[Resenha] Para todos os garotos que já amei – Jenny Han

Lara Jean guarda suas cartas de amor em uma caixa azul-petróleo que ganhou da mãe. Não são cartas que ela recebeu de alguém, mas que ela mesma escreveu. Uma para cada garoto que amou — cinco ao todo. São cartas sinceras, sem joguinhos nem fingimentos, repletas de coisas que Lara Jean não diria a ninguém, confissões de seus sentimentos mais profundos. Até que um dia essas cartas secretas são misteriosamente enviadas aos destinatários, e de uma hora para outra a vida amorosa de Lara Jean sai do papel e se transforma em algo que ela não pode mais controlar.
Jovem adulto | 320 Páginas | Cortesia Editora Intrínseca | Skoob | Compre: SubmarinoSaraivaAmazon | Classificação: 5/5
Desde o começo eu sabia que iria amar esse livro. Sou fã assumida da escrita da Jenny Han; os livros dela sempre são capazes de me fazer sentir as emoções descritas. Já passei da fase escolar faz tempo, mas cada vez que leio um livro da autora é como se estivesse no ensino médio novamente. As típicas dúvidas juvenis voltam para me lembrar do quanto amadureci, fazendo com que eu torça com mais afinco pelas protagonistas de suas histórias. Assim, a leitura de Para todos os garotos que já amei foi envolvente, divertida, jovem, emocionante e extremamente reflexiva – exatamente como eu imaginei que seria! Ao falar de temas reais e atuais, Jenny Han dá vida a uma trama que, além de ser gostosa de ler, traz belas mensagens de amor, aceitação, perdão e recomeços. Definitivamente estou apaixonada por essa história.

Lara Jean é a filha do meio: nem tão corajosa como sua irmã mais velha, a Margot, e nem tão determinada como sua irmã mais nova, a Kitty. Ela é apenas a Lara Jean, a garota tímida e recatada. Depois que a mãe morreu as três meninas tiveram que amadurecer muito rápido. Juntas elas passaram a cuidar do pai e da rotina da casa. Mas, como é de se esperar, foi a mais velha entre elas que assumiu a função de liderá-las. Entretanto, agora que Margot está indo para faculdade tal responsabilidade será da Lara – que não sente que está preparada para isso. Como ela vai levar e buscar a Kitty se tem medo de dirigir? Como vai preparar os jantares se prefere cozinhar doces? Como vai sobreviver ao ano escolar sem a presença da sua irmã mais velha e melhor amiga? A mudança de Margot, que vai estudar na Escócia, transforma completamente a vida de Lara. Ela vai precisar cuidar mais da casa, ser um exemplo para sua irmãzinha, estar mais atenta ao pai e, o mais difícil, encontrar uma nova melhor amiga. Enquanto isso, para piorar ainda mais a situação, ela precisará encarar seu passado. Afinal, misteriosamente, as cartas de desamor que um dia ela escreveu – quanto queria desabafar e dar um fim ao amor que sentia – foram enviadas para os garotos que um dia ela amou. O que significa que, provavelmente, ela terá que enfrentar garotos bravos, magoados e infinitamente surpresos com os sentimentos nunca ditos pela certinha da Lara Jean. É mole ou quer mais?
“Se o amor é como uma possessão, talvez minhas cartas sejam meu exorcismo. As cartas me libertam. Ou pelo menos deveriam.”
O principal pilar do livro, ao contrário do que o título diz, não é o romance, mas sim o amadurecimento da protagonista. Antes, Lara tinha o respaldo diário da irmã mais velha. Contudo, assim que ela perde esse escudo descobre o quão sozinha está. Não passa despercebido aos olhos do leitor que Lara é dependente da Margot. De certa forma, o medo fez com que a jovem optasse por se esconder, e é por isso que ela não sai, não tem amigos, ama garotos mas não conta isso a eles, e mantem há anos o segredo de uma paixão proibida. Sendo assim, o livro narra o processo de mudança da protagonista. Antes Lara tinha medo de tudo, mas agora ela vai precisar ser mais forte. E eu amei tanto isso! Adorei a forma simples e direta com a qual a autora aborda os dramas da personagem. Foi fácil entender porque Lara tem tanto medo, e muitas vezes senti na pele seus dilemas. E o gostoso disso é que fica ainda mais emocionante vê-la crescer e aprender com seus erros. Cada pequeno passo é uma lição valiosa para a jovem. Assim como foi comigo quando tinha a mesma idade que ela. São desafios pequenos, tantos os meus quanto os dela, mas capazes de gerar grandes transformações em nossos futuros.

Outro pilar importante da obra é o que as cartas fazem com a vida da protagonista. Assim que os meninos começam a recebê-las, Lara cria um plano mirabolante e acaba em um namoro de mentira com um rapaz que não tem nada a ver com ela. Eles são muito diferentes, e o ponto central é que Lara tem uma imagem completamente negativa dele, assim como ele não conhece o quanto ela é incrível. Graças a essa união inusitada, a autora vai falar sobre o quanto as aparências enganam e como estamos acostumados com os estereótipos criados pela sociedade. Ninguém é exatamente o que pensamos, afinal por trás das aparências as pessoas podem nos surpreender muito, tanto positivamente quanto negativamente. Adorei a relação dos dois, de certa forma Lara vai encontrar nele um confidente, o que vai ajudá-la – e muito – a enfrentar as dificuldades que surgem em seu caminho.
Escrita fluída e encantadora, protagonista que cresce e aprende junto com o leitor, família unida e amorosa, e um romance para lá de fofo. Tem como não amar tudo isso? Estou muito curiosa para ler a continuação da história. Tenho certeza que Lara amadurecerá ainda mais e que, finalmente, ela estará pronta para não ter mais medo. Livro mais que recomendado para os fãs de literatura jovem adulta.
“Acho que agora consigo ver a diferença entre amar alguém de longe e amar de perto. (...). O amor é assustador; ele se transforma; ele murcha. Faz parte do risco. Não quero mais ter medo. Quero ser corajosa...”
• Sobre a Série •
Para todos os garotos que já amei é uma duologia composta pelos livros: Para todos os garotos que já amei e PS. Ainda te amo.
Beijos, 





Participe Aqui

23 comentários:

  1. Oi Pah, que delícia de resenha!
    eu tenho curiosidade em ler esse livro, especialmente porque o único livro da autora que já gostei bastante. Gosto também dessa fase da vida, quando os autores não criam adolescentes que agem como crianças, o que não parece ser o caso. Se eu não tiver uma opção mais urgente, vou solicitar no próximo pedido para a editora.

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Oi Pah
    Bela resenha!! Fiquei com vontade de ler, sua ressalvas me deixaram curiosa pela história, gosteii.

    Super beijo
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Quero ler esse livro!!! Cada resenha fico com mais vontade de ler logo RSR
    Bjs
    http://eternamente-princesa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Amei sua resenha, já tinha visto em outros blogs comentários sobre esse livro e acabei ficando om muita vontade de conhecer melhor essa história.

    ResponderExcluir
  5. Parece ser muito bom .. quero ler <3
    http://talvez-sejasimples.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Paola,quero muito ler essa dualogia ,estou aguardando o lançamento do segundo livro e evitar a ansiedade em ter que aguardar,realmente acompanhar o crescimento da Lara será muito emocionante.Beijos!!!

    ResponderExcluir
  7. Nossa, quando v o livro achei que seria algo super superficial. Mas, através da sua resenha, percebi que não é nada disso e mal posso esperar pra ler!
    xoxo

    ResponderExcluir
  8. Oi Pah...
    Eu passei do tempo da escola também, mas na verdade sempre fugi de livros com temáticas adolescentes, mas algumas publicações sempre chamam minha atenção e abro uma exceção..rs
    A autora parece saber do que está falando. Gostei de sua resenha Pah e leria o livro, ainda mais sabendo que a autora é tão boa.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. OI Pah, primeiramente tinha que falar sobre a capa, eu achei linda, fofa e singela. Adorei o enredo e acho que mesclou bem o que a história passa. Sem dúvidas será uma leitura certa pra mim, ainda mais som sua resenha que sempre me encanta ^^

    Beijos,
    Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir
  10. Adorei essa resenha! Fiquei morrendo de vontade de ler. E essa capa é super fofa, acredito que vou gostar bastante!! :D

    www.missblackdiamond.wordpress.com

    ResponderExcluir
  11. Quando vi a sinopse desse livro nunca imaginei que teria essa história, pensei que seria algo bobinho e divertido, como sempre a sua resenha me fez ter ainda mais vontade de ler, certeza que vai ser o tipo de livro que vou amar;

    ResponderExcluir
  12. Mesmo já tendo passado da adolescência há um tempo, amo livros nessa temática, primeiro porque a gente consegue entender muitas coisas pelas quais passamos, segundo porque muitos desses livros nos ensinam muiiiiiiiiiiiiito e nunca é tarde pra aprender, e por último porque eu tenho um filho também, e mesmo passando pela adolescência, a maioria dos pais não consegue lidar com essa fase dos seus filhos, e a leitura é com toda a certeza o melhor caminho. E este livro, que o foco, mesmo tendo essa capa fofa, e um título sugestivo não ser o romance e sim o amadurecimento da personagem, parece ser uma leitura incrível para embarcar, com certeza lerei ele.

    ResponderExcluir
  13. Pah!
    Uma delícia quando nos identificamos com a protagonista de um livro, mesmo que seja adolescente... Acabamos lembrando de tudo o que passamos nessa época e é até bom.
    Achei bem interessante ver Lara amadurecer e ainda se meter em um romance nada haver com ela, porém que a ajudou.
    “Sofremos muito com o pouco que nos falta e gozamos pouco o muito que temos.”(William Shakespeare)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participem do nosso Top Comentarista!

    ResponderExcluir
  14. Ooi Pah,
    quero muito ler esse livro, parece ser bem bacana.
    Não sabia que tinha continuação.
    Bjs

    ResponderExcluir
  15. Acho linda demais a capa desse livro.
    Adorei sua resenha, e achei super interessante a história, fiquei curiosa e estou super ansiosa para começar a ler, acho bem legal livros que passam uma lição para o leitor.

    ResponderExcluir
  16. faz tempo que quero ler este livro, e sua resenha ainda me fez ficar com mais vontade.
    pequei ele em uma livraria mas estava caro, agora figuei triste por não der comprado.

    ResponderExcluir
  17. Doida para ler esse, achei essa capa tão fofa...

    ResponderExcluir
  18. li só um livro da autora até hoje, mas confesso que não curti muito não ;x
    acho que um grande ponto positivo na escrita dela é, como você citou, o fato de ela trazer temas atuais para eles... adoro isso!
    jurava que o livro focaria mais na parte romântica da vida da personagem. bom saber que vai muito além disso.
    amo livros que mostram o amadurecimento dos protagonistas e também amo quando há cartas nas trama kkkkkkkk
    aaah, sério que tem continuação? =/

    ResponderExcluir
  19. Olá Pah! Boa tarde! Tudo bem contigo?
    Só queria te dizer que... eu adorei essa resenha! ?
    O livro já tinha chamado a minha atenção por causa da capa, amo capas assim bonitinhas e branquinhas! E quando li a sinopse, fiquei super curiosa! Como as cartas foram enviadas? Quem enviou? O que vai acontecer na vida da Lara? Hehe!
    Agora, depois de ler essa resenha incrível, eu fiquei tipo: "Opa! A história não é nada parecida com o que eu imaginei! É muito melhor!" Fiquei mais interessada ainda! Você classificou como 5/5, deve ser um livro no mínimo incrível!
    Também não fazia ideia de que o livro faz parte de uma duologia. Nem li esse ainda e já estou desejando o segundo! Hehe!
    Amei a resenha Pah! Beijinhos!!!

    ResponderExcluir
  20. Quero ler esse livro, ouvi falar sobre ele no início do ano e desde já quero saber mais da história. Eu adorei a parte que você escreveu "São desafios pequenos, tantos os meus quanto os dela, mas capazes de gerar grandes transformações em nossos futuros." Me fez ficar com mais vontade. Vou me identificar muito com essa personagem, estou prevendo isso, haha.
    Já li resenhas que falavam da irmã mais nova, que ela é bem focada em moda, divertida e tal... hahaha, isso também me chamou a atenção para a história

    ResponderExcluir
  21. As várias resenhas que li deste livro foram criticadas positivamente. Achei bem interessante a proposta do autor de a personagem e o leitor aprenderem sobre o tema principal ao mesmo tempo. Fiquei feliz em saber da escrita envolvente.

    ResponderExcluir
  22. Eu tenho ouvido muitas coisas positivas sobre essa obra, mas pra mim sincerente não rola. Alguns chicl-lits eu até quero ler, mas esse é demais pra mim, por mais bem escrito que seja....

    ResponderExcluir
  23. Oi Pah!
    Confesso que minha única experiência com a autora foi meio frustrante, mas tenho muito interesse em ler este livro. A história realmente me interessou bastante, só que vou esperar o segundo ser lançado para me ler, porque nossa, minha curiosidade é muito grande e depois também vou ficar super ansiosa.
    Beijos!!
    umlugarparaleresonhar.blogspot.com

    ResponderExcluir