setembro 13, 2017

[Resenha] Sonhos de Avalon, A Última Profecia – Bianca Briones

O mito do Rei Arthur recontado de maneira totalmente original e com protagonistas jovens femininas. Quem nunca sonhou em viver na Idade Média com Arthur e os cavaleiros da Távola Redonda? E se todas as versões já retratadas fossem uma tentativa de Merlin, poderoso feiticeiro do rei, de mudar o destino? O primeiro volume de Sonhos de Avalon traz a história de Melissa, uma jovem do século XXI, predestinada a voltar à Idade Média para se casar com Arthur e salvar a Britânia e a magia. Porém, quando sentimentos são envolvidos os resultados podem ser imprevisíveis. Dividida entre a responsabilidade que lhe foi dada e a voz de seu coração, Melissa terá que tomar uma decisão que mudará sua vida e a de todos que a cercam.

Fantasia • 424 Páginas • Editora Bertrand Brasil | Classificação: 5 Estrelas + Favorito da Vida 
Skoob | Compare & Compre: Amazon • Saraiva | Resenha da May 
Depois de tanto tempo finalmente o sonho virou
realidade e agora todos os leitores poderão conferir Sonhos de Avalon – A
Última Profecia, uma obra de fantasia escrita pela Bianca Briones e que está
maravilhosa, linda, encantadora e de apertar o coração. Acompanho a história de Sonhos de Avalon desde que a Bianca terminou a 
duologia em
2012/2013, e tive a oportunidade de lê-la em primeira mão (e você pode conferir
minha primeira opinião de quatro anos atrás 
aqui). E hoje, ao ver a obra sendo
lançada por uma grande editora, meu coração se enche de orgulho, pois esta é uma das melhores fantasias que já li – uma obra mágica, que encanta desde as
primeiras páginas, que nos transporta para dentro do livro e nos envolve de uma
maneira que poucas obras conseguem envolver. Ou seja, preparem-se para uma
fantasia deliciosa que traz romance, aventura, ação, mitologia e muita, mas
muita emoção.

A trama nos apresenta Morgana, princesa de
Camelot e irmã do Rei Arthur, ela é uma das últimas feiticeiras do reino e
muito poderosa. Morgana está descobrindo seus poderes e aprendendo a
controlá-los e nos últimos tempos tem sido atormentada constantemente por
sonhos, que parecem impressões de outra vida e de outro tempo, em um lugar
estranho e desconhecido. Mergulhando no corpo de outra garota, nestes sonhos
ela sente a angústia e tristeza que inundam o coração de uma jovem que, por
estar tão distante, Morgana não consegue compreender. Do outro lado da moeda,
conhecemos Melissa aqui em nosso tempo atual, uma garota que vê sua vida mudar
completamente ao perder o irmão em um terrível acidente, que também deixou seu
pai em coma. Após o acidente, Melissa começou a ter sonhos que acontecem no
período de Rei Arthur e os cavaleiros da távola redonda viviam. Mas serão
simples sonhos criados pelo inconsciente de Melissa e Morgana, ou visões cada
uma com a época e tempo da outra? O que tais impressões significam e por que
elas parecem ter uma estranha conexão?
Achou pouco? Então segura essa: também temos Rei
Arthur, que desde pequeno foi preparado para governar, ele luta para manter
seu povo unido e conta com a ajuda de seus cavaleiros e, entre eles, seu mais
leal amigo e parceiro, Lancelot. Nossos dois grandes heróis, dois personagens
fortes e que arrancam suspiros com sua coragem e beleza, dois homens, amigos,
parceiros e irmãos que terão que enfrentar a maior de todas as batalhas em prol
de todo seu povo, a batalha do coração.
Dois mundos paralelos, duas histórias que se
interligam numa profecia, a última profecia, capaz de salvar a Britânia e o Rei
Arthur de cair em desgraça. Duas mulheres totalmente independentes, fortes,
impetuosas, teimosas e que tem papel fundamental para salvar a todos que amam.
E aqui, vale ressaltar, que nenhuma ponta fica solta, através de uma narrativa em terceira pessoa Bianca amarra todos os
plots interligando-os uns aos outros de forma cuidadosa, com maestria e ligando
todos os pontos de forma tão sutil que nem ao menos percebemos, simplesmente
lemos como se não houvesse amanhã.
As personagens são belamente construídas e
desenvolvidas e ao findar a trama todas tem um amadurecimento palpável, cada
qual está ali por um motivo e têm papel fundamental no desenvolvimento da
trama, ninguém está ali para bonito ou ‘encher linguiça’. Bianca desenvolve
personagens maravilhosas, que encantam e que acrescentam mais a obra, com
detalhes, vida e acontecimentos. A mitologia é encantadora, assim como o livro
como um todo, e me faltam palavras para descrever o quão maravilhosa esta
obra. 
Sonhos de Avalon é uma fantasia, mas traz muita aventura, cenários
belíssimos, uma mitologia que encanta o leitor e um romance arrebatador e de
partir o coração, além de mensagens de amor, laços de família, amizade, superação e coragem que levamos para a vida. Definitivamente uma obra singular, encantadora e perfeita que
deve ser lida por todos.
Parabéns Bianca pela conquista, sei que foi
árdua, mas que valeu  muito a pena. Sucesso! E para vocês, fica a dica de
que vale muito a pena conhecer essa história que interliga presente e passado
de uma forma incrível. Tenho certeza de que irão amar!

Beijos,



confira também

Posts relacionados

Comente via Facebook


Deixe seu comentário

5 Comentários

  • Katharine Emídio
    15 setembro, 2017

    May, amei a resenha!! Eu sou fâ da Bianca e fiquei extremamente curiosa para ler. Espero que eu ame como você <3 Super Beijo

  • RUDYNALVA
    14 setembro, 2017

    Mayara!
    Nunca li nenhum livro da Bianca Briones, mas quero.
    Ainda mais esse que fala sobre Morgana e Avalon, sou fissurada por tudo que envolve a personagem e o local mágico.
    Espero poder ler.
    Amei a capa.
    “Conhecimento sem transformação não é sabedoria.” (Paulo Coelho)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE SETEMBRO 3 livros, 3 ganhadores, participem.

  • Leticia Golz
    13 setembro, 2017

    Oi, May
    Nossa, fiquei mega curiosa agora diante de sua empolgação. Já li uma obra da Bianca, mas completamente diferente dessa. Deve ter sido uma conquista em tanto mesmo para ela. E que bom!
    Adorei saber um pouco mais sobre o livro e adoro a premissa dele. Leria com certeza, ainda mais depois de uma resenha tão positiva.

  • Lara Cardoso
    13 setembro, 2017

    Simplesmente não bateu aquela vontade de ler

  • Leisiane Peloi
    13 setembro, 2017

    Oii Mayara!!
    Desde que eu vi essa capa no começo do mês, eu senti que deveria ler esse livro!
    Agora estou muito mais mais animada para conhecer essa obra, sua resenha é tão positiva que me contagiou! Quero! hahha