abril 03, 2019

[Resenha] Contumélia – Lilian Cristina Peixe

Inês é uma jovem desesperada! Ela completou 16 anos e D. Constância, sua madrinha com quem ela mora, decidiu que ela precisava de um noivo. O problema é que, miseravelmente, D. Constância escolheu um pretendente absolutamente intragável, o Sr. Macedo. Agora a única esperança de Inês, para não acabar casada com alguém que ela não suporta ou ir para um convento, é o súbito interesse que Henrique, um velho amigo da família, passou a demonstrar por ela. Contudo, ela não sabe se as intenções dele são realmente sérias e antes que possa descobrir, é enviada numa viagem inesperada para o noivado de sua prima Cecília em Petrópolis. Assim, em meio ao burburinho causado pelo misterioso assassinato do barão de Araribá em Paraíbuna, Inês e sua espirituosa companheira Teresa acabarão envolvidas em inusitadas e perigosas aventuras.



Romance de Época  Amazon Books • 188 Páginas • Classificação: 4,5/5
Skoob | Compre: Amazon (Kindle Unlimited)

Sabe aquele romance de época envolvente, surpreendente e jovem? Contumélia é exatamente assim! Fui fisgada pela história logo nas primeiras páginas e, em meio a uma morte misteriosa e a personagens encantadores, devorei o livro em poucas horas. Temos suspense, cenários nacionais e apaixonantes, diversão e, principalmente, um romance encantador capaz de criar borboletas na nossa barriga. Sério, terminei a obra completamente apaixonada!
 



Logo nas primeiras páginas somos transportados para uma casa de má reputação, uma briga sanguinária entre dois homens apaixonados (por seus títulos ou pela mesma mulher, depende do que decidimos acreditar) e um assassinato que deixa toda a corte do Rio de Janeiro com os olhos bem abertos. É depois da morte misteriosa que vamos conhecer nossa protagonista: Inês é uma jovem debutante que convive com Teresa, sua criada e melhor amiga, e com a tia controladora. A jovem está na idade de se casar e, para ela, seus pretendentes não são opções melhores do que seguir a vida de religiosa e viver no convento. Seu futuro não parece promissor, mas logo tudo muda: em uma viagem para a casa do tio, os caminhos de Inês e Teresa vão cruzar com o do homem mais procurado do Rio – exatamente por ser acusado de assassinato! Tão charmoso quanto perigoso, esse homem misterioso vai transformar a vida da Inês de inúmeras maneiras. E, entre tiros, perseguições, incêndios e acampamentos estrangeiros, a jovem vai descobrir qual futuro deseja seguir.

A trama é narrada por Inês, Teresa e pelo protagonista masculino (que vou ocultar o nome propositalmente, já que demora para ficar claro quem é o verdadeiro mocinho dessa história). Por contar com vários narradores, senti a leitura mais rica e envolvente – Teresa, por sinal, é uma personagem secundária que diverte e encanta logo nas primeiras páginas. Além disso, outro ponto incrível da trama é como o mistério e a morte que acontece logo no primeiro capítulo ronda todos os personagens. Inês, por exemplo, não tem relação nenhuma com o assassinato e, ainda assim, acaba envolta nessa teia de mentiras e mortes. É incrível como os pontos se unem de uma forma surpreendente e levam o leitor a duvidar até mesmo da própria sombra – claro que o foco do livro não é o suspense, mas adorei como a autora desenvolveu esse pilar dentro da trama.
 
E o romance? Que fofura! Temos diálogos divertidos, olhares intensos trocados na calada da noite, mãos que se tocam de forma proibida, e um romance que ambos personagens sabem que não poderá vingar – mas que, ainda assim, deixam crescer em seus corações. Fora que os dois vivem brigando, bem etilo cão e gato mesmo, o que deixa o romance ainda mais contagiante. Outra coisa bacana é que pelo teor jovem da trama, o romance é leve e condiz com a realidade da época e com a personalidade da Inês  apesar de ser dona de uma mente perspicaz, a jovem representa muito bem o Brasil na época
do Império.
 
Amei cada detalhe da obra. Minha única ressalva é que queria mais romance no final – a gente sempre quer mais quando ama um casal, não é mesmo?
 
Recomendo demais! Principalmente para quem gosta de romances de época jovens.

 

confira também

Posts relacionados

Comente via Facebook


Deixe seu comentário