[Resenha] O Garoto dos Olhos Azuis – Raiza Varella

Bárbara é linda, loira e bem-sucedida. Desde que assistiu a uma cerimônia de casamento pela primeira vez, ainda criança, seu sonho é apenas um: percorrer o tapete vermelho da igreja, vestida de noiva. Porém, contrariando todas as suas expectativas, ao ser abandonada no altar, a vida de Bárbara desmorona. Ela decide voltar à cidade natal e passa a viver com os irmãos e mais dois amigos. Todos homens. Com a ajuda de Vivian, uma espécie de Barbie Malibu, Bárbara tenta superar sua decepção amorosa recente e uma da adolescência, que volta com tudo à sua memória: o garoto dos olhos azuis. Será que o cavalo branco só passa uma vez? É isso que Bárbara vai descobrir com bom humor, jogo de cintura e uma pitada de neurose, em O Garoto dos Olhos Azuis, romance de estreia de Raiza Varella.
Romance | 352 Páginas | Cortesia Pandorga| Skoob | Compare & Compre: SaraivaAmazon| Classificação: 4/5
Existem momentos em que precisamos de histórias que nos prendam logo nas primeiras páginas e, para a minha alegria, O garoto dos olhos Azuis foi exatamente assim: envolvente do início ao fim. Repleto de bom-humor, emoção, romance e superação, o livro traz uma história de amor que, contra tudo e contra todos, vence as dificuldades da vida e prova a força desse sentimento. Entre idas e vindas, Bárbara vai ter a oportunidade de descobrir o que significa amar completamente alguém, mas antes – já que “rapadura é doce mas não é mole não” – ela vai ser traída e abandonada na igreja por seu príncipe encantado. Será o coração dessa jovem capaz de superar tamanha dor? E o principal, será ela forte o suficiente para recomeçar?

Quando Bárbara assistiu seu primeiro casamento, ainda novinha de tudo, ela fez algo inusitado: no momento da entrada da noiva, ao contrário da maioria dos convidados, ela fixou seu olhar no noivo. Nessa hora a menina sonhadora teve certeza que queria casar e ter um noivo que a olhasse com amor e carinho, um noivo que se emocionasse só de ver a mulher da sua vida vestida de noiva. Ao passar dos anos, a garotinha cresceu e se transformou em uma mulher bonita, inteligente e independente. Morando longe da família e trabalhando em um famoso escritório de advocacia, Bárbara encontra seu príncipe e está pronta para realizar o sonho de casar. O problema é que o noivo não está certo disso e, além de trai-la com uma amiga, ainda a abandona no altar. Com o coração em frangalhos, a jovem volta para o interior de Santa Catarina e para o seio da sua amada – e muito barulhenta – família. Um tempo depois, cansada do olhar de piedade da mãe, Bárbara aceita morar na capital com os irmãos e seus dois amigos. Ela, irritada com o término e descrente nos homens, acaba indo morar com quatro brutamontes mandões e controladores! Claro que isso não poderia dar certo, entretanto, entre picuinhas e brigas, Bárbara encontra nesses rapazes tudo o que precisava: carinho de irmãos, ombros amigos, e um amor único e verdadeiro.
É fácil entender e se compadecer com o sofrimento de Bárbara. Assim como muitas de nós, ela realmente acreditava que estava com o homem da sua vida, por isso, além da dor da traição a jovem também passa a cultivar um sentimento de descrença quanto á existência do amor e dos finais felizes. Gostei de como a autora focou no processo de cura da protagonista. Bárbara leva um tempo para acalmar seu coração e, enquanto isso, conta com a presença e amizade de duas pessoas muito importantes: Ian e sua irmã Vivian. Vivian é a amiga verdadeira que Bárbara tanto precisava, já Ian é um protetor mandão e brigão que, no fundo, só quer vê-la feliz. É fato que Bárbara e Ian vivem brigando, mas isso porque entre eles existe muito mais que amizade; algo que eles não tardaram a descobrir. Sendo assim, quanto ao romance, achei que a autora acertou em cheio. A forma como os personagens se provocam, como eles conversam sobre tudo, e como se divertem juntos, faz o leitor suspirar e torcer enlouquecidamente para que eles fiquem juntos, até porque para isso acontecer, Bárbara só precisa dar mais uma chance ao amor – pelo menos foi isso que eu pensei até o primeiro terço da história. Quando tudo caminhava para um romance, no melhor estilo cão e gato, divertido e sensual, a autora surpreende e muda completamente o rumo da narrativa. A obra que até então era leve e divertida, tornou-se profundamente emocional. E, como não esperava por isso, fui arrebatada e surpreendida pelo drama que tende a colocar um ponto final na relação de Ian e Bárbara, um enlace que nem teve tempo de começar.
O drama presente na história é bem comovente. A autora usa os personagens para dar várias lições a respeito de recomeços, perdão, destino e amor familiar. Gostei disso porque, graças à mudança no rumo da narrativa, a obra tornou-se menos previsível e superficial. No final o que parecia uma simples e divertida história de amor, revelou-se um livro profundo e emocionante. Juro que, além de me apaixonar completamente pelo fofo do Ian, chorei em várias partes! Minha única ressalva é a dramatização excessiva que ocorre no desfecho. Nos capítulos finais não conseguia deixar de pensar que a obra fugiu da vida real, representando situações com cara de novela mexicana. – Afinal, depois de tudo o que os personagens principais passaram, eles bem que mereciam uma folga das tramoias do destino! Contudo, ainda assim a obra é deliciosa. Para os fãs de romance, é o tipo de leitura que vale muito a pena ler.
Deixo aqui meus parabéns para a estreante Raiza Varella. Estou ansiosa para ler mais livros dela.

Beijos,



Participe Aqui

25 comentários:

  1. O livro parece realmente bom. \o/
    Gostei do resumo e da resenha, fica aquela vontade gostosa de conhecer melhor os personagens. kkkk

    Bjs
    www.sentido--literario.com

    ResponderExcluir
  2. Superar ser abandonada é bem complicado viu, ainda mias dar outra chance
    tem que ter coragem e se preparar caso aconteça novamente

    Mil beijocas
    ⋙ ♥ Blog Livros com café
    Está rolando dois sorteios lá no blog participe ;)

    ResponderExcluir
  3. Oi, não gosto muito de romances mas esse até que me chamou um pouco a atenção. É muito bom ver os livros nacionais ganhando lugar entre os leitores. Bjus.

    ResponderExcluir
  4. Aee, nacional!!! hahaha *u* A capa é linda e a história é bem interessante! Li a resenha e fiquei com dó da moça ç__ç Fiquei curiosa com a história dela; apesar de eu não curtir tanto romance, esse me parece legal e leria ele.

    ResponderExcluir
  5. aaah, Pah,
    já li esse livro umas 3 vezes kkkkkkk
    adoro a trama dele! realmente, no final os personagens mereciam um descanso, mas sabe que adorei... foi uma coisa bem inesperada para mim *-*

    ResponderExcluir
  6. Aiiii que historia e resenhas lindas.
    Esse negócio de olhar para o noivo me lembra aquele filme, acho que é Vestida para Casar rs. Fiquei mesmo muito interessada na história, mas estou morrendo de medo desse final. Não estou podendo com finais trágicos ultimamente rs. Mas vou adicionar o livro no Skoob, fiquei mesmo com muita vontade de ler.

    beijos
    Fer
    http://www.matoporlivros.com.br/

    ResponderExcluir
  7. ai que resenha linda, e a capa mais ainda,ja tinha visto esse livro mais nao tinha lido uma resenha ainda e, o personagem principal masculino, já gostei dele e depois que eu li o livro Perdida da Carina, Ian nao é mais um nome comum pra mim

    ResponderExcluir
  8. Ooi Pah,
    achei a capa linda, quando li a sinopse fiquei com muita vontade de ler, depois da resenha fiquei com mais vontade ainda, parece ser um livro bem legal.
    Bjs

    ResponderExcluir
  9. Já tinha lido a sinopse desse livro e me interessado, agora que eu li a resenha fiquei ainda mais interessada, bem o estilo de história que eu gosto.

    ResponderExcluir
  10. Oi Pah..
    Quando vi este livro a primeira vez me encantei logo com a capa que é maravilhosa. Agora gostei muito de saber que o livro é tão bom. A trama sem dúvida é atrativa e queria conhecer mais de como a autora conseguiu explorar o drama da personagem.
    Eu sou muito de chorar em livros, e se você chorou, acho que choraria também. Ótima dica!

    livrosvamosdevoralos.bogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Nossa, que sofrido! Traída, abandonada.. Socorro!! (rsrs) Não conhecia esse livro, mas muito me interessei. Adorei a resenha e já anotei aqui na minha lista de desejados que cresce a cada dia. Socorro de novo hahahaha

    ResponderExcluir
  12. Pah, essa capa tá uma lindeza só!
    Gosto muito dessas histórias de amor, perdão e recomeços e gosto principalmente quando o autor foca não no problema, mas na solução. O que foi o caso desse livro, com Bárbara se curando do mal que lhe foi causado e aprendendo que (sim) finais felizes existem.
    Parece fofíssimo! Parabéns e sucesso para a autora!

    Beijos,
    Duas Leitoras

    ResponderExcluir
  13. A capa é um encanto!
    Sou simplesmente apaixonada por drama, e essa historia parece se desenvolver bem, com calma. Me deu até pena de Barbara, mais sempre sabemos que ela vai superar.

    ResponderExcluir
  14. Chamou minha atenção!!!
    Vou salvar esse livro na minha lista de leitura.
    bjs, Fernanda D.
    NovoROmance.com.br

    ResponderExcluir
  15. Amei muito esse livro.
    Li a sinopse e me apaixonei à primeira vista, fui caçar o livro e a autora em tudo quanto é canto

    ResponderExcluir
  16. Ahhh...suspiros pela capa viu?! Linda demais, qdo vi eu já tinha me interessado e ao ler a sinopse me interessei de verdade!
    Muito bom saber que se trata de um livro com bom-humor, emoção, romance e superação, acho que acaba dando uma lição na gente que as vezes reclama de tanta coisa ne?
    Nossa, ao ler a resenha fiquei morrendo de dó da protagonista Bárbara, me identifiquei com ela só de saber um pouco da estória. Pelo jeito até o final vai ter coisas acontecendo, igual novela mexicana como vc disse, hahaha.
    Eu também choro em livros!!! Vc é das minhas!

    ResponderExcluir
  17. É tão bom que as autoras nacionais estão ganhando mais destaque!
    Tem livros tão incríveis e pouco valorizados. Quero muito ler esse, muito mesmo!
    E assim como a menina aí já comentou, você também é uma das minhas!
    Choro e choro muito, fico toda emotiva. E aparentemente esse livro vai ser um desses!

    ResponderExcluir
  18. A capa do livro é linda *-* Fiquei morrendo de pena da protagonista hahaha a coitada foi iludida! Pelo o deu para perceber, o livro apresenta o desenvolvimento dos personagens, principalmente da protagonista, de uma forma brilhantes, e eu adoro quando isso acontece. Adorei a resenha!

    ResponderExcluir
  19. Ah então acho que vou me apaixonar ha, ha. Realmente traição é triste. Mas o que mais me deixou com vontade de ler, é a parte de quando ela vai morar com os irmãos. Deve ser bem engraçado a confusão deles e tudo mais. E essa capa também que perfeição.

    ResponderExcluir
  20. Quando vi a capa e comecei a ler a sinopse nem me dei de conta de que era um livro nacional -' Gostei muito da história, gosto de romances que também englobem as relações familiares, acho muito legal, pois muitas vezes temos desilusões amorosas e apenas pensamos nisso enquanto que temos nossa família sempre ao nosso lado pra nos ajudar.

    ResponderExcluir
  21. Eu gostei muito da leitura desse livro Pah! Por mais que parecesse bem previsível no início, a mocinha logo me conquistou por sua personalidade forte e pelos seus impulsos. Me rendeu boas risadas hahahaha Mas aquela reviravolta do meio do livro só veio para deixar as coisas ainda melhores e mais profundas! Algumas coisas foram sim meio desnecessárias mas mesmo assim foi uma ótima leitura!

    ResponderExcluir
  22. Infelizmente nomomento não estou sendo muito fã de romance então deixarei passar.
    Voce acredita que eu nunca li nenhum livro dessa editora.

    ResponderExcluir
  23. Este não é um livro que me despertou tanta curiosidade quanto vários outros nacionais tem despertado em mim.
    Talvez mais para frente eu dê uma oportunidade para esta leitura.
    Beijão!

    ResponderExcluir
  24. Que delicia um livro que prende desde o início e ainda traz uma mescla de elementos: romance, humor,superação, surpresas.
    Gente, que noivo imbecil, foi bom ela não ter casado com um babaca desses, kkkkk.
    Achei legal o livro ser ambientado em cidades brasileiras, estou acostumada a serem ambientados nos EUA, Europa, ou universos fantasiosos, esse diferencial acho que torna o livro mais real e os personagens mais palpáveis.
    O drama mexicano poderia ter sido evitado mesmo, não li, mas acredito que possa ter desgastado um pouco a narrativa.
    Em todo o caso estou curiosa para ler o livro. Ah, achei a capa muito linda mas acho que não combinou com a temática do livro, me parece mais uma capa encantada, sei lá...

    ResponderExcluir
  25. Aii! Esse livro está na minha wishlist há tempos!
    Adorei a sinopse dele e adorei ainda mais essa sua resenha Pah!
    Gosto muito de livros bem humorados e de novelas mexicanas!
    Com certeza irei amar!
    Fico feliz também por ser um livro nacional! Percebo que os autores brasileiros estão sendo cada vez mais valorizados!
    Obrigada pela resenha Pah!
    Beeijinhos!

    ResponderExcluir