
As irmãs de Feyre, Nesta e Elain, têm um papel importante neste
desfecho. E esta participação aliada ao desenvolvimento de ambas dentro da
narrativa nos traz novas perspectivas sobre suas histórias, personalidades e
escolhas; e embora lá no primeiro sentíssemos ódio por elas, agora torcemos
para que tenham mais a nos contar, principalmente sabendo dos spin-off que
teremos dentro do universo de Prythian e dos ganchos que a autora deixa neste
volume para Nesta, Elain, Cassian, Mor e Azriel. Através deles somos mais uma
vez surpreendidos e, como de costume, observamos a autora inserir na trama de
fantasia temas tabus e atuais.
E o que falar do nosso Feysand? O casal que arrebatou meu coração,
que fez nossas almas incharem de amor e sofrerem com todos os obstáculos e
desafios por qual tiveram que passar? Este casal é maravilhoso, é leal,
companheiro, altruísta… eles trazem um amor que desejamos ter para a vida,
com respeito, confiança, liberdade, e que enfrenta junto todas as adversidades.
Um casal que irei levar para a vida dentro do meu coração, assim como sua
história. E um fato é que
nesse volume eles estão ainda mais incríveis.
Tudo nesta obra nos leva a grande batalha e até que a mesma se
desenrole temos outros desafios enfrentados por nossas personagens, pequenas
guerras, muito romance, revelações, planos traçados, alianças formadas,
personagens novas surgindo, amizades desfeitas e reconciliadas; tudo
encaminhado para o grande desfecho que foi, sem dúvidas, maravilhoso e perfeito.
Achei que o desfecho foi plausível e encaixou perfeitamente com toda a obra,
deixando nosso coração batendo forte com emoção, cheio de orgulho, feliz com
nosso casal, mas principalmente, esperançoso e ansioso sabendo que não será
nosso último encontro com este universo tão incrível e estas personagens tão
marcantes.

Por fim, termino esta resenha deixando meu apelo, se você nunca
leu nada da Sarah pare tudo o que está fazendo e comece a ler imediatamente,
pois Sarah é sem dúvida uma das melhores autoras de fantasia da atualidade e
merece sua atenção. E seja qual for a série escolhida, Trono de Vidro ou Corte
de Espinhos e Rosas, tenho certeza de que você irá se apaixonar perdidamente
por suas histórias e suas personagens.

Sobre a Série


Corte de Asas e Ruína é o terceiro volume da
série Corte de Espinhos e Rosas – ACOTAR, sendo o último que acompanha a
saga de Feyre e Rhysand, os demais serão spin-offs dentro do mesmo
universo.


Beijos

confira também

Posts relacionados

Comente via Facebook


Deixe seu comentário

4 Comentários

  • Na Sua Estante
    25 janeiro, 2018

    ai mds… quero mt começar a leitura desses livros… já estão na minha listinha no skoob! haha

  • Anônimo
    24 janeiro, 2018

    fico muito contente de ver que mais alguém aprecia essa história incrível, Sarah é uma autora indescritível, li várias e várias vezes e estou lendo novamente esta série em quanto espero o próximo volume de Trono de Vidro, que eu também já li inúmeras vezes. Um abraço para vocês, o blog é ótimo.