Resenha: Book Tour Guardians – Volume 1 (Luciane Rangel)

Título: GUARDIANS

Autora: Luciane Rangel
Ilustratora: Ana Claudia Coelho
Formato: 16x23cm
Capa: 4X0 cor, com orelhas de 7 cm
Miolo: 1X1 cor
Páginas: 360
ISBN: 987-85-63557-25-4









Sinopse: O mundo dos homens é protegido do mundo de malignas criaturas por uma barreira dimensional. Frágil e sob constante ameaça, ela é protegida por doze guerreiros sob os signos das estrelas: os Guardiões. A missão desses jovens, que contam com poderes sobre-humanos, é evitar que catástrofes tomem o mundo, fechando uma fenda na barreira e impedindo a passagem dos monstros. Porém, por mais que tenham incríveis poderes, as fraquezas inerentes aos humanos – o amor, o ódio, a vingança e a hesitação – continuam presentes, tornando a missão um pouco mais difícil do que parecia ser...


Guardians, escrito pela autora brasileira Luciane Rangel, é um livro repleto de suspense e ação, e não nego que isso me surpreendeu, a narrativa é simples e envolvente e o fluxo da estória é favorável ao leitor, o que facilmente nos prende ao contexto do livro, que em alguns instantes, me lembrou a ação de Mangás e Animes japoneses.

A estória nos apresenta aos Youkais, monstros que habitam uma espécie de submundo, separado da Terra por uma barreira dimensional, e que sonham em dominar nosso planeta.  Alguns desses Youkais vivem na Terra disfarçados como humanos, outros, de tempos em tempos, conseguem passar pela barreira dimensional que está enfraquecendo ao longo dos anos. Assim, cabe aos Guardiões, doze guerreiros responsáveis pelo poder dos signos, manter a Terra protegida dos ataques desses monstros e de uma possível invasão.


O poder dos Guardiões é repassado de geração em geração, e sempre que a barreira se enfraquece e os ataques Youkais aumentam, faz-se necessário que os doze guerreiros se unam para fortalecer a barreira, fechando então, a passagem que os Youkais utilizam para entrar na Terra. Contudo, a última geração de Guardians estava desfalcada e não conseguiu cumprir de forma completa sua missão, fazendo com que seus filhos, a nova geração de Guardians, se tornassem responsáveis por selar definitivamente a barreira. Assim, quando chega o momento deles se unirem, somos apresentados a jovens muito diferentes, cada um de uma região destina do mundo, com uma criação, cultura, treinamento e história de vida diferente. As diferenças entre eles são ainda mais notáveis em suas personalidades, o que no começo gera muitas brigas e desavenças entre o grupo. Nesse ponto, fiquei encantada com a abordagem que a autora realizou, ela nos fez pensar nas diferenças de uma forma positiva, a fim de deixarmos de lado o preconceito, abordando temas presentes no nosso cotidiano de forma direta e engraçada.

“Tá brincando que essa pirralha é uma Guardiã! – Pirralha, não! – Ofendeu-se a menina – Eu já tenho dezesseis anos! Todos olharam-na e piscaram. Entendendo o que se passava pela cabeça dele, tratou de se corrigir: - Tá, eu tenho quinze.... Parem de me olhar com essas caras, tenho treze tá legal? Ou melhor, eu vou fazer treze...”

Como já citei, além da ação, o livro é repleto de suspense, quando os Guardians se reúnem, se dão conta de que alguns deles ainda não desenvolveram seus poderes, o grupo precisa esperar por esses Guardians, pois, a chance deles obterem sucesso em sua missão depende disso, o problema é que lhes falta tempo para esperar, além de que, existem mistérios no passado desses Guardians que influenciam diretamente sua falta de poder.

Enquanto li o livro, fiquei o tempo todo querendo descobrir quais mistérios rondam os Guardians, por isso, não conseguia parar de lê-lo, pois além dos mistérios, e da ação, o livro é divertido, eu ri com ele do início ao fim. Os personagens são muito engraçados, e ao longo do tempo vão crescendo como pessoas, amadurecendo, apreendendo a conviver em grupo.

“- Shermmi-chan, por que está assim? – Elas estão me torturando! – A morena respondeu, gritando. - Mas... Mas... – Anne olhou para o modelador de cachos na mão de Maire, e o estojo de maquiagem com Micaela – Mas é só maquiagem e cabelo (...)”

Gostei muito do livro, realmente fiquei impressionada, porque sinceramente imaginava um livro infantil, e me deparei com um livro muito bom e para Jovens Adultos (Y.A.). Além da estória e da narrativa, a revisão e impressão do livro são de ótima qualidade, a única coisa que não gostei foi do final, senti como se a estória tivesse parado no seu ápice, pois, no momento em que alguns mistérios são revelados o livro acaba e nos deixa com muita vontade de “quero mais”. Mas para resolver isso é mole, é só ler o segundo volume da série, então, Luciane me coloca no Book Tour do segundo livro!



Para saberem mais, acessem o blog da autora e acompanhem as novidades por seu Twitter.


A, e todos que comentarem nessa resenha estarão concorrendo a marcadores lindos do livro! 


17 comentários:

  1. Acho que tive a mesma impressão inicial que você, que seria um livro infantil.
    Mas pela descrição e pelo que você disse, a verdade está bem longe disso hehe!
    Apesar de não ser muito fã de ação, adoro suspense, ainda mais se tiver partes engraçadas!
    Resumindo, não seria um livro que eu escolheria pra ler numa primeira impressão, mas lendo aqui a visão que tinha mudou um pouco e a minha curiosidade sobre a história aumentou ^^
    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Oi Pah!
    Eu estou louca para ler esse livro e depois da sua resenha fiquei mais tentada ainda. O bom é que agora eu já sei que tenho que comprar o 1 e o 2 logo de uma vez pra não ficar desesperada pela continuação.hahahah
    Ótima resenha!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. O pessoal fala tão bem do livro que dá vontade de ler e espero a minha vez. =D

    ResponderExcluir
  4. Pah, me deu vontade de ler, sua resenha aguça a vontade.
    Não daria muita atenção para ele por achar que seria um livro infantil, mas que bom que estava enganada.
    A capa é muito legal!

    Beijos, ótima semana!

    ResponderExcluir
  5. Eu também pensei que fosse um livro infantil e não dei muita bola...rs
    Vc escreve muito bem Pah, não é a toa que invejosos roubam..rs brincadeira, mas pra descontrariar... como disse a Mi, sinta-se orgulhosa....

    Bjss

    ResponderExcluir
  6. Esse livro parece ser bem fofo. A ilustração é muito bonita também. Gostei da resenha.

    Depois dá uma passadinha lá no blog :)

    Beijocas,
    Thais P.
    http://thaypriscilla.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Eu tive o prazer de conversar com a autora do livro e ela é uma graça de pessoa!
    Ainda não tive a oportunidade de lê-lo, mas estou com muita vontade!
    Ótima resenha
    Beijos

    Gih
    http://kastmaker.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Nunca cheguei a ler esse livro mas sua resenha me chamou a atenção, gosto de livros que passam a impressão de ser uma coisa e depois é totalmente diferente. Vou procurar na biblioteca da faculdade. xD
    ~ the cherry moon

    ResponderExcluir
  9. Ok, originalmente eu não tinha vontade de ler o livro, mas as 9317391 resenhas que eu já li falando super bem já me convenceram! Agora eu tô louca pra ler!
    Natália Maia - viciadasemlivros.wordpress.com

    ResponderExcluir
  10. Blog maravilhoso! Parabéns *-* Adoramos!

    Visita? http://allstargt.blogspot.com
    TEM SORTEIO, CORRE LÁ! :)
    xoxo

    ResponderExcluir
  11. Depois desta resenha fiquei mais curioso e ansioso pra quando for a minha vez no book tuor.

    Jesimiel | @cadernorepicado
    http://cadernorepicado.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  12. Adorei querida.
    Daqui a pouco vou começar a lê-lo.

    Parabéns pela resenha, ta ótima.

    Bjoks ^^

    @suellennxavier

    Suellen =D

    ResponderExcluir
  13. AAAhhh, AMEI O NOVO VISUAL DO BLOG, FICOU D+ FLOR.
    PARABÉNS!!!!!

    ResponderExcluir
  14. não curto muito o estilo, mas achei interessante sua resenha.
    parabéns amiga.
    beijos

    ResponderExcluir
  15. Eu fiquei com mais vontade de ler depois da sua resenha.

    Beijos!!

    ResponderExcluir
  16. DEIXO-TE UMA MENSAGEM ESPECIAL PARA UMA PESSOA ESPECIAL:
    Distâncias não existem quando a temos junto a nós
    Ultrapassa mil fronteiras, seu poder? Transcendental
    É o som de quem não ouve e do silencioso, ela é a voz
    É o consolo dos aflitos, luz da escuridão, infinita e imortal

    É divina criação, com ela se tem para sempre um irmão
    União de várias vidas. Tem por lema a lealdade
    Semente plantada com amor no fundo do coração
    Essa é a verdadeira descrição da mais perfeita amizade


    “O que é um amigo? É uma única alma habitando dois corpos”
    (Aristóteles)
    BEIJOS ESTALADOS DA GIZA!!!!

    ResponderExcluir
  17. Realmente , o livro é ótimo , comprei o primeiro volume na 12ª Bienal do livro e adorei , já estou com o 2 volume , agora só falta o 3º *-*

    ResponderExcluir