[Inspiração] Home Office

Postado em 30 outubro 2014

Eis um fato: todo blogueiro sonha com um Home Office para chamar de seu. Eu sempre quis um cantinho organizado, bem iluminado e aconchegante; um lugar no qual eu poderia preparar os post do blog, interagir com os leitores, gravar os vídeos do canal literário – entre outras tarefas típicas de um blogueiro – sem me sentir cansada ou desconfortável.  E como agora estou noiva e logo irei me mudar, decidi listar as prioridades para o meu futuro Home Office. Vem conferir e, quem sabe, inspirar-se para repensar seu cantinho de trabalho:

[Resenha] Garota Exemplar – Gillian Flynn

Postado em 29 outubro 2014
Uma das mais aclamadas escritoras de suspense da atualidade, Gillian Flynn apresenta um relato perturbador sobre um casamento em crise. Com 4 milhões de exemplares vendidos em todo o mundo o maior sucesso editorial do ano, atrás apenas da Trilogia Cinquenta tons de cinza , "Garota Exemplar" alia humor perspicaz a uma narrativa eletrizante. O resultado é uma atmosfera de dúvidas que faz o leitor mudar de opinião a cada capítulo. Na manhã de seu quinto aniversário de casamento, Amy, a linda e inteligente esposa de Nick Dunne, desaparece de sua casa às margens do Rio Mississippi. Aparentemente trata-se de um crime violento, e passagens do diário de Amy revelam uma garota perfeccionista que seria capaz de levar qualquer um ao limite. Pressionado pela polícia e pela opinião pública e também pelos ferozmente amorosos pais de Amy , Nick desfia uma série interminável de mentiras, meias verdades e comportamentos inapropriados. Sim, ele parece estranhamente evasivo, e sem dúvida amargo, mas seria um assassino? Com sua irmã gêmea Margo a seu lado, Nick afirma inocência. O problema é: se não foi Nick, onde está Amy? E por que todas as pistas apontam para ele?
Thriller | 448 Páginas | Cortesia Editora Intrínseca | Skoob | Compare & Compre | Classificação: 5/5
Ainda estou surpresa com a magnitude dessa história. Eu sou uma garota de romances, de histórias previsivelmente encantadoras e perfeitas, do tipo que terminam de uma maneira bela, feliz e eterna. Entretanto, mesmo receosa, fui conquistada pela narrativa inovadora da autora Gillian Flynn, que optou por mostrar uma faceta obscura e psicótica dos casamentos, indo muito além do “viveram felizes para sempre”. A trama é intensa, confusa, surpreendente e dolorosamente real. Aqui as aparências enganam, a lógica é trapaceada pela imaginação, e os personagens são de carne e osso: rancorosos, vingativos, mentirosos... Nunca imaginei que diria isso, mas Garota Exemplar é um dos melhores e mais verdadeiros livros que já li. E isso não significa que a história seja um reflexo puro de nossa sociedade, mas sim que a trama é capaz de mostrar com veracidade a obscuridade da mente humana – o que, sem dúvida, dá margem para infinitas reflexões sobre quem nós verdadeiramente somos sem máscaras e sem falsidades.
O amor faz você querer ser um homem melhor – certo, certo. Mas talvez o amor, amor de verdade, também lhe dê permissão para ser apenas o homem que é.

[Resenha] Boneca de Ossos – Holly Black

Postado em 28 outubro 2014
Poppy, Zach e Alice sempre foram amigos. E desde que se conhecem por gente eles brincam de faz de conta – uma fantasia que se passa num mundo onde existem piratas e ladrões, sereias e guerreiros. Reinando soberana sobre todos esses personagens malucos está a Grande Rainha, uma boneca chinesa feita de ossos que mora em uma cristaleira. Ela costuma jogar uma terrível maldição sobre as pessoas que a contrariam. Só que os três amigos já estão grandinhos, e agora o pai de Zach quer que ele largue o faz de conta e se interesse mais pelo basquete. Como o seu pai o deixa sem escolha, Zach abandona de vez a brincadeira, mas não conta o verdadeiro motivo para as meninas. Parece que a amizade deles acabou mesmo...

Suspense Juvenil | 224 Páginas | Novo Conceito | Skoob | Compare & Compre | Classificação: 4/5 | Resenha da Day Farias
Zach, Alice e Poppy são três crianças cujas brincadeiras tomam vida através da grande imaginação que eles possuem. Piratas, monstros, heróis e rainhas tiranas...tudo é possível e pode tomar forma quando as histórias fantásticas de seus personagens se cruzam. Porém, quando um de seus brinquedos é obrigado a abandonar a diversão e parece não gostar disso, fica claro que a história não quer ser deixada para trás. A Rainha, uma boneca de porcelana de aparência assustadora que observou e participou de cada uma de suas aventuras, resolve que dessa vez ela tem sua própria história para contar. Será que crescer é realmente deixar para trás algo que se ama?
“Odeio o fato de todo mundo chamar isso de crescer, mas parece que é morrer.”

[FLIM] 1ª Festa Literária de Maringá

Postado em 27 outubro 2014
Desde que iniciei o blog uma das minhas maiores reclamações é a falta de eventos literários na minha cidade – até porque, independente de ser um município do interior, Maringá é a terceira maior cidade do estado do Paraná. Por isso foi uma agradável surpresa ver Maringá sediando a primeira edição da FLIM, Festa Literária de Maringá, que aconteceu entre os dias 21 e 25 de outubro, e que contou com 80 estandes e mais de 3 mil metros quadrados de feira! Tive o prazer de participar do evento que, além de garantir promoções incríveis, ofereceu muita diversão e alegria. Vem conferir um pedacinho dessa festa:

[Resenha] Dias Perfeitos – Raphael Montes

Postado em 24 outubro 2014
Téo é um solitário estudante de medicina que divide seu tempo entre cuidar da mãe paraplégica e examinar cadáveres nas aulas de anatomia. Durante uma festa, ele conhece Clarice, uma jovem de espírito livre que sonha tornar-se roteirista de cinema. Ela está escrevendo um road movie sobre três amigas que viajam em busca de novas experiências. Obcecado por Clarice, Téo quer dissecar a rebeldia daquela menina. Começa, então, uma aproximação doentia que o leva a tomar uma atitude extrema. Passando por cenários oníricos, que incluem um chalé em Teresópolis e uma praia deserta em Ilha Grande, o casal estabelece uma rotina insólita, repleta de tortura psicológica e sordidez. O efeito é perturbador. Téo fala com calma, planeja os atos com frieza e justifica suas atitudes com uma lógica impecável. A capacidade do autor de explorar uma psique doentia é impressionante – e o mergulho psicológico não impede que o livro siga um ritmo eletrizante, repleto de surpresas, digno dos melhores thrillers da atualidade. Dias perfeitos é uma história de amor, sequestro e obsessão. Capaz de manter os personagens em tensão permanente e pródigo em diálogos afiados, Raphael Montes reafirma sua vocação para o suspense e se consolida como um grande talento da nova literatura nacional.
Thriller policial || 280 Páginas || Cortesia Cia das Letras || Skoob || Compare & Compre|| Resenha da Kamila Mendes || Classificação: 5/5
Depois de virar a última página de Dias Perfeitos posso dizer que a escrita de Raphael Montes me conquistou de jeito. Estou perplexa com a forma como ele conduz a história, admirada com seus personagens e muito orgulhosa com o fato dele ser brasileiro. Posso dizer também que esse é simplesmente o melhor livro que li esse ano.

[Fuxicando Sobre Chick-Lits] Desafio Fuxicando Sobre Chick-Lits: Segredos De Uma Sapatólatra - Beth Harbison

Postado em 23 outubro 2014


"Chick-lit" é um gênero literário que abrange a vida da mulher moderna, sendo voltado, principalmente, para o sexo feminino. São romances leves, com um toque de humor, que narram o quotidiano e entram fundo nas dúvidas e emoções das personagens, transmitindo, normalmente, a sensação de estar lendo o relato de uma amiga. As história nesses livros poderiam facilmente ser uma conversa entre garotas ou mulheres, na qual há compartilhamento de sonhos, segredos, confissões.





Oi queridos!

Esse mês, cumpri o item nº 13: Ler um chick-lit cujo título tenha chamado sua atenção.
Minha escolha foi Segredos de Uma Sapatólatra, de Beth Harbison, continuação de Sapatólatras Anônimas que pode ser lida independentemente do primeiro livro!

Livros & Post-It

Postado em 22 outubro 2014

Cada leitor é dono de uma mania diferente, a minha – ou melhor, uma delas – resume-se ao meu amor por post-its. Durante a leitura adoro marcar os trechos que me impressionam ou emocionam de alguma maneira. Portanto faz parte do meu ritual de leitura lotar os livros de post-its, destacando as frases que me marcaram. O mais legal dessa mania é que, ao pegar um livro lido e reler um trecho destacado com um post-it, eu posso relembrar os momentos especiais que passei ao lado daquele livro.  E tem sentimento mais gostoso do que relembrar o quão marcante e emocionante uma leitura foi? Pensando nisso resolvi mostrar um pedacinho da minha coleção de Post-its. Vem conferir: