[Resenha] Manual do MIMIMI – Lia Bock

Lia Bock se considera uma ativista sentimental que ama amar as coisas. Depois de criar o blog mais acessado da revista TPM, Manual do mimimi marca a estreia de Lia no mundo dos livros. Em textos irônicos, ácidos, mas também sentimentais, além de profundamente sinceros, Lia (uma verdadeira expert nos assuntos do coração) - com charme e estilo inconfundíveis - falar com todas as mulheres: solteiras, casadas, recém-separadas e à procura. Manual do mimimi é uma reunião de textos publicados no blog Eu lia, tu lias, ilustrados por Zé Otávio.
112 Páginas || Cortesia Editora Paralela || Skoob || Compare & Compre|| Classificação: 5/5|| Resenha da Kamila Mendes
O Manual do MIMIMI é uma coletânea de crônicas sobre a situação amorosa das mulheres do século XXI. Isso mesmo. São textos suaves, leves e engraçados que versam desde uma saída numa balada pra ver se descola um cara pra beijar até a procurar frenética pelo amor de sua vida. O mais engraçado é que comecei a leitura achando que não ia me identificar com a escritora, mas me identifiquei. As frustrações dela com o sexo oposto expostas nos textos são tão parecidas com as minhas que é quase impossível não se identificar. Mas o livro não fala só de namoros rompidos e dores de cotovelos. Tem também boas reflexões. A que mais me marcou pode ser resumida nessa frase:
“Se fôssemos uma sociedade emocionalmente organizada, conseguiríamos não só torrar menos o mundo consumindo por pura ansiedade, como chegaríamos com mais facilidade à tão desejada felicidade – que nada mais é do que o exato momento em que queremos o que temos e temos o que queremos.” (pg. 25).

O ponto engraçado do livro é o próprio assunto. O mimimi a que o título se refere são aqueles problemas amorosos femininos que todas nós enfrentamos: ficar ou não com aquele carinha na festa de fulana? Quando passar a ser uma ficada? E quando a ficada passa a ser namoro?
A gente tem que concordar que os homens dão um nó na nossa cabeça. Somos criaturas diferentes deles, até a mais feminista das mulheres sonha com um carinha que a entenda e complete e quando ele aparece, o carinha se engraça com a patricinha que não tem nada a não ser vento na cabeça.
“Às vezes parece que o mundo seria melhor sem os homens. Mas esse pensamento dura apenas trinta segundos, graças a Deus! Eles são fundamentais para conturbar, desarrumar, encaixar e algumas coisinhas a mais.” (pg. 29).
Fala sério. Quem nunca quis atirar de bazuca no sexo oposto atire a primeira pedra. Eles são a causa das nossas lágrimas e dos nossos sorrisos. Mas mais do que os homens, a autora admite a existência de um ser mágico na vida de toda mulher, a melhor amiga!
“Quem é que ama quem você ama e o-dei-a quem você o-dei-a? São elas que choram nosso choro. São elas que compram nossas brigas e roem a unha por nós. São elas que em papel delicado declaram amor eterno, inteiro e cúmplice que tem por nós.” (pg. 68).
Indico esse livro a todas que vivem, ou que já viveram seus dias de MIMIMI, que sabem como é sofrer com a indecisão masculina, ou com a própria carência. Esse livro nos faz enxergar que é normal sofrer por isso, anormal é se afundar no sofrimento. Dou cinco estrelinhas pelas risadas que me arrancou.
Book Trailer







Participe Aqui

22 comentários:

  1. Já tinha visto essa capa em algum lugar antes, mas não despertou meu interesse. Essa é a primeira resenha que eu leio e percebo que deixei de lado uma leitura rápida já que o livro é pequenininho e bem agradável. Adoro crônicas e acho que me identificaria porque sou cheia de mimimis.

    ResponderExcluir
  2. Oi Kamila, adorei sua resenha, o livro aparenta ser realmente divertido. Quem nunca sofreu por não entender o sexo oposto?! Quem nunca fez mimimi certo?! Pelo visto será impossível não se identificar com o drama alheio.. kkk Valeu a dica. Beijos, Mi

    www.recantodami.com

    ResponderExcluir
  3. Preciso ler! hahaha
    Fiquei rindo só no título do "mimimi". É muito mulherzinha, e eu gosto bastante desse tipo de literatura.
    Realmente, homens são um nó para nós. O que achei especial e me lembrou minha leitura recene de Lonely Hearts Club, foi essa questão os homens e a pessoa especial: amiga.

    liliescreve.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Esse livro, apesar de sua resenha e explicação perfeita do que encontrar nele, não me chamou atenção para a leitura. Mas, para quem gosta do estilo creio que vai amar.

    ResponderExcluir
  5. só esse titulo do livro já é engraçado, imagina o livro! hahaha
    parece ser divertido mesmo...
    só achei esta capa um pouquinho estranha ;x

    ResponderExcluir
  6. Oi Kamila!
    O livro parece ser bem legal, que bom que você gostou :)
    Uma pena que não é meu tipo de livro... :(
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Oie Kamila!!

    Parece ser bem engraçado e ideal para ler logo após livros densos. Ainda não o conhecia e nem a autora.rsrs

    Letras & Versos

    ResponderExcluir
  8. Achei essa capa muito fofa e o titulo muito engraçado!
    Não curto muito contos na verdade estou tentando começar a gostar e acho que esse livro é ótimo para um começo!!
    Com um conteúdo descontraído e engraçado acho que vou me divertir demais!!
    Bjus

    ResponderExcluir
  9. Adorei!
    Parece ser muito bom e vou procurar pra ler logo.
    Já passei por vários mimimi.

    ResponderExcluir
  10. Estou em uma fase que livros assim estão longe da minha lista. Mas quem sabe quando passar essa fase

    ResponderExcluir
  11. Parece ser uma leitura engraçada mesmo e com assunto que a maioria das mulheres vai se identificar, mas eu tenho pena que gastar muito dinheiro em livros tão finos (claro que depende do livro, mas em geral é assim). Adoro livros com reflexões.

    ResponderExcluir
  12. Oi kamila
    Não conhecia esse livro nem a autora,mas parece ser bem divertido de se ler :)

    http://livroaoavesso.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oie.. adoreiiiii esse livro, aliais achei que já tivesse comentado sobre ele....
    Enfim, quem nunca ficou chorando pelos cantos e reclamando, mimimimimi.
    Com certeza deve ser uma leitura divertidissima, afinal eu sempre me achava uma idiota por sofrer kkkkkkk.

    Bjus

    ResponderExcluir
  14. Não conhecia o livro, mas parece ser impossível de não se identificar!
    Quem nunca teve seus momentos de mimimi, não viveu e nem tem história para contar haha
    Deve ser super divertido mesmo =))

    Beeijinho. Dreeh
    Blog Mais que Livros

    ResponderExcluir
  15. Eu não conhecia o livro, mas ele parece ser suuuper engraçado!
    Afinal de contas quem nunca teve seus momentos de mimimi está perdendo histórias para contar.
    Achei o título hilário. e vou anota-lo aqui para procurar depois =))

    Beeijinho. Dreeh
    Blog Mais que Livros

    ResponderExcluir
  16. Oii!
    O livro parece ser muito divertido :)
    Um livro bem leve e legal! Perfeito para passar o tempo.
    Adorei a dica!
    Beijos!
    Karina

    ResponderExcluir
  17. Há anos não leio crônicas e me deu vontade após ler sua resenha. Obrigada pela dica!
    Beijos!!!
    Annamaria - Árvore dos Contos

    ResponderExcluir
  18. Olá, Kamila.
    Bem, considerando que o livro é levinho, com assunto bem atual e as reflexões são boas, acho que vou gostar bastante.
    Já ta na lista de desejos kkkk.

    ResponderExcluir
  19. Oi Kamila, não conhecia nada sobre esse livro, mas parece ser bem legal!
    Adoro uma leitura leve com um tom de comédia, acho que eu me identificaria também, todas já tiveram seus dias de MIMIMI..
    Um ótimo ano para ti!

    depoisdeumlivro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  20. Oi Ka ! Assim que eu li o título do livro , eu já vi que eu ia adorar a história do livro , e eu não me enganei !! Pelo o que eu percebi , o livro é muito engraçado . Pelos trechos que você colocou na resenha , deu para perceber que o livro é meio que um auto ajuda , mas nem por isso deixa de ser uma leitura gostosa .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. não sei se considero auto ajuda Fernanda, mas ele é bem gostoso de ler...realmente tirou muitas gargalhadas de mim!

      Excluir
  21. Esse livro me pareceu muito divertido, fiquei com vontade de lê-lo!
    E parece que eu mudarei de ideia sobre cronicas.
    Beijos e até,
    Ana.
    http://umlivroenadamais.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir