maio 25, 2022

MINHAS HQ’S FAVORITAS

Hoje é dia de lista aqui no site sobre livros diferentões que todo mundo deveria ler! Diferentões porque vamos trazer títulos de uma classe literária que é muito desvalorizada, infelizmente, dentro da literatura. 

Histórias em quadrinhos são representações gráficas expressadas em imagens e textos. Ou seja, elas nos apresentam as histórias, não só de maneira escrita, mas também de forma visual com os seus desenhos. Elas também apresentam uma enorme diversidade de temas e podem ser encontradas em muitos modelos de publicações como jornais, livros, revistas ou colunas virtuais.

As HQ’s se tornaram populares no final do século XIX com o autor e ilustrador Richard Outcald. Ele criou o “The Yellow Kid” e trazia histórias de um garoto morador dos guetos de Nova York e que estava sempre usando um pijama amarelo. O enredo mostrava muito das questões sociais que estavam em pauta na época.

As histórias em quadrinhos no Brasil também chegaram no século XIX com o escritor Angelo Agostini. Ele trazia uma carga mais relacionada ao humor e contava a história de personagens do Rio de Janeiro e como eles se relacionavam com a Corte Portuguesa.

Dito isso, os livros compartilhados aqui HQ’s, algumas ocidentais, outras orientais e, de qualquer forma, todas são marvilhosas!

 

DESCONSTRUINDO UNA

Vou começar com uma leitura recente que foi muito difícil de fazer e é “Desconstruindo Una”. Aqui temos uma garotinha que será desconstruída ao redor das suas experiências, que envolvem figuras masculinas. Nós vamos debater através da vivência desta garota e do fato de que também, na região onde ela mora, estão existindo alguns crimes que são associados à Jack estripador, como se tivesse um novo maníaco solto matando mulheres.

No início ele começa matando prostitutas e é absurdo como a mídia abafa o caso e faz de tudo para colocar a culpa na mulher. Porém, a partir do momento em que uma criança de 16 anos morre, as coisas começam a tomar proporções diferentes. Mas, ainda assim, o caso é constantemente abafado.

O livro é angustiante porque nós, que somos mulheres, nos sentimos desprotegidas o tempo inteiro. Então, é impossível não se identificar e ter todos os sentimento de desespero ao fazer esta leitura.

 

MAUS

Maus é uma das histórias que mais ganhou prêmios literários de todo o mundo. E eu estou falando de uma HQ que vai trazer a história de um filho escrevendo a história do seu pai através de conversas que eles têm. É uma história forte, mas ao mesmo tempo tem uma narrativa muito irônica e muito sincera também. Tem até um diálogo onde o pai fala para o filho “olha mas não é pra você escrever sobre isso não”. E ele continua falando, desde romances, desde traições, desde comportamentos humanos que não tem nada relacionado com a guerra, casamento por interesse e enfim, até chegar na guerra.

É um livro que, graficamente, é mostrado de uma forma que faz com que você se sinta no universo da guerra, que você se sinta cada vez mais diminuído e eu acho que hoje, no momento em que estamos vivendo, com a guerra que está explodindo, ele traz algumas reflexões que são atemporais e que fazem a gente repensar.

 

PERSÉPOLIS

Mais um livro que é uma das HQ’s mais premiadas do mundo e eu estou falando de Persépolis. Este livro é uma biografia, que vai falar sobre a autora, sobre o regime do Talibã, com a visão de quem está lá dentro e que vai passar pela migração do regime.

É um livro que te faz repensar sobre a figura da mulher e sobre preconceitos com religiões islâmicas. Essa é uma história que pode ser um início importante para entendermos mais sobre política, sobre outras religiões e sobre outras realidades de vida que não são as nossas.

 

O PRÍNCIPE E A COSTUREIRA

Para quem gosta de romance e gosta de ficar com o coração quentinho “O príncipe e a costureira” é um livro belíssimo. É uma história um pouco mais jovem e eu indicaria para quem é fã de A Seleção. Nós estamos falando de um príncipe que não segue os estereótipos de um príncipe tradicional por gostar de usar vestidos. E, por ele gostar disso, precisa de uma personalidade dupla porque ele acredita que ninguém vai aceitá-lo caso descubram. É por causa disso que ele vai se aproximar da nossa protagonista, que é uma costureira, e juntos eles vão embarcar nesta onda de construir e criar vestidos maravilhosos para ele vivenciar a segunda personalidade que tem.

 

NINGUÉM VIRA ADULTO DE VERDADE

Eu adoro a HQ “Ninguém vira adulto de verdade”! A autora também tem mais outras duas histórias que seguem este mesmo estilo e que já foram publicadas aqui no Brasil. As tirinhas são super fáceis de serem lidas e ela fala sobre gostar de ler, sobre gostar de gatos, sobre se apaixonar e sobre borboletas no estômago. Então é algo que gera muita conexão com a gente! Super recomendo e vale demais a leitura.

 

MORDIDA

Outro trabalho super recente da autora é “Mordida” e eu acho que ele vem no reflexo de que os vampiros estão voltando a ser populares. Aqui são tirinhas sobre o romance de uma vampira com um lobisomem e é muito legal. Tem cenas que ela está bebendo sangue e ele comendo um pedaço de carne, é super mórbido e irônico. Por isso, se você quer desligar a mente e ler algo divertido, fica a dica.

 

NIMONA

Para os fãs de fantasia, “Nimona” foi uma das primeiras HQ’s que eu li na vida. Ela tem um traço muito bonito, colorido e as folhas são tipo de revista, então elas são fáceis de passar. Aqui temos uma história sobre a jornada da protagonista e tem um toque de idade média, por isso me lembra muito Trono de Vidro. Fala também sobre estereótipos, sobre força, sobre grandes aventuras, sobre confiança e, principalmente, confiança em si mesmo. Falou-se muito que essa história seria adaptada, mas desde então não temos mais informações sobre o assunto. O que é uma pena porque é uma história super envolvente e que vale muito a pena.

 

A MENINA DO OUTRO LADO

Essa história já tem cinco volumes e eu acabei de comprar o segundo e o terceiro, por sinal. Aqui estamos em uma realidade onde o mundo sofre uma maldição, então as pessoas que são boas elas foram excluídas e colocadas dentro de uma cidade com a barreira. A gente vai conhecer um pouco dessa realidade através dos soldados da parte de dentro e, toda vez que eles matam os seres amaldiçoados que tentaram pular os muros para entrar na cidade, eles matam essas pessoas que precisam ser descartadas do lado ruim da cidade.

Porém, nossos protagonistas foram amaldiçoados e acolheram uma garotinha humana. Isso vai gerar uma grande reviravolta e vai trazer um enredo regado de sentimentos profundos.

Traz também muito questionamento sobre o que é bem e mal. Você estar amaldiçoado, não representa que seja uma pessoa totalmente maligna. O que significa, de fato, viver nas trevas? São reflexões muito importantes a serem feitas!

É isso, espero que tenham gostado! Deixem aqui nos comentários qual a HQ preferida de vocês e vamos montar um lista enorme com indicações incríveis.

Beijos!

confira também

Posts relacionados

Comente via Facebook


Deixe seu comentário