[Resenha] Loney – Andrew Michael Hurley (+ Sorteio)

Quando os restos mortais de uma criança são descobertos durante uma tempestade de inverno numa extensão da sombria costa da Inglaterra conhecida como Loney, Smith é obrigado a confrontar acontecimentos terríveis e misteriosos ocorridos quarenta anos antes, quando ainda era criança e visitou o lugar. À época, a mãe de Smith arrastou a família para aquela região numa peregrinação de Páscoa com o padre Bernard, cujo antecessor, Wilfred, morrera pouco tempo antes. Cabia ao jovem sacerdote liderar a comunidade até um antigo santuário, onde a obstinada Sra. Smith crê que irá encontrar a cura para o filho mais velho, um garoto mudo e com problemas de aprendizagem. O grupo se instala na Moorings, uma casa fria e antiga, repleta de segredos. O clima é hostil, os moradores do lugar, ameaçadores, e uma aura de mistério cerca os desconhecidos ocupantes de Coldbarrow, uma faixa de terra pouco acessível, diariamente alagada na alta da maré. A vida dos irmãos acaba se entrelaçando à dos excêntricos vizinhos com intensidade e complexidade tão imperativas quanto a fé que os levou ao Loney, e o que acontece a partir daí se torna um fardo que Smith carrega pelo resto da vida, a verdade que ele vai sustentar a qualquer preço. Com personagens ricos e idiossincráticos, um cenário sombrio e a sensação de ameaça constante, Loney é uma leitura perturbadora e impossível de largar, que conquistou crítica e público. Uma história de suspense e horror gótico, ricamente inspirada na criação católica do autor, no folclore e na agressiva paisagem do noroeste inglês.
Suspense | 304 Páginas | Cortesia Editora Intrínseca | Skoob | Compare & Compre: SaraivaSubmarinoAmazon| Classificação: 3/5
Quem acompanha o Livros & Fuxicos há um tempo sabe que eu raramente leio livros de suspense – não por não gostar, mas por não ter muita afinidade com o gênero. Foi apenas no ano passado que resolvi sair da minha zona de conforto e dar uma chance a esse tipo de história. E o resultado não poderia ter sido mais satisfatório: a sensação de estar dentro de um intricado quebra-cabeça me ganhou por completo. Desde então, todos os livros de suspense que li me encantaram. Por isso, minhas expectativas para a leitura de Loney estavam altíssimas. Não havia visto muito a respeito da história, mas algo nela – talvez todos os prêmios que ela rendeu ao autor – me fez crer que o livro seria maravilhoso. Entretanto, fui injusta e esperei demais de uma leitura que, no final, se mostrou razoável. Seria errado julgar o livro por ele não ser tão surpreendente e impactante quanto eu imaginei que seria? Talvez sim, mas o ponto é que esperava muito mais do livro de estreia do Andrew Michael Hurley.

A trama gira em torno de Loney – um lugar auspicioso, místico, perigoso e repleto de segredos. A família Smith, junto com alguns amigos de paroquia (ou seja, que frequentam a mesma igreja), sempre passam a Páscoa em Loney. Eles acreditam que a região é milagrosa, portanto peregrinam para lá em busca de cura, perdão e da salvação de suas almas pecadoras. Smith e Hanny, jovens irmãos, não entendem completamente o apelo espiritual que Loney representa para os adultos. Por isso, sempre que podem passeiam pela região em busca de diversão. E é exatamente em uma dessas expedições que a vida deles mudará para sempre. – Quais são os mistérios que Loney carrega? O que aconteceu com esses garotos na última Páscoa? E qual a ligação da história deles com os restos do corpo infantil que foi recentemente encontrado em Loney?
O mais instigante na leitura é que ela é narrada entre passado e presente. Smith conta o que viveu anos atrás em Loney, ao mesmo tempo em que descreve pequenos acontecimentos do seu presente. E o curioso é que as duas vidas parecem extremamente diferentes: enquanto no passado ele era completamente responsável pelo irmão (que é deficiente mental), agora Hanny é considerado normal, tem uma família e é um famoso pastor. Além desse mistério, o que mais gostei nessa narrativa atemporal é que ela mostra o quanto Smith foi impactado por Loney. Adoro livros que focam na mudança de seus protagonistas, principalmente quando eles são transformados por momentos de tensão. Foi incrível mergulhar na mente de Smith e vê-lo sendo modificado pelo mundo ao seu redor: pelo padre que cobra só que parece ter uma fé parcial, por Loney e seus mistérios, pela mãe e suas convicções limitadas, e pela relação de dependência entre ele e o irmão. Fora às mudanças na personalidade de Smith, também gostei da construção de todos os personagens principais. Eles são tão reais, principalmente em seus medos e falhas, que é impossível não se identificar. Temos aqui a personificação de homens e mulheres que erram, julgam e se perdem em uma fé mais embasada em rituais do que na Palavra de Deus. E o ponto é que, em um mundo de incertezas e medo, é fácil se perder em uma fé de palavras e não de ação.

Além dos personagens bem construídos e da abordagem religiosa instigante (que em nenhum momento é crítica, apenas descritiva), também gostei do relacionamento entre Smith e Hanny. Adorei ver como Smith faz de tudo pelo irmão e como em nenhum momento ele o trata como os outros, como se Hanny fosse uma aberração. Porém, mesmo com pontos positivos interessantes, existe algo de muito falho nesse livro: a narrativa. A escrita do autor é minuciosa e demasiadamente detalhista. Ao criar seus cenários com tanta riqueza, Andrew torna a leitura cansativa, repetitiva e, sinceramente, irritante. Além disso, existem inúmeras passagens e acontecimentos que não agregam em nada a leitura e que, exatamente por isso, só colaboram para que ela fique ainda mais penosa. A sensação que tive é que a história estava caminhando para lugar nenhum. Tanto é que em determinado momento o grande mistério foi esquecido e, até os últimos capítulos, não foi retomado. Portanto, além de uma narrativa confusa e cansativa, o autor menosprezou o suspense da trama e escreveu um final e vago e insatisfatório. De verdade, no desfecho do último capítulo só consegui pensar: “sério que é só isso que ele vai nos oferecer?”. Faltaram explicações e detalhes importantes e sobraram descrições nada essenciais para a trama.
Sinto que o que faltou para o autor foi um bom mediador. A história é boa, os personagens incríveis, Loney um lugar cheio de vida que encanta o leitor, mas a condução da narrativa passa longe de ser instigante. No final, acabei decepcionada com a leitura e com tudo o que ela poderia ter oferecido. Sei que se começar a dissecar a obra entenderei os motivos de ela ter ganhado tantos prêmios, mas o ponto é que queria não precisar de tanto esforço para amar esse livro. Sinceramente, só lendo para descobrir se irão amar ou se decepcionar com essa trama.


Ficou curioso? Então que tal concorrer a um exemplar do livro? Para participar basta:
·         Possuir endereço de entrega no Brasil;
·         Preencher o seguinte formulário:
Prontinho, agora você já está participando! A promoção fica no ar até o dia 08 de Agosto e o ganhador será divulgado no dia seguinte. Lembrando que o mesmo tem até 48 horas para responder o contato de solicitação de endereço, se não, realizaremos um novo sorteio. Além disso, vale salientar que o envio do prêmio será realizado pela editora, o que significa que o mesmo pode demorar até 40 dias.



Beijos e Boa Sorte!



59 comentários:

  1. Lá vamos nós para mais um sorteio.adorei a resenha. Tenho lido bastante sobre Loney. Estou super curiosa

    ResponderExcluir
  2. Não sei ainda o que pensar desse livro, mas vou participar! Só não estou achando o formulário nesta página. O que eu faço?

    ResponderExcluir
  3. Olá Pah!!!
    Adoro livros de suspense e thrillers.
    Há um tempo estou bem curioso em relação ao livro Loney.
    Adorei a sinopse e mesmo com alguns elementos religiosos estou ansioso pela leitura.
    A editora Intrinseca vem caprichando bastante em algumas obras, e essa ficou lindíssima.
    Adoro livros com jacket.
    Beijo.

    Participando!!
    Joseph Luis
    joseph_luis09@hotmail.com

    ResponderExcluir
  4. Como sempre você muito sincera nas suas resenhas.
    Parabéns.

    thamiresramos1989@gmail.com

    ResponderExcluir
  5. Nossa adoro suspense, na verdade amo a maioria dos gêneros literários. Parece bem legal, sei que não supero suas expectativas, mas acho que vai de pessoa para pessoa, você não gostou tanto de "Quem é você Alasca?", já eu amei, espero gostar desse, espero ganhar :D. Que bom dois sorteio em um dia, espero ter a sorte de ganhar em um.

    ResponderExcluir
  6. Oi Pah, muito boa noite! Nunca li esse livro, mas me despertou o interesse nele e achei muito linda a capa desse livro.... espero ser a grande sortuda dessa vez.
    Um grande beijo.

    ResponderExcluir
  7. É a primeira vez que entro no seu blog! Adorei! Você acabou de ganhar mais uma seguidora.
    Também tenho um blog, que não chega nem perto do seu, mas estou tentando se quiser conhecer o link é esse: http://www.magiaesonhar.com.br/
    Mas, de verdade, eu adorei o seu blog! Parabéns pelo seu trabalho.

    ResponderExcluir
  8. Oi Pah!
    Eu estou bem curiosa para ler este livro, tenho visto muitos comentários sobre e parece ser um enredo bem instigante. Gostei de saber sua opinião e ressalva. Já estou participando da promoção, quem sabe eu tenha sorte.

    Beijinhos
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Eu já tinha visto esse livro no skoob, a sinopse faz parecer que o livro realmente é bom, mass lendo tua resenha e vendo que o livro tem essa "abordagem religiosa" me fez perder a vontade de ler, não tenho nenhuma religião nem saco pra nada do tipo. A religião é pregada no livro de forma forte.. ou é algo apenas de fundo na trama?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É algo que faz parte dos personagens: eles são religiosos de uma forma forte, então o autor usa isso pra mostrar o quanto eles pecam em seus julgamentos ao mesmo tempo em que possuem uma fé gigante no invisível. A intenção não é pregar, é mais mostrar a verdade por trás dos personagens centrais :)

      Excluir
  10. Este livro me deixou intrigada e muito curiosa. Minhas expectativas são muito densas a respeito desta hitória. Amei a sua resenha muito
    esclarecedora. Parabéns pelo canal e o blog. Beijo!

    ResponderExcluir
  11. Ana Carolina Cruz23 de julho de 2016 15:24

    Comprei Loney semana passada só pelo fato de ser hardcover. Eu olhei ele em uma Saraiva, gritei "Olha, tem jacket!", e comprei, não teve jeito. Porém a história não me cativou muito, acho que talvez pelo livro ser um tanto arrastado ou talvez por achar que ia ter um suspense enorme que, na verdade, acabou ficando apenas no plano de fundo da história.

    ResponderExcluir
  12. Oi Paola, adorei a resenha. Desde o lançamento desse livro eu estou aguada para ler. Achei a edição incrível e a história muito interessante.
    Beijos
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
  13. Puxa Paola, que pena que você não gostou do livro... Estava com expectativas altíssimas depois de ler a sinopse, mas quando li a sua crítica, fiquei um pouquinho decepcionada. Tenho problemas com narrativas detalhistas (alô, Senhor dos Aneis), por isso estou com medinho de comprar esse livro, porém, quero dar uma chance a ele, ainda...
    Beijos açucarados e ótima resenha!
    www.livrotracado.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Apesar de não ter sido um dos melhores pra vc, Pah, ainda continuo curiosa sobre Lonely. Afinal como vc mesma disse, só lendo pra saber se vai amar ou não o livro.

    ResponderExcluir
  15. Adorei sua resenha Paola!
    Parece bem o estilo que eu gosto e a premissa pareceu muito interessante!
    Vou participar do sorteio, quem sabe srsrsrs
    Beijo
    www.blogleituravirtual.com

    ResponderExcluir
  16. Achei a ideia dele muito boa e pelo estilo de livro até costumo travar na hora de começar a ler também, mas depois pego embalo e a leitura acaba sendo muito boa. Ao menos na maioria dos livros nesse estilo é assim. Ah, gostei dele e da forma como é contada a história. Os personagens parecem ser bem reais, talvez até chatinhos em alguns momentos, mas acho que de qualquer forma é uma história que ficaria doida pra saber o fim. E talvez não tirasse da cabeça, já que tem esse tipo de final meio aberto.

    ResponderExcluir
  17. Adorei sua resenha Paola, gosto muito de livros de suspense e já estou super curiosa para ler o livro !!! Bjnhus

    ResponderExcluir
  18. Fiquei curiosa pra ler, apesar de não ser uma leitora assídua nos suspenses...

    ResponderExcluir
  19. Confesso que fiquei bem intrigada com essa história, misteriosa, cheia de personagens marcantes, a capa está bem assustadora, rsrs, pena não participar do sorteio, boa sorte aos participantes, beijos...

    ResponderExcluir
  20. Eu até gosto de narrativas em que o autor vai mais para o lado do suspense. Adoro ficar provando que as minhas teorias estão certas rs..., mas pelo visto esse é aquele livro que vendo uma coisa e entrega outra. Gostei de ter uma parte que fala sobre religião, e que foca na cidade e não apenas nos personagens
    Participando
    Adriana Holanda Tavares
    dricaht@gmail.com

    ResponderExcluir
  21. Desde que a intrínseca postou a foto desse livro, eu me vejo olhando fixamente pra essa capa... ao mesmo tempo que ela é linda... ela me dá uma certa tensão rsrsrs. Ao ler a resenha senti o mesmo, a idéia parece ser linda, mas ler já me deu uma certa tensão. Ganhando o sorteio, darei uma chance com certeza. Tomara que eu pegue o embalo como a Andrea falou acima.

    ResponderExcluir
  22. Omg, que livro forte Pah !!
    A capa é muito linda, e pela sinopse já me fisgou .
    Amo livros de suspense. . Fico cativada em me envolver no mistério e esclarecer tudo. Como você disse, é uma leitura densa, algo que gosto demais! 🙂
    Pretendo ler em breve.
    A premissa parece ser muito interessante. Sua resenha é a primeira que leio a respeito e fiquei muito motivada para conferir.
    Dica anotada!
    Beijos ♥

    ResponderExcluir
  23. Amei a resenha fala com sentimento e profundidade sobre o livo, parabéns!

    ResponderExcluir
  24. Acabo de conhecer o blog e estou achando o máximo! Além de inteligente a Paola é linda. Rs
    Vou continuar lendo as resenhas. Também tenho um blog literário, ainda está engatinhando, mas vai crescer. Se me permite, deixo aqui o link para quem quiser visitar: www.bonsdetexto.com.br

    ResponderExcluir
  25. Fiquei surpresa com a nota, pois até os pontos "negativos" me pareceram interessantes. Essa edição está fabulosa!!! Como não querer?

    ResponderExcluir
  26. Adorei a resenha e sinceramente ela só me deixou mais curiosa sobre este livro, desde que vi o livro ele me deixou muito intrigada e tenho altas expectativas sobre ele ; mas confesso que suas críticas no final da resenha me deixou com um pé atras.

    ResponderExcluir
  27. Eu estou com muita vontade de ler esse livro! Não costumo ler livros de suspense, mas fiquei com vontade de ler esse livro, justamente por todos os prêmios que já recebeu. Mas é uma pena que o livro não é tudo que você esperava, e que o final é insatisfatório. Mas gostei de saber que os personagens são bem construídos. Ainda estou com bastante vontade de ler o livro, mas já não vou ler com tanta expectativa :/

    Beijos!

    ResponderExcluir
  28. Oi Pah,
    Adoro livros de suspense, sempre busco ler um livro do gênero de vez em quando para fugir da minha zona de conforto.
    É a primeira resenha que leio desse livro, esta a espera para conhecer um pouco mais dessa história que me deixou tão intrigada apenas com a capa e sinopse. Que pena que o livro não é tudo o que promete, que faltou aprofundamento na história, o enredo tinha tudo para ser grandioso, fiquei decepcionada em saber que a trama não faz jus ao suspense prometido. É muito cansativa uma narrativa exageradamente detalhista, pelo jeito o autor deu mais importância ao cenário do que ao suspense em si. Mas mesmo assim pretendo ler, vou participar do sorteio.
    Beijos

    ResponderExcluir
  29. Oi, Pah! Um dos principais motivos por eu ter me interessado tanto em Loney é a indicação do Stephen King, e por ser um livro que aborda a questão da fé, coisa que o King também faz bastante em seus livros. Espero poder ter a oportunidade de lê-lo em breve! Adorei o que você escreveu sobre o livro, e vou tentar diminuir minhas expectativas para poder curtir melhor a leitura. ;)

    Bjs,
    Jess | A Rosa do Príncipe
    www.arosadoprincipe.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  30. Resenha muito bem escrita, como sempre. Gosto de como você expressa sua opinião, coloca os pontos positivos e negativos do livro. Faz com que o leitor não desista completamente da história, sabe? Continuamos com a curiosidade sobre o livro, mas com aquele alerta de que talvez, por alguma coisa ou outra, a leitura pode não ser da maneira como esperávamos.

    ResponderExcluir
  31. Já tinha ouvido falar desse livro, no entanto não conhecia a história, e após ler sua resenha fiquei bastante curiosa para ler esse livro, pelo fato de que a trama me pareceu boa, os personagens parecem ser cativantes, porém a forma como a autora desenvolveu toda o enredo foi o que deixou a desejar, mas isso não me pareceu interferir tanto assim, quero ler esse livro, e espero gostar da leitura, mesmo estando um pé atrás pretendo da uma chance.

    ResponderExcluir
  32. Participando, leio poucos suspenses, mas gostei dos que eu já li, quem sabe eu ganho esse para descobrir se eu gosto.

    ResponderExcluir
  33. Gostei da sua resenha. Já tinha lido a respeito do livro e a história me pareceu ser incrível, agora sei que não devo ter expectativas altas. Mesmo assim quero lê-lo e ganha-lo claro!

    ResponderExcluir
  34. A edição desse livro é maravilhosa! Estou gostando muito que as editoras brasileiras estão investindo mais em edições caprichadas. Tenho vontade de ler, espero que não me decepcione. :*

    ResponderExcluir
  35. Já li alguns livros de suspense e amei apesar de nao fazer muito o meu estilo. Não sei muito o que pensar do livro pois pela resenha ele tem uma historia incrivel porem cansativa. Mas para todo mundo a leitura se importa de uma maneira diferente, entao torcendo para ganhar o livro e dizer o que ou achar dele 😀

    ResponderExcluir
  36. oi.
    Esse livro já me conquistou, confesso que corro de livros que fale sobre qualquer tipo de religião ou coisa do tipo, mas esse me parece ser diferente de uma maneira muito positiva, gostei do relacionamento entre os irmãos, simplesmente estou morrendo para conhecer essa obra.

    Marlene Conceição
    marleneconceicao714@gmail.com

    ResponderExcluir
  37. Oi, Pah
    Já eu estou sempre lendo um suspense quando posso. Fiquei bastante curiosa quando a editora lançou esse livro.
    Ainda bem que a abordagem religiosa é apenas descritiva e não crítica, pois quando acabo não concordando com a visão do autor, isso impele em uma avaliação negativa do livro.
    Uma pena que a narrativa não te agradou. Quando não nos agrada, não tem jeito.

    ResponderExcluir
  38. oiii

    Adorei a resenha. Se antes já queria o livro pela capa, que realmente a Editora Intrínseca esta de parabéns por ela, agora depois dessa resenha, me deixou super curiosa pra ler o livro, principalmente pelo fato de não ter te agradado tanto.

    Letícia Rodrigues - leticialbr@hotmail.com
    Blog - http://pordentrodolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  39. amo livros de suspense, amo mesmo. fiquei curiosa quanto a esse. confesso que não gosto muito de livros que abordem o tema religião, (e tenho medo de livros com muitos detalhes, hue) mas acho que um dia, lerei esse livro.
    boa sorte a quem vai participar do sorteio, bjssssssssss

    ResponderExcluir
  40. Adorei a resenha, vou participar, quem sabe eu ganhe :v

    ResponderExcluir
  41. Estou apaixonado por esse livro, quero muito ler parece ser uma historia fantástica sem contar nessa capa maravilhosa. <3

    ResponderExcluir
  42. Oi Pah.
    Não estava muito interessada em ler esse livro e depois de ler a sua resenha, fiquei com menos vontade ainda.
    Achei os pontos positivos citados bons: narrativa presente/passado, a relação entre os irmãos e etc, mas narrativa arrastada, detalhada, e um desfecho meia boca, torna a leitura nada agradável.

    ResponderExcluir
  43. Oiii Pah,
    Não leio muitos livros desse gênero, mas suas resenhas sempre me deixam curiosa.
    Que pena que não te agradou, como você queria. Realmente as vezes nós vamos com muitas expectativas em um livro e acabamos decepcionados.

    Participando:
    Evellynmendonca92@hotmail.com

    Bjs

    ResponderExcluir
  44. Já estava bastante interessada em ler esse livro só pela sinopse, e agora depois de ver essa resenha, apesar dos pontos negativos, ainda continuo bem curiosa em conferi essa história.

    ResponderExcluir
  45. Oiii Paola,

    O livro parece ser BEM INTRIGANTE... (Cheio de MISTÉRIOS)
    Não vejo á hora de começar a lê, até lá esperando o resultado do SORTEIO
    Confesso estou ansiosa. :)
    Bjs

    ResponderExcluir
  46. Também achei o livro muito fraco. Sou apaixonada por terror/supense/mistério e "Loney" nem de longe conseguiu suprir aquele desejo insano pelo medo que tenho. Minha filha de 8 anos leria facinho sem nem se arrepiar. Decepcionante!

    ResponderExcluir
  47. Também não prefiro o suspenso como meu gênero preferido de leitura, se algum dia tiver a oportunidade de ler espero não me decepcionar com a leitura.

    ResponderExcluir
  48. Bom, eu sou suspeita para comentar sobre livros de suspense, pois eu simplesmente adoro!!Amei a resenha, me deixou super empolgada para ler e torcer ainda mais para ser a sorteada!

    ResponderExcluir
  49. Oi Paola! Adorei a resenha!
    Eu adoro suspenses e estou muito curiosa para ler esse livro. Contudo, já ouvi outras resenhas dizendo que, apesar da proposta ser interessante, a obra deixou a desejar. Mas vou dar uma chance. E com relação a edição, sem comentários. A capa está linda! :)

    ResponderExcluir
  50. É um gênero que apesar de gostar não leio à um tempo rs...Gostei da historia, desse mistério envolvendo um passado e um presente tão diferentes, e principalmente de como os personagens parecem mudar com o tempo...
    Não tinha lido nada sobre esse livro ainda, gostei, a capa é linda.

    ResponderExcluir
  51. Fiquei apaixonada pela capa e essa historia me deixou muito curiosa. Estava querendo muito ler esse livro, mas depois que li a sua resenha fiquei receosa, odeio me decepcionar com leituras.
    Pretendo ler esse livro logo.
    Beijos

    thaisdoria@live.com

    ResponderExcluir
  52. Oii Pah!
    Apesar de não ler muitos livros de suspense, tenho bastante interesse pelo gênero, estou querendo ler temáticas diferentes, para ver se me agrada. Assim, Loney parecia um bom livro para quem sabe, incluir em futuras leituras. Contudo, pelo que você comentou a trama é arrastada e estou lendo um livro agora que é dessa maneira, a leitura parece não fluir, e ele é de suspense (deveria ser, pelo menos...), me decepcionei com essa leitura.
    A premissa da história parece muito interessante, mas se a escrita é desse modo, fica complicado realmente se prender a trama.
    Nota: A capa é linda rs
    Abraço!

    ResponderExcluir
  53. Então ao contrario de você sempre gostei muito de suspense e fiquei muito feliz com a chegada desse livro ate ler sua resenha kkkkkk, não sou muito fã de livros que ficam enrolando que o tema principal se perde mas vamos la tentar fazer dessa historia com tantos prêmios uma agradavel leitura.

    ResponderExcluir
  54. A maior parte das resenhas que li falam de modo muito positivo sobre o livro. Entendi os pontos negativos que levantou da narrativa. Também não gosto quando o livro esta cheio de descrições desnecessárias. Mesmo assim ainda tenho curiosidade e Loney é um dos livros desejados no momento.

    ResponderExcluir