Destaques

Newsletter

assine a newsletter!

E receba a notificação de novos posts por e-mail

julho 18, 2017

Eu só leio Romance? (Debate sobre preconceito e estilo literário)

Por Paola Aleksandra

Oi galera! Tudo bem com vocês? Hoje vamos conversar sobre literatura de entretenimento e a importância de lermos o que nos faz bem – independente de gênero ou estilo literário. Espero que gostem desse vídeo, foi muito importante gravá-lo.

Ou veja direto no Youtube: 
aqui.


Gostou? Então não se esqueça de se cadastrar no canal e dar um curtir para ajudar na divulgação do vídeo.

Beijos,




Participe Aqui

Comentários via Facebook

20 comentários:

  1. Desde que comecei a ler, e olha que faz um tempinho, minha preferência a partir da adolescência, sempre foi romance. Sempre gostei de me ver naquelas situações, com um homem encantador, ou até mesmo um bad boy.. Também sempre ouvi que deveria aprimorar meus gostos literários, principalmente na escola, em vésperas de vestibular e Enem, ai é que a pressão ficava maior.. Mas Bianca, você precisa ler Memórias Póstumas de Braz Cubas, romance não vai te levar para lugar nenhum.. E por ai vai... Enfim, nunca me importei... Até mesmo quando o assunto era romance na literatura brasileira, o meu coração falava mais alto, seja por A Moreninha, ou até mesmo Capitães de Areia.. Em suma, o quero dizer, é que não importa o que as pessoas achem, devemos ler o que nos acalma, o que prende atenção.. Ler por ler, só para dizer que leu, é o mesmo que não ler. Eu sei, confuso isso, mas é a simples verdade. Então, Paola, continue lendo o que te agrada e indicando esses livros maravilhosos e que eu sempre fico ansiosa para comprar, kkkkkkkkk. Você é 10, e adoro o seu blog e canal. Um beijo! <3

    ResponderExcluir
  2. Desde que comecei a ler, e olha que faz um tempinho, minha preferência a partir da adolescência, sempre foi romance. Sempre gostei de me ver naquelas situações, com um homem encantador, ou até mesmo um bad boy.. Também sempre ouvi que deveria aprimorar meus gostos literários, principalmente na escola, em vésperas de vestibular e Enem, ai é que a pressão ficava maior.. Mas Bianca, você precisa ler Memórias Póstumas de Braz Cubas, romance não vai te levar para lugar nenhum.. E por ai vai... Enfim, nunca me importei... Até mesmo quando o assunto era romance na literatura brasileira, o meu coração falava mais alto, seja por A Moreninha, ou até mesmo Capitães de Areia.. Em suma, o quero dizer, é que não importa o que as pessoas achem, devemos ler o que nos acalma, o que prende atenção.. Ler por ler, só para dizer que leu, é o mesmo que não ler. Eu sei, confuso isso, mas é a simples verdade. Então, Paola, continue lendo o que te agrada e indicando esses livros maravilhosos e que eu sempre fico ansiosa para comprar, kkkkkkkkk. Você é 10, e adoro o seu blog e canal. Um beijo! <3

    ResponderExcluir
  3. Pah eu sempre amei romance desde a adolescencia. Hoje eu sigo sim as suas sugestoes, amooo o que vc indica, e vamos combinar ninguem tem nada a ver com isso. Me poupe, quando vem me criticar eu digo: vao arrumar um cesto de roupa, pq meu passatempo preferido é ler sim e romance com muito orgulho. Claro que leio outras coisas mas amo meus romanecs melosos e açucarados rsrsrs.

    ResponderExcluir
  4. Oi, Pah
    Sempre bom desabafar, né? Essa coisa de preconceito literário é uma das maiores bobagens que existem. As pessoas leem para se sentir felizes e, na maioria das vezes, fugir da realidade, ou não é? Não consigo entender qual o problema disso, ler por entretenimento. Então até os filmes que assistimos têm que ter um padrão. Aff, é muito mimimi...
    Nesse mundo, ninguém está 100% certo, nem 100% errado e nunca vai agradar completamente todo mundo. É isso aí, deixe que falem e empobreçam a alma deles mesmos (ui, tentei ser profunda hahaha)

    ResponderExcluir
  5. Comentei no youtube, mas não custa nada comentar aqui também HAHAHA

    Paola, a cada dia que passa, a cada resenha que você posta, a cada novo vídeo que você posta eu só te admiro MUITO mais.

    Há algum tempo acompanho seu blog/canal e sempre me identifiquei com você, nossos gostos são parecidos demais e sempre que posso compro os livros que você indica.

    AMO ler romances/drama, também comecei com Crepúsculo, depois me apaixonei por Jane Austen e, infelizmente MUITA gente tem preconceito. Poxa, em um país onde ninguém investe em educação e só tem corrupção, não é melhor alguém se interessar em ler QUALQUER coisa do que não ler NADA?

    Já ouvi tanto tipo de comentário, sabe? Coisas do tipo: "Nossa, estragando o cerébro com esse tipo de leitura", "gente burra que lê livros assim"... e por aí vai.

    Eu amo romance, minha prima (que também é viciada em livros, assim como eu) ama livros de terror, mas isso não impede que a gente troque figurinhas a respeito das nossas leituras. Muitas vezes ficamos "cansadas" e queremos mudar um pouco, aí uma indica para a outra algum livro do segmento que mais gosta. E assim é a vida!

    Eu AMO romances e não gosto de Harry Potter, mas é o meu gosto, a minha opnião. Não é por isso que posso sair por aí criticando ou desmerecendo o outro que gosta.

    As pessoas precisam respeitar um pouco mais o gosto dos outros. Aliás, precisam aprender a respeitar mais o próximo no geral mesmo, não apenas na escolha literária.

    Obrigada por esse "desabafo", me identifiquei totalmente! Espero que um dia as pessoas possam entender isso.

    Beijão, Pah!
    Obrigada por tudo!

    ResponderExcluir
  6. Eu ainda lembro quando li Crepúsculo, também :) Devia ter uns 14 anos e sempre amei ler, foi uma leitura maravilhosa, na época.
    Eu acredito que cada pessoa tem um gênero que se sente mais a vontade, o meu também é romance; principalmente, romances de época, e como já disse aqui foi você que me apresentou com a família Os Bridgertons, então sempre vou te agradecer.
    Não sou muito de ler fantasia, não gosto muito sabe? Mas leio alguns que os leitores dizem que são muito bons; também acontece com livros policiais, que eu gosto mais que fantasia, mas não é uma leitura tãao frequente quanto os romances. Então, o que eu quero dizer é que cada um deve se sentir bem no que está lendo, não adianta ler aquilo que você quer, que não está se sentindo bem. Não digo que não devemos arriscar ás vezes, ler um ali, outro aqui. Mas ler aquilo que a gente ama é delicioso !
    Beijoos

    ResponderExcluir
  7. Eu sempre gostei de ler, desde pequena, quando alugava na biblioteca da escola os livros da série das "tri-gêmeas com a Bruxa Onilda ou os da série "Salve-se quem puder). Mas nessa época ainda não era um hábito regular (pra não dizer vício) que tenho hoje. Passei muito tempo sem ler com tanta frequência na pré-adolescência, até surgir a série dos livros de Gossip Girl, ai pronto, lia um livro atrás do outro e não parei mais.
    Meu estilo de livro preferido são os chick lit (AMO DE PAIXÃO) e os suspenses psicológicos ou policiais. Mas leio livros mais teen também, como John Green, por exemplo. Gosto bastante de ler livros sobre saúde e alimentação (estou em uma fase meio fitness e me interesso muito em entender como nosso corpo funciona). Gosto de ler, ponto. Leio vários estilos, de vários autores.
    Mas NÃO CONSIGO ler biografias ou esses livros de "auto-ajuda" tipo desses que empresários ou pessoas de sucesso escrevem. E já fui muito julgada por ler livros "inúteis" e não ler esses com "conteúdo". Mas simplesmente não consigo, já tentei, mas são livros que não me prendem e não me interessam nenhum pouco e então parei de tentar.
    Leio porque ME FAZ BEM. AMO ler, relaxar, imaginar, viajar na historia, sofrer e rir juntos com os personagens e sou muito feliz assim. Sou viciada em livros e em séries e leio e vejo e todos os tipos, porque quando estou fazendo essas coisas estou vivenciando o MEU momento, porque é um hobbie que me faz bem e o propósito da vida é exatamente esse: fazer o que nos faz bem e o que nos alegra. E isso se torna uma bola de neve, se ecnontramos tempo pra ler, ficamos felizes, e automaticamente realizamos as outras atividades do dia felizes também, o que acaba nos poupando tempo, sobrando mais tempo pra ler, e assim por diante hehe :)
    Então se você ama ler romances, leia romances e seja feliz assim! :)

    ResponderExcluir
  8. Acredito que criticas são bem vindas, desde de que não ofendam as pessoas.
    Devemos lê aquilo que sentimos prazer, que nos faz bem. Infelizmente o mundo está cheio de pessoas maldosas, incomodadas e sem respeito pelo próximo e, esse tipo de gente, deve ser ignorado, porque elas não conseguem sentir prazer na vida e se incomodam com a felicidade alheia, então Pah, continua lendo seus romances, dando suas dicas e vivendo a sua maneira, porque você está sendo autentica, o que é mais elogiável do que uma pessoa que vive copiando a ideia dos outros. Adoro seu canal, sempre que tenho tempo leio suas resenhas, assisto os vídeos que você posta e comento todos.
    Amo suas dicas, você é muito criativa.
    Parabéns!!!
    Um super abraço!

    ResponderExcluir
  9. Nossa Paola, eu pensava que só eu que pensava assim! :O Eu lembro que quando eu estava iniciando essa vida de leitora eu simplesmente não aceitava que o meu gênero preferido era romance, e eu ainda era daquele tipo de pessoa que achava que ler romance era, sei lá, besteirinha. Não sei explicar, mas eu meio que não aceitava meu gosto por romances. Hoje eu sou de boa, AMO e ADMITO QUE AMO. Romance sempre foi o tipo de literatura que mais me cativou <3

    Amei seu vídeo com todo o meu coração <3 gostei desse estilo diferente, tá? Faça mais vezes, por favor! Um beijo, linda!

    ResponderExcluir
  10. Oi Pah! Legal fazer um vídeo direcionado a esse tema.
    Eu comecei lendo romance. O primeiro autor que eu li foi o Sidney Sheldon, que amo. Ele foi um autor que encontrei, que colocava as mulheres fortes e capaz de tudo nas histórias e acabei me envolvendo mais com leituras desse tipo. Eu sou bem eclética, mas claro que eu tenho preferência por romances, policiais e fantasia. Já escutei meu professor de literatura dizer que crepúsculo era lixo, que Harry Potter tbm. Eu fiquei chocada na época, mas não me importei. Sigo minha vida lendo o que eu quero, no momento que eu quero, com obrigação nenhuma. Essa é uma liberdade que não abdico s2

    ResponderExcluir
  11. Ei Pah!
    Achei super importante seu vídeo e concordo plenamente com seu ponto de vista. Eu leio, porque amo ler!! Ler pra mim é lazer e não obrigação, então eu leio o que eu gosto, o que me faz feliz!! Eu experimento sim, novas leituras, novos gêneros, novos autores, mas nunca leio nada que eu não goste para agradar ninguém. Amo romance, SIM!! E daí? E eu não vou parar de ler por que uns e outros não gostam! Adoro seu blog!!!
    Beijos Pah!

    ResponderExcluir
  12. Oi Paola. Eu concordo plenamente com você. Acho que a leitura acima de tudo deve ser algo agradável. Um momento de lazer e relaxamento. Para que se obrigar a ler algo que não te agrada, que seja enfadonho ou difícil de prender sua atenção? Sempre vai haver gente que é desagradável o suficiente para criticar suas escolhas. É assim com a literatura, cinema, teatro, enfim... E tem mais, existem os livros certos para cada momento da vida da gente. Então, sem stress. Cada um tem que ler o que te engrandece. E se o outro te critica, para que tanto serve a leitura dele que ainda não o tornou uma pessoa melhor? Amo seu blog! Um beijo grande!

    ResponderExcluir
  13. Oi Pah!
    Não tenho preconceito nenhum de quem lê apenas romances, na verdade, sofri muito preconceito, porque na adolescência amava (e ainda amo) romances de bancas e o preconceito começava dentro de casa, porque mainha incentivava a leitua, mas achava que os romances de banca eram livros bobos e não era literatura séria. Como assim? No final acabei convencendo ela que estava errada e ela largou de mão ficar no meu pé...kkk Ela é uma linda e fofa!
    Minha essência é de romance, mas leio de tudo, e gosto também dos policiais com muito mistério e suspense, mas não critico qem gosta apenas de romances não.
    Acho que é bem cmo falou, temos de ler o que nos faz feliz, nem que seja uma HQ, concorda?
    Tô igual a música: "Se o povo falar, nem ligue. Nem ligue se o povo falar..."(Jorge de Altinho)
    Moda é o que te faz bem.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  14. Você está certíssima Pah! E eu adorei que você tenha feito o vídeo.
    No dia em que você levantou o assunto no Facebook já tivemos um bom debate de ideias. Mas é importante continuar transmitindo essa mensagem. Cada um deve poder ler o que quer e todos devem ser respeitados.
    Bj

    ResponderExcluir
  15. Curti o vídeo antes mesmo de começar a ver ;)
    AMEI o seu desabafo Pah, com tantos assuntos mais importantes para o povo discutir, eles vão lá se implicam com o que lemos? Que pensamento mais primitivo, temos muito que evoluir ainda, as pessoas ainda não conseguem respeitar as diferenças.
    Eu sofro muito por ler, vivo sendo criticada por apenas ler. “Para de ler livros e tenha uma vida”, ah se eles soubessem todos os lugares que já conheci através das páginas de um livro.
    Amo romance clichê, previsível e bobo. Amo chick-lit, suspense, fantasia e, amo um bom drama. Minhas leituras variam muito de acordo com a minha semana, tem dias que prefiro ler algo mais leve, como tem dias que prefiro uma história mais impactante e emocionante.
    Temos que ler o que nos faz feliz sim!
    Beijos

    ResponderExcluir
  16. Acho que sem um livro eu fico maluca, tenho que ler todos os dias, amo romance, um pouco de policial, suspense, drama...
    Parabéns pelo vídeo, lindo!
    ronida_sindi@hotmail.com

    ResponderExcluir
  17. Olá Pah!
    Sabe que você tem que fazer, manda todos planta xuxu, estou brincando mas tipo, é serio tem hora que dar vontande mesmo. Apesar de nós amamos género que gostamos, não devemos deixa de ler só porque alguém não gosta ou fica criticando, cada um e cada um, eu aprendi a gosta de romance de época por causa de ti, sendo que nem li ainda mas mesmo assim, nós aprendemos a sair do conforto e conhecer outros género mas nunca deixa as nossas raizes, eu amo romance e nunca e jamais deixarei essas raizes por mais que conheça outros géneros, então nem ligue, continue sempre assim Pah..

    ResponderExcluir
  18. Oi, realmente há uma pressão, principalmente porque "não se aprende nada com romances", claro que existem romances que nos fazem refletir, como tem outros que não. Você vê a diferença quando alguém vê a capa de uma fantasia, de um suspense ou quando vê um romance de época, hot.
    É chato, porque se eu gosto de clichê eu vou continuar gostando. Mas já tive situações que pensei bem antes de ler o livro em público, para as pessoas não me taxarem como sensível demais, e não me respeitarem, depois de e pensar um pouco vi que isso era bobagem, sempre dá pra ignorar.
    Eu sigo vários blogs, canais, igs, sempre vejo indicações de inúmeros gêneros, mas quase sempre leio os mesmo autores, histórias, e eu acho que vaí ser sempre assim.

    ResponderExcluir
  19. E mesmo que você só leia romances (e sei que você ler de tudo), continue fazendo o que gosta! 💙

    ResponderExcluir
  20. EXATAMENTE
    Obrigada por esse vídeo!!!! Falou tudo o que eu penso e sofro também.

    ResponderExcluir

Resenhas

© Livros & Fuxicos – Desenvolvimento com por Subir