abril 15, 2013

[Resenha] A Probabilidade Estatística do Amor À Primeira Vista – Jennifer E. Smith

Com uma certa atmosfera de Um dia, mas voltado para o
público jovem adulto, A probabilidade estatística do amor à primeira vista é
uma história romântica, capaz de conquistar fãs de todas as idades. Quem
imaginaria que quatro minutos poderiam mudar a vida de alguém? Mas é exatamente
o que acontece com Hadley. Presa no aeroporto em Nova York, esperando outro voo
depois de perder o seu, ela conhece Oliver. Um britânico fofo, que se senta a
seu lado na viagem para Londres. Enquanto conversam sobre tudo, eles provam que
o tempo é, sim, muito, muito relativo. Passada em apenas 24 horas, a história
de Oliver e Hadley mostra que o amor, diferentemente das bagagens, jamais se
extravia.
Jovem Adulto || 223 Páginas
||
Cortesia Galera Record || Skoob || Compare
& Compre
|| Classificação: 5/5
Se Hadley não
tivesse tido problemas com a sua mala, ou se a manga do seu vestido não
precisasse de um ajuste, ou ainda se ela não tivesse tido um desentendimento
com sua mãe, será que ainda assim, ela teria conseguido chegar a tempo no
aeroporto? Prestes a fazer uma viagem para qual ela não considera estar preparada,
Hadley perde o voo para Londres por atrasar míseros quatro minutos. Chateada
com o a viagem, brava por ter perdido o voo, cansada de esperar, e prestes a
ter um ataque de pânico no meio de um aeroporto lotado, a jovem conhece o
encantador e bem-humorado Oliver, rapaz que torna sua percepção de tempo relativa,
e que a faz compreender que quatro minutos é um espaço de tempo pequeno perto
das horas que ela fica presa no aeroporto esperando pelo seu próximo voo, mas é
também uma fração de tempo grande o suficiente para mudar o rumo de sua vida. Que
seja pelo acaso, ou até mesmo por meio do destino, mas o fato é que se ela não
tivesse se atrasado, tudo seria diferente. Então a grande questão é: você acredita que uma escolha tem o poder de mudar
o futuro?
“- Ah, então você está
procurando uma saída. Hadley concorda. – Sempre. – Faz sentido – comenta ele em
tom dramático. – Várias meninas me dizem isso.”

A
Probabilidade Estatística do Amor À Primeira Vista’
é o tipo de livro que
ganha o leitor logo nas suas primeiras páginas. Com uma narrativa jovem, bem-humorada,
romântica, leve e ao mesmo tempo reflexiva, a obra encanta e envolve o leitor
ao ponto de fazê-lo vivenciar e
experimentar
os sentimentos descritos.
Hadley, uma jovem de 17
anos, tem todos os problemas e dúvidas típicas dessa idade, o que também vale
para Oliver e suas reflexões a respeito do futuro. Graças a esses dois jovens,
mergulhamos em um turbilhão de emoções; paixão, medo, mágoa, raiva, arrependimento,
tudo no pequeno espaço de 24 horas. Um dia parece tão pouco tempo para uma
mudança de vida, para o compartilhamento de segredos e para uma aceitação e
compreensão muda, que fica difícil compreender o laço vivenciado por Hadley e
Oliver, entretanto, para quem lê, é mais que fácil aceitar tal relação. De fato
o livro não trata de uma paixão platônica, como alguns erroneamente poderão presumir,
o que está presente é a amizade, o consolo, e a vontade de se ajudar que liga,
mesmo que involuntariamente, esses dois jovens.
Foi exatamente por esse
motivo, pelo fato do livro ir além do envolvimento romântico, que me surpreendi
com a história. Estava preparada para mergulhar em uma trama romântica, para me
deparar com uma união inesperada gerada pelas idas e vindas do destino, porém
encontrei um casal que antes de ser um casal, são amigos, são simplesmente jovens,
duas pessoas unidas pelo acaso que compartilham e enfrentam problemas
familiares comuns, mas não por isso, menos dolorosos. E o ponto é que, tal
enlace familiar me ganhou por completo. A capa, a sinopse, os trechos
divulgados na internet podem transmitir uma ideia de romance juvenil, contudo,
o que temos é um livro voltado para jovens com uma bela lição sobre valores,
prioridades, sentimentos, e dramas familiares. Como leitora, facilmente me vi no
lugar desses jovens, e por esse motivo, me apaixonei por eles.
Jennifer E. Smith escreveu um livro encantador, ao ponto de me fazer suspirar com sua simplicidade, com
seu romance, e com seus personagens. Ri com Oliver, chorei com Hadley, e adorei
cada segundo das 24 horas que passei com eles. De fato, levei um espaço de
tempo bem menor que esse para finalizar a leitura, mas a sensação que fica é de
que foram dias, meses, anos ao lado desses jovens, que iniciam o livro, ou o
dia se preferirem, repletos de dúvidas, mágoas e medos, e o terminam fortes o
suficiente para encarar e desvendar esses sentimentos. O que eu aprendi com o
livro? Que a percepção de tempo é relativa, e que quando é para ser, vai ser,
nem que para isso você precise esquecer o guarda-chuva, perder o ônibus, ou
atrasar míseros quatro minutos.
Quote:
Nem todo mundo fica 52 anos juntos, e se
ficam, não faz a mínima diferença se você faz uma promessa na frente de todo
mundo. O importante é que você teve uma pessoa ao seu lado o tempo todo. Até
mesmo quando tudo está dando errado.”
Capas pelo Mundo: 
          

confira também

Posts relacionados

Comente via Facebook


Deixe seu comentário

20 Comentários

  • Marileuza ou simplesmente MARI
    18 setembro, 2017

    Um livro leve, simples e surpreendente.
    Demonstra o quando o destino não escolhe hora nem lugar para surpreender e interligar pessoas.
    Eu concordo plenamente com você, a leitura deste livro é sensacional, vale a pena sim! Bjinhos

  • Alasca Young
    02 maio, 2014

    Amei as diferente capas! Li esse livro a pouco tempo, porém não marquei os quotes e fico procurando pela net, é NINGUEM coloca a pág que está a frase!

  • Flávia Xavier
    09 maio, 2013

    Desejei horrores a versão em francês!

    De uma passada no meu blog e confira a minha resenha: http://donnaflaviaa.blogspot.com.br/2013/05/e-se.html

    Aguardo seu comentário!

  • Karina B.
    22 abril, 2013

    Oii Pah!
    Estou curiosa com esse livro. Todas as resenhas que eu leio dele são positivas.
    Parece ser um livro muito fofo e eu amei a capa!

    Adorei a resenha.
    Beijos!

  • Tânia Silva
    19 abril, 2013

    Não dava muito pelo livro, mas sua resenha me pegou. Me empolguei para começar a leitura.

    BEIJOSS

  • Coisa Phynna
    18 abril, 2013

    Fiquei bem curiosa, mas vc acredita q eu detestei Um Dia?
    Entrou p minha lista de livros abandonados!
    Bjs!!!

    >>> Livro: Travessuras da Menina Má
    http://coisaphynna.blogspot.com.br/2013/04/livro-travessuras-da-menina-ma.html

  • Pati Peña
    17 abril, 2013

    Nossa Pah, este livro deve ser bom mesmo! Eu gostei muito da capa e pela resenha vale muito a pena ler, já está na lista de desejados 😉
    Bjs,
    Pati

  • Thais K.
    16 abril, 2013

    Hey , gostei da resenha, muito boa…
    eu realmente quero ler o livro !!!
    bjs

    http://mundoda-resenha.blogspot.com.br/

  • Dayse Ribeiro
    16 abril, 2013

    Gostei da resenha, o livro parece ser bom, vou colocar na minha lists.
    As capas sao super fofas.
    bjoss.
    http://doceestante.blogspot.com

  • Paty M. Castro
    16 abril, 2013

    De todas as resenhas que li desse livro , 100% são positivas, e com certeza é o tipo de livro que me agrada, por sua narrativa, sua historia, romance, e uma escrita envolvente. Eu quero muito ler e conhecer essa autora que esta ganhando tantos fãs.

  • elly
    16 abril, 2013

    Bom dia amore
    passando rapidinho especialmente para
    te chamar para concorrer a um Kit natura plant
    são só 2 cliques para concorrer!
    nao precisa me seguir!
    participe e boa sorte!!
    beijos!
    http://www.coisasdeladdy.com/2013/04/sorteio-kit-da-natura-plant.html

  • Andressa Leal
    16 abril, 2013

    a nossa capa é a mais fofa neh!? rs
    eu quero muiito ler esse livro, e a sua resenha so me deixou mais na vontade. rs

    ele está na minha proxima lista de compras..
    mal posso esperar por acabar os que ja tenho rsrs

    Beijinhos, Dreeh.
    Livros e tudo que há de bom

  • Fabi Liberati
    16 abril, 2013

    Esse livro deve ser muito fofo….adorei a resenha, achei super curioso o fato de acontecer tudo isso em 24 horas.Concordo com você que a percepção de tempo é relativa, e que quando é para ser vai ser. Estou louca para conhecer Oliver e Hadley.
    Beijos flor

  • Mirelle Candeloro
    16 abril, 2013

    Amei sua resenha, como sempre, mas agora to me sentindo mal. Putz, todas as resenhas que vejo por aí só elogiam esse livro. Eu fui a única que não gostei?? kkkk Sou um ET!! Gente, achei esse livro tão fraco, os diálogos tão sem pé nem cabeça e mal feitos, a protagonista tão irritante. Simplesmente não consegui me entregar e gostar da história, isso que o enredo tinha tudo para ser fantástico porque a premissa era muito divertida. Uma pena mesmo.
    Beijos, Mi

    http://www.recantodami.com

  • Aione Simoes
    Aione Simoes
    15 abril, 2013

    Gêmea, fomos gêmeas em nossas impressões pelo livro 🙂
    Eu também me surpreendi pelo fato do livro ir além do romance juvenil, abordando dramas familiares sem deixar de ser uma leitura leve.
    E eu também achei que ficou muito claro o quanto o tempo é relativo!
    Enfim, puro amor!!
    Beijão!

  • Jessinha Cruz
    15 abril, 2013

    Fiquei super empolgada e nem sabia que o livro já estava a venda em Portugal e a capa é linda (coisa rara comparada com as do Brasil) acho que desta vez até é a minha favorita de entre todas
    http://www.fofocas-literarias.blogspot.pt

  • Rayme
    15 abril, 2013

    estou doida para ler este livro! não canso de ler resenhas positivas dele ;~~
    estou com grandíssimas expectativas para este livro, e espero não me decepcionar :S
    só eu acho a nossa capa a mais linda de todas? 😛
    o que mais me deixa curiosa neste livro todo, é o fato da história se passar em apenas 24 horas…. preciso compreender isso melhor… será possível?

  • Ana Luiza Moraes
    15 abril, 2013

    Estou loucaaaaaaaaa para ler esse livro. *-*
    A capa é tão fofinha. *-*

    http://livrinhoseeu.blogspot.com/

  • Raíssa Lis
    15 abril, 2013

    Oiie, quero muito ler esse livro tenho visto comentários muito positivos sobre ele !
    Adorei a resenha e as capas pelo mundo com certeza são melhores que a capa brasileira !!
    Beijos
    Raíssa Lis
    Flor de Lis – http://florderaissalis.blogspot.com.br/

  • Ana Paula Ramos
    15 abril, 2013

    ohhh já me apaixonei por eles!! <3
    Sabia que antes de ler a resenha não tinha ligado muito para o livro.. agora vou ter que ler sim! Eu adoro o livro UM DIA, acho que vou adorar este tbem!
    Eu acredito que uma escolha muda nosso futuro, e mesmo não acertando muito, qdo perco a hora, resolvo ir por outro caminho, eu acho que aconteceu por que era para acontecer….
    E a historia de amizade que eles fizeram em 24hrs, e depois um romance fofo!! aiaiiaaia já estou suspirando aqui!

    vlw mesmo pela resenha linda! me encantei 😀

    bjão