abril 15, 2016

[Resenha] Sombras do Mundo – Daniella Rosa

Alany é uma garota confusa, pressionada por suas visões e por um sentimento latente de que cada célula do seu corpo grita por liberdade. O mundo visto por ela tem formas, cores e sombras que mais ninguém é capaz de ver. Sem a proteção da mãe, que abandonou a família quando ela ainda era pequena, e com a recente perda do pai em um terrível acidente, Alany se sente sozinha e perdida, vivendo em um mundo onde a gentileza é subjugada e o bem é sinônimo de fraqueza. Mas sua vida muda de curso quando conhece San. San é cantor, dono de uma voz angelical e de uma beleza estonteante, e algo nele desperta sentimentos que Alany sequer sabia que existiam. Mas em um evento inexplicável San desaparece, sem qualquer aviso ou razão, e encontrá-lo passa a ser prioridade. Durante essa busca, Alany será levada por caminhos que jamais imaginara e sua vida se transformará completamente. Enquanto algumas peças se encaixam, outras vagam muito fora de seu alcance. Uma figura misteriosa e maligna, máscaras que caem, um inimigo que se revela confiável, e a descoberta de que seu novo amor é muito mais do que um belo rapaz, são só alguns detalhes dessa eletrizante história. O mundo já não parece real, pois o conceito de realidade se perdeu. As pessoas não são o que parecem e a própria Any não é o que pensava ser. As lendas sim são reais, e caminham pelas ruas displicentemente. As sombras não estão apenas na sua cabeça, afinal, e as cores têm significados verdadeiros, que começam a dar sentido a sua vida insípida. Mas nenhum alívio vem sem um preço.

Fantasia | 280 Páginas | Editora Ler Editorial | Skoob | Compare & Compre| Resenha da Day Farias
Alany
sempre se sentiu diferente. Não só pela maturidade tão fora do comum na sua
idade, mas também pelo seu modo de enxergar as coisas, ou melhor, as pessoas. O
ponto é que a jovem é capaz de ver a intenção – ou seja o bem ou mal – que emana
do ser humano através da energia. E com o passar do tempo, o sumiço da mãe e a
morte recente do pai, esse dom se torna uma grande maldição: a cada dia as energias
negativas a afetam mais e mais, tornando insuportável até mesmo o simples ato
de passar pelas pessoas na rua. Depois de muita dor, Alany descobre como “adormecer”
seu poder. E é aí, quando tudo parece tranquilo, que dois rapazes misteriosos
aparecem em sua vida e colocam seu mundo de cabeça para baixo. A verdade afligirá
e causará dor, mas não dá mais para fugir, ela precisa de respostas.

A
narrativa de Daniella é inicialmente direta e rápida – só que de uma maneira
que me fez estranhar a maturidade de uma personagem tão jovem (e, por consequência,
tirou o realismo por trás da obra). No entanto, com o passar do tempo e das
descobertas a narrativa muda e fica mais lenta. Porém, ao invés de ser um ponto
positivo, senti que o novo ritmo prejudicou minha leitura, afinal tive vontade de
pular alguns parágrafos repletos de longos questionamentos da personagem. Assim,
me incomodei com a narrativa da autora e com fato dela variar demais entre
fluída e descritiva, pecando na construção da protagonista que era tanto direta
quanto excessivamente detalhista.
Em
contrapartida, a história em si é realmente criativa. O mundo criado pela Dani
é incrível e instantaneamente interessante: um mundo cheio de sombras, seres e
mistérios, com o qual os humanos sequer sonham. E o ponto é que adorei
descobrir esse novo mundo ao lado de Alany e mergulhar com ela em uma aventura
cheia de magia, poder e descobertas. Sua história de vida é, ao contrário da
narrativa, muito envolvente. Além disso, os personagens criados pela autora são
apaixonantes – okay, eu estou falando do charmoso do San (risos) – e com personalidades fortes e bem distintas. Adorei o
sarcasmo de Antoni o que, lá pelo meio do livro, fez com que eu me apaixonasse por
ele também. Alany, inicialmente, é uma personagem um tanto quanto “apagada”,
mas com o passar das páginas entendemos o que há por trás do seu jeito de ser e
do modo como vê as coisas, o que acaba nos conquistando também.
Enfim, Sombras do Mundo é uma fantasia que
surpreende e cujo rumo da história capta a atenção do leitor. A narrativa é
repleta de pontos altos e baixos, mas como primeiro livro de uma série só digo
que espero ainda mais da continuação e fico aqui na torcida pela Dani – a quem agradeço
a confiança e desejo todo o sucesso do mundo!
Beijos,

Conheça a Autora






Participe Aqui

confira também

Posts relacionados

Comente via Facebook


Deixe seu comentário

21 Comentários

  • Rhoana Lersch
    30 abril, 2016

    Oi Day!! Amei a capa desse livro e amo muito livros de fantasia, a temática desse me interessou bastante e já quero conhecer esses personagens <3, amei a resenha, beijos.

  • Ana Paula Lelis
    28 abril, 2016

    Oii! Eu adoro livros de fantasia, achei um pouquinho confuso o enredo, mas parece interessante. Acho que lendo o livro da pra entender melhor é claro. Quando eu ver esse livro numa livraria vou comprar, quero conhecer melhor a vida dessa orfã.

  • Larissa Alves
    27 abril, 2016

    Olá!
    É a segunda resenha que vejo do livro, e o que me interessou foi justamente o modo da narrativa rs. A história parece ser bastante envolvente, também não sabia que era o primeiro de uma série.

    Beijos.
    Larissa Alves
    http://www.feminicesdalari.com.br/

  • emilya costa
    23 abril, 2016

    Nao conhecia o livro, pela resenha parece um pouco com estrumentos mortais todo aquele misterio que sempre supreende agente, acho muito legal livros assim mas esse nao me chamou muita atençao, mas vou colocar na minha lista….

  • Lorrana Silva
    21 abril, 2016

    já entrou para a minha lista

  • Lorrana Silva
    21 abril, 2016

    ja entrou para a minha lista

  • Rayane Colombo Gomes
    20 abril, 2016

    nao conhecia o livro mas achei bem diferente de tudo que ja vi e li.. hahah achei bacana mas nao gosto mto de fantasia

  • Vania Correa
    19 abril, 2016

    Achei a história é bem diferente, com pontos focados em mistério e sombras, os personagens parecem bem marcantes, adorei a dica, beijos…

  • suzana cariri
    19 abril, 2016

    Oi!
    Ainda não conhecia esse livro mas lendo a resenha achei o mundo criado pela autora bem interessante, fiquei curiosa sobre esse dom da Alany mas ainda não sei se esse é um livro que irei ler !!

  • Camila Silva
    19 abril, 2016

    Fantasia não é um dos meus gêneros favoritos, já comecei vários livros deste gênero mas nunca consigo avançar na leitura, mas mantenho a esperança de ainda encontrar um livro que me fisgue. Apesar da resenha apresentar pontos negativos do livro, os pontos positivos são capazes de instigar a leitura, principalmente por se tratar de uma série.

  • Renata Pereira
    18 abril, 2016

    Dei de cara com esse livro do nada na amazon e alguma coisa nele me chamou atenção, acabei comprando o e-book, mas ainda não o li. Achei a capa bonita também.
    Bjs

  • Crika Regina
    18 abril, 2016

    Oi, Day!
    Nunca tinha visto esse livro, nem conhecia a autora. Mas, de uma forma geral, não curto muito livro de fantasia, com esses mundos de sombras, magia, seres etc, rsrs. Confesso que não me animei a querer ler.

  • Maria Fernanda Medeiros
    17 abril, 2016

    Não entendi direito do que se tratava a história na sinopse e não tive muita expectativa a mais com a resenha. Achei a história meio fraquinha. Realmente não me atraiu o suficiente =/

  • Lara Cardoso
    17 abril, 2016

    A premissa do livro é muito boa, a capa também. Além disso, o desenvolvimento parece que foi bem construído, o que me agrada.
    Acredito que daria uma oportunidade.

  • RUDYNALVA
    16 abril, 2016

    Day!
    Livros de fantasia sempre me atraem e quando vem envolvendo poderes e mistérios, chamam ainda mais minha atenção.
    Mesmo com a mudança de narrativa e uma protagonista tão jovem, arriscaria a leitura.
    “Por sabedoria entendo a arte de tornar a vida mais agradável e feliz possível.” (Arthur Schopenhauer)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista especial de aniversário em abril: com 6 livros 5 ganhadores, participem!

  • Theresa Cavalcanti
    16 abril, 2016

    Esse livro não parece ser muito bom. Sei lá, a história não chamou muito minha atenção.

  • Talita Oliveira
    16 abril, 2016

    Esse livro mostra um universo totalmente novo para mim, nunca vi nada parecido, isso é um ponto muito forte. Só não sei como seria a fluência da leitura devido seus pontos negativos, mas como foi dito, vamos aguardar pelo restante da série.
    (Quero saber da mãe dela, pra já, kkk)
    Amei a resenha!

  • Marina Mafra
    16 abril, 2016

    Oi Day! Tudo bem? Eu não conhecia a autora, acho que eu gostaria do livro!
    Beijo pra ti
    Marina
    Blog Resenhando por Marina

  • Bianca Serra
    15 abril, 2016

    Gostei muio da resenha porém os pontos negativos são exatamente os que me fazem largar o livro no meio do caminho rs!
    http://www.pegaobrilho.blogspot.com

  • Bruna Lago
    15 abril, 2016

    Você já leu Para Sempre, da serie os imortais ? Nossa, super parecida a historia, com isso de menina que vê coisas e se apaixona. Eu gostei bastante desse, porque eu adoro o outro, então acredito queia ser ótima a leitura.
    Boa noite!

  • Micheli Pegoraro
    15 abril, 2016

    Olá Day,
    Não conhecia a autora nem o livro, mas pelo que vi parece ser uma história bem envolvente. Fiquei bem curiosa com esse mundo criado pela autora, adoro livros de fantasia, com uma aventura cheia de magia e descobertas, sem falar que venho tendo um crescente interesse em livros com seres mágicos e sobrenaturais. Vou anotar o título do livro para futuras compras.
    Beijos