[Resenha] Contos da Seleção – Kiera Cass

Os dois contos que se passam no universo criado por Kiera Cass, autora da trilogia A Seleção, agora estão disponíveis em edição impressa. Em O príncipe e O guarda, o leitor poderá acompanhar de perto os pensamentos e emoções dos dois homens que lutam pelo amor de America Singer: o príncipe Maxon e Aspen Leger, ex-namorado de America, que acaba trabalhando no palácio durante a Seleção. Esta antologia inclui, ainda, um final estendido do conto O príncipe; bônus exclusivos, como uma entrevista com a autora e dados inéditos sobre os personagens; além dos três primeiros capítulos de A escolha, o aguardado desfecho da trilogia.

Fantasia Distópica || 257 Páginas || Cortesia Editora Seguinte|| Skoob || Compare & Compre|| Classificação: 5/5
Contos da Seleção é uma coletânea que reúne os contos O Príncipe e O Guarda que apresentam, respectivamente, as perspectivas do príncipe Maxon e do guarda Aspen a respeito de alguns momentos narrados em A Seleção. Para quem não conhece a trilogia é válido dizer que tal distopia apresenta uma sociedade dividida em castas e que, de certa maneira, descreve um governo que usa como pretexto um concurso feminino – intitulado Seleção – para escolher a próxima rainha da nação. A ideia é reunir garotas de várias classes sociais e fazê-las conquistar o coração do príncipe, ou abocanhar a coroa (dependendo da prioridade dessas jovens), até ele ser capaz de escolher sua futura rainha. Assim, enquanto o povo acompanha o reality show e torce por sua preferida, o rei abafa as falhas governamentais e possíveis atos de rebeldia. Quem acompanha a saga vê tudo sob os olhos de America, uma das participantes da Seleção, mas agora, com a narrativa de O Príncipe e de O Guarda, podemos entender o que se passa no coração e na mente do jovem príncipe e, para quem anseia por intrigas políticas, temos a oportunidade de compreender mais sobre a guarda do palácio e a verdadeira situação governamental dessa nação. Um príncipe, um guarda, uma garota... Quais segredos esses três teriam em comum?

Em O Príncipe conhecemos Maxon antes da Seleção: um jovem sem muitos amigos, pressionado e cobrado pelo rei para ser e fazer sempre mais e, principalmente, preocupado com a proximidade da Seleção. O ponto principal dessa perspectiva é nos fazer entender as preocupações que afligem esse rapaz que, ao contrário do que parece, leva uma vida rodeada de imposições e cobranças, sendo uma delas a de encontrar o amor em um programa como a Seleção. Fora o Maxon pré-seleção, também acompanhamos alguns eventos do primeiro livro sob a perspectiva do príncipe, como o anúncio das candidatas do programa, o primeiro encontro com elas, suas preferidas, e seus encontros nada convencionais com America, a protagonista da saga. Cada detalhe nos faz mergulhar ainda mais no mundo da Seleção, compadecendo-nos e incitando-nos a torcer pela felicidade desse jovem príncipe. Fora que, se pelo olhar de America já nos deixamos apaixonar por Maxon, ao conhecermos melhor seus anseios e medos torna-se impossível não amar o personagem. Ele é forte, determinado, amoroso e sincero, qualidades raramente presentes nos membros da realeza. É fato que o jovem é imaturo quanto ao mundo fora do castelo, um mundo que depende dele, contudo é perceptível sua ânsia em lutar em nome dos seus súditos, e é ainda mais palpável como ele sonha com uma rainha que o ajudará nessa missão. Sim, ele está em busca do verdadeiro amor! Simplesmente perfeito, engraçado, romântico, ou seja, na medida para os fãs da série.
“Ela era linda, ainda que um pouco rústica. Era uma beleza incomum, e pude reparar que ela não tinha consciência disso. Ela não parecia ter nenhum ar de realeza, embora talvez houvesse algo de nobre em seu orgulho. E, claro, ela não nutria qualquer desejo por mim. Ainda assim, não conseguia me livrar do impulso de ir atrás dela. E foi assim que a Seleção me prestou seu primeiro favor: com America no palácio, eu teria a chance de tentar.”
Já em O Guarda conhecemos mais sobre Aspen, um jovem do passado de America que agora trabalha como guarda real. A perspectiva de Aspen dá uma nova visão ao leitor que, graças ao trabalho dele no palácio, pode acompanhar as decisões governamentais tomadas pelo rei, o medo e a ação por trás dos ataques rebeldes, e – finalmente – o verdadeiro teor distópico da trama. Não é mais uma das candidatas ao posto de rainha que está narrando, é um guarda, alguém que vive rodeado de ação e intrigas. Outro ponto abordado é a natureza de Aspen. Antes um seis (antepenúltima classe social) e agora um dois (graças a seu novo posto de trabalho), ele mostra ao leitor seu grande coração, um coração que é fruto das dificuldades que enfrentou: a fome, a perda do pai, a responsabilidade pelo sustento de sua família, a impossibilidade de viver com a garota que ama. Aqui é importante dizer que mordi minha língua. Eu não morria de amores pelo Aspen, afinal ele representa uma ameaça a utopia que criei idealizando um felizes para sempre entre o Maxon e a America, contudo admito que graças ao conto O Guarda passei a admirar o personagem. Ainda não sou capaz de dizer que torço por ele, pelo menos não quando o assunto é o triângulo amoroso da saga, porém o respeito e espero que ele encontre a felicidade.
“Sabemos que você é forte (...), mas aceitar ajuda também é um tipo de força.” Suas palavras quase me deixaram sem ar. Desejei que alguém tivesse dito aquilo para mim meses antes. Eu poderia ter evitado tanta dor...
Amei ambos os contos e adorei a forma como eles foram apresentados. É óbvio que existe um forte laço que une esses três personagens, e poder conhecer suas perspectivas diferenciadas a respeito disso, ainda mais as masculinas que tendem a ser um mistério, é incrível! Fora que além dos contos temos alguns extras que deliciam os olhos dos fãs, mais três capítulos de A Escolha (Ai meu coração! Ansiosa demais para ler esse livro), e uma versão estendida do conto O Príncipe, com dois capítulos que não estão disponíveis na versão digital do conto, pelo menos não que eu me lembre. Sendo assim, só posso definir esse livro como “puro amor”.
• Extras •
Como já disse uma das especificidades desse livro é que, para nossa alegria, ele possui mais de trinta páginas de bônus – uma parte recheada de informações sobre a série. Nessa aba acompanhamos uma entrevista bem divertida com a Kiera Cass, descobrimos mais sobre a linhagem dos personagens principais e, o meu preferido, acompanhamos a trilha sonora oficial de A Seleção e de A Elite. Dá uma espiadinha:

• Sobre a Série •

Contos da Seleção faz parte da trilogia A Seleção, composta pelos livros A Seleção, A Elite e A Escolha. O livro, ambientado nesse universo encantador e misterioso da Seleção, traz contos e informações extras sobre America, Aspen e Maxon .






Participe Aqui

26 comentários:

  1. encomendei ontem este livro, e estou suuuuper curiosa para ler ele logo *-*
    e depois deste conto, de que lado você está? hahahaha

    ResponderExcluir
  2. Estou completamente louca para ler esses livros! Todas as resenhas que eu já li ao respeito deles são perfeitas, então eu fico imaginando como deve ser o livro.

    ResponderExcluir
  3. Adoro!!!
    Não vejo a hora de ler A escolha!
    Amei a dica
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  4. Olá Paola...Nossa confesso que ainda não li nenhum desta trilogia, mas é uma das minhas metas para 2014. Pretendo ler em breve e matar minha curiosidade.
    Beijos ♥

    ResponderExcluir
  5. Infelizmente ainda não li a série, mais tenho muito interesse em ler a série A Seleção, só estou esperando o último ser lançado, sou muito curiosa e não gosto de ficar esperando muito tempo, assim tendo todos leio de uma vez só.
    As capas da trilogia são lindas. Gostei da sua resenha. Esses contos parecem ser muito bons.

    ResponderExcluir
  6. Ahhhhh quero tento esse livro haha Amo A Seleção e não vejo a hora de comprar todos.
    Muito linda sua resenha e as frases que você escolheu kkkk amei.
    Muuuuito curiosa pela leitura.

    Beijos
    Cooomente ;)
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/2014/03/resenha-como-eu-era-antes-de-voce-jojo.html

    ResponderExcluir
  7. To louca para ler Pa!
    Beijos
    http://agarotaeoseulivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Sabe, esse tipo de livro não me chama muito atenção, por que o ponto de vista feminino costuma me deixar "me dar nos nervos", rs, mais é bem interessante esta historia de escolha de rainha, se bem que antigamente era algo do tipo que era feito, porem apenas entre a realeza. Eu sempre acho mais interessante o ponto de vista masculino, eles são ótimos e dão uma visão mais real de tudo, parece que a historia fica até mais fácil. Queria ler apenas esse...rs... mais ia ser estranho...rs.... Bjos!

    ResponderExcluir
  9. Pah!!!!
    Adoro os contos! Quase posso dizer que é o meu livro preferido da trilogia. rsrs...
    Sempre gostei dos 2 mocinhos, mas agora que conheci melhor o Aspen, torço para que ele seja feliz. Mas sem a America. Ela o não fará feliz Pah. Eu tenho certeza disso!
    Maxon pode ficar com a America ou não. Mas eu só quero que o Aspen seja feliz. kkkkkkk
    Me apeguei muito a ele no conto "O guarda". ^^
    E os capítulos de "A escolha"? aahh!!! Eu quero!

    Beijão!

    ResponderExcluir
  10. Oi Pah!
    Não vejo a hora de chegar o meu. Super ansiosa para ler esses capítulos de A escolha. Não sei o que vou achar do conto do Aspen, mas tenho certeza que o do Maxon só vai fazer com que me apaixone ainda mais por ele. Sério preciso muito ler esse livro...rsrs
    Beijos.

    ResponderExcluir
  11. Oi, Paola
    Ontem li o livro de contos em duas horas, não conseguia largar. continuo sendo a favor do Maxom (Não tem como não amá-lo, ele é muito fofo), mas mudei um pouco de opinião sobre o Aspen, ele é generoso e corajoso. Adorei os extras principalmente os capítulos da Escolha. Fiquei super curiosa sobre a escolha.

    ResponderExcluir
  12. Sou super fan da Kiera!! Amo a Seleção! Sinceramente depois de ler como o Aspen e Maxom sentem... Eu ficaria igual a America, cada um com suas respectivas caracteristicas que arrasam o coração <3

    ResponderExcluir
  13. Sou super fan da Kiera! Amo a Seleção! Vendo como Aspen e Maxom se sentem... Eu acho que ficaria igual da America! haha Eles são especiais pelas suas respectivas diferenças! <3

    ResponderExcluir
  14. Nunca li "A seleção" , mas tenho muita vontade de ler, recebe muitas críticas positivas ;3
    E-mail: juliamariamoraes2013@gmail.com
    Nome de seguidor: Julia Moraes

    ResponderExcluir
  15. O que mais amei no livro foram os extras, porque os contos eu já tinha lido. Adorei conhecer um pouco mais da Kiera e descobrir aquelas árvores genealógicas tão malucas e criativas. E gente, o que foram aqueles capítulos de A Escolha?! Arghhh.. precisooo! kkk Beijos, Mi

    www.recantodami.com

    ResponderExcluir
  16. Eu já li os dois primeiros livros e fiquei encantada com os livros. E pretendo ler o conto e o 3° livro em breve. Eu não esperava o que você disse sobre o Aspen, no segundo livro eu passei a não gostar dele, era como se ele estivesse atrapalhando, mas quem sabe eu ainda dou uma segunda chance para ele. Mas ainda continuo firme com a minha opinião de que a America deveria ficar com o Maxon.

    Bjkas
    Marina
    http://afinsdaleitura.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  17. Já li os dois primeiros livros e depois dessa resenha fiquei encantada e ansiosa para comprar os contos de a seleção. Fiquei super fã de Kiera e não vejo a hora de ler o terceiro. Beeijos >3

    ResponderExcluir
  18. Nunca li esse livro , mais gostaria de ler a historia parece ser beem interessante

    ResponderExcluir
  19. Oie :)
    Li o primeiro e virei fã ♥
    Estou louca para ler o restante da série!
    beijos

    ResponderExcluir
  20. Nunca li nada da Seleção, e só agora, com esses contos, fui me interessar de todo o coração pela série. Com isso, fiquei bem curiosa pra saber como é a interação dos personagens...
    Creio que vou gostar mais da perspectiva do guarda, pelo o que nela contem.
    Achei bem típico do Brasil colocar uns eventos legais aí pra distrair o povo, enquanto rola falhas no governo e tudo o mais. Tudo pra população pensar que o governo ta lindo e absoluto, rs.

    ResponderExcluir
  21. A primeira vez que vi um livro dessa série, eu achei que fosse um romance de época, mas depois que vi a sinopse fiquei louca pra ler.

    ResponderExcluir
  22. Oi Pah!
    Está todo mundo comentando sobre esse livro, e eu ainda não pude ler nem o primeiro da série ):
    Parece ser muito boa pelo que eu vejo e quero conhecer a série logo :3
    Beijo

    ResponderExcluir
  23. Adoro essa série, mesmo odiando triângulos amorosos. Estou super ansiosa para ler o último. E pela primeira vez tenho um preferido não por gostar dele, mas sim por ter raiva do outro.

    ResponderExcluir
  24. Oi, eu não vejo a hora de poder começar a ler essa série, todo mundo falando bem, estou curiosa, e você só afirma o que vi em outros blogs 5 estrelas para Contos da seleção, eu tenho certeza de que vou gostar dos dois contos, olha eu nem li os livros e já estou na expectativa de quem a America vai ficar hahaha
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  25. Apesar de adorar distopias, nunca tive muito interesse em ler essa série. Vi muita gente elogiando, mas não me chamou a atenção.
    Quem sabe, eu leria mais para frente.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista

    ResponderExcluir
  26. Quem ainda não leu os livros estão perdendo uma linda, emocionante e arrebatadora historia. Recomendadíssimo rs amo ler, sou apaixonada por livros. Mas nunca fiquei tão encantada por um como estou por essa Serie. Ansiosa ao extremo para poder ler A Escolha logo.

    ResponderExcluir