Anúncios
outubro 09, 2017

[Resenha + Sorteio] Coisas da Vida – Arthur Paraguassú

COISAS_DA_VIDA_ARTHUR_PARAGUASSÚ_ResenhaUm livro em que você tem a sensação exata de que o autor está sentado à sua frente, conversando com você. Repleto de situações do dia a dia, contadas com uma interpretação envolvente e cheia do prazer de ler. Uma nova visão, clara e deliciosa, sobre as situações que vivemos e com as quais aprendemos. Histórias reais, que são a matéria-prima para você fazer de sua vida algo ainda mais belo e especial. Exemplos de um modo de lidar com situações desafiadoras, que vão ajudar você a ajustar sua forma de encarar a vida e causar mudanças positivas. O livro aborda diversos temas, mas com algo em comum: todos eles estão relacionados à vida de cada um de nós. São temas como dinheiro, sorte, amor, religião e até mesmo o sentido da vida. Você é livre para concordar e discordar do que está escrito, porém, o mais importante é que poderá debater sobre cada tema e, principalmente, refletir sobre cada um deles, abrindo sua mente para novos ângulos de visão sobre a sua vida. Uma grande oportunidade de avaliar e, talvez, ajustar a sua forma de encarar seus dias e causar mudanças positivas, que revolucionarão a sua vida.

Editora Ithala l 106 Páginas l Autoajuda l Compre: Saraiva l Skoob l Classificação: 4,5/5

 

Coisas da Vida é, exatamente como o título diz, um compilado do nosso dia a dia. A obra reúne textos (de no máximo quatro páginas cada) que falam sobre inúmeros aspectos da vida adulta: aspirações, inseguranças, crescimento espiritual, vida familiar, equilíbrio emocional e – algo pelo qual almejamos – sucesso profissional. A narrativa é simples e direta. Além disso, logo nas primeiras páginas o autor deixa claro que sua intenção não é mostrar o certo ou o errado. Muito pelo contrário, o objetivo da obra é incitar no leitor o desejo de questionar certezas e, principalmente, a necessidade de tirar um momento para refletir sobre seus sonhos e medos.

Quem me conhece sabe que não costumo ler obras no estilo autoajuda, contudo fui atraída pela sinopse da obra do Arthur e acabei surpreendida com sua narrativa. Ao contrário do que imaginava, os textos são leves, divertidos, diretos e nenhum pouco impositivos. Ele lista inúmeros assuntos e, unindo sua experiência pessoal com tudo o que aprendeu e leu ao longo de sua vida, debate sobre cada tema, apresentando os prós e contras de cada um deles. Ao final de cada texto o que fica para o leitor é a sensação de questionamento, uma vontade de repensar ou reafirmar certas convicções que carregamos desde crianças.

Os temas que mais gostei de ler foram os profissionais. Nesses textos senti um cunho motivacional incrível, como se eu estivesse em uma palestra sobre foco, força e estratégia. Fui apresentada a uma realidade que calçou com uma das minhas metas: tentar ver o lado bom de todas as coisas. Além disso, após a leitura me senti ainda mais determinada a seguir em frente com meus sonhos e a acreditar que sou capaz de alcançá-los.

A obra é rápida de ler e gostosa de acompanhar. Como diz a sinopse, a impressão é que estamos em uma palestra ou em um bate papo com alguém que expõe sua perspectiva de vida, sem impor suas convicções, e tenta animar o ouvinte a acreditar em si mesmo e em seus sonhos. Gostei da mensagem que a obra deixa no leitor e da força que ela trouxe para o meu dia. Realmente precisava de um tapinha com luva para me fazer enxergar que a felicidade está na capacidade de enxergar as coisas boas da vida mesmo nos momentos de trevas.

Minha única ressalva é a abordagem da religião. Apesar do autor não impor seus ideais ou julgar quem pensa de forma diferente, acho que esse é o tipo de assunto que não precisa ser debatido em livros de motivação e apoio. Cada um é livre para sentir e viver a Fé da sua maneira. E a única coisa que importa é sabermos que, independente de credo ou religião, nossa vida tem um sentido maior do que imaginamos para nós mesmos. Mas essa é apenas a minha opinião, e sei que existem milhares de pessoas que pensam de forma diferente, por isso é bacana evitar esse tipo de debate para não causar desconforto no leitor.

No geral, indico o livro para leitores mais adultos que precisam de palavras de motivação e força. Muitas vezes a rotina diária nos faz esquecer dos nossos verdadeiros sonhos, por isso é bom tirar alguns momentos para refletir sobre a vida e o que realmente queremos dela. E o Arthur arrasou ao dar esse tom de encorajamento para sua história.

Sorteio

Gostou da resenha? Então que tal concorrer a esse livro? Para participar basta:

  • Possuir endereço de entrega no Brasil;
  • Comentar nessa resenha (Só serão aceitos comentários relacionados com o conteúdo da postagem);
  • Preencher o seguinte formulário: a Rafflecopter giveaway
Prontinho, agora você já está participando! A promoção fica no ar até o dia 30 de Outubro e o ganhador será divulgado no dia seguinte. Lembrando que o mesmo tem até 48 horas para responder o contato de solicitação de endereço, se não, realizaremos um novo sorteio. Além disso, vale salientar que o envio do prêmio pode demorar até 40 dias.

Beijos!

 

 

Anúncios

confira também

Posts relacionados

Comente via Facebook


Deixe seu comentário

28 Comentários

  • alinne sorzi
    28 outubro, 2017

    Que livro lindo Pah!! Estou desejando ganhar pois um livro motivacional como este seria ótimo, para aprender mais e poder olhar a vida com outros olhos. Beijos Pah ❤

  • Sabrina Lira
    28 outubro, 2017

    Não sou fã de livros de autoajuda, mas essa resenha me ganhou *-* já quero ler esse livro <3

  • Lucimara Fernanda Machado
    27 outubro, 2017

    Ai quero muito ler… obrigada pela dica!!

  • Unknown
    27 outubro, 2017

    Adorei a resenha…estou louca para ler.

  • Michele Lopez
    22 outubro, 2017

    Olá,
    Eu não conhecia o autor e nem sua obra, mas logo de cara já fiquei bem curiosa para saber mais detalhes sobre ela. Afinal, eu gostei bastante da capa e costumo escolher minhas leituras através delas kkkkk
    Os temas que encontraremos no decorrer da trama são bem interessantes e claro que vou participar do sorteio, vai que cola né?!

  • Nayara Braga
    19 outubro, 2017

    – Eu Nayara Castro –
    Adorei a resenha e principalmente os temas que vou encontrar no livro o fato do autor parecer estar sentado em nossa frente já diz que livro é ótimo, adoro livros assim e estou precisando de verdade ler este livro, fiquei curiosa e empolgada. " Adorei a capa devido a aguia com certeza um animal que representa como devemos ser a cor também chamou atenção diferente do que estamos acostumados a ver, quero para minha estante já. Parabéns pela resenha, show!

  • Bianca Batista Almeida
    17 outubro, 2017

    Fiquei curiosa. Capa linda

  • Bianca Batista Almeida
    17 outubro, 2017

    Gostei. Fiquei curiosa

  • Bianca Batista Almeida
    17 outubro, 2017

    Gostei. Fiquei curiosa. Nunca li um livro de auto ajuda.

  • Unknown
    17 outubro, 2017

    Eu nunca li um livro de auto ajuda, mas este livro me chamou a atenção.
    Fiquei curiosa

  • Veronica Vieira
    16 outubro, 2017

    Eu também não gosto de livro de auto ajuda, nunca consegui me conectar com nenhum.

  • Valeria Sakura
    14 outubro, 2017

    amo quando o autor interage com o leitor, e também quando possui conteúdo crítico, nos fazendo refletir sobre a vida e nós mesmos. Parabéns pela resenha ^^

  • Fabiana Scola
    14 outubro, 2017

    Parece ser um livro leve embora apresente as várias situações do cotidiano. Gostei do título mas essa capa não mesmo. Ésempre bom ver com outros olhos situação que passamos, conflitos atémesmo pensamentos e sentimentos. Quero ter a oportunidadede ler a obra e ver como o autor descreve tudo isso

  • Lara Cardoso
    13 outubro, 2017

    Não conhecia o livro, o título bem impactante.

  • jessica eliana
    13 outubro, 2017

    nunca li o livro, mas o titulo é super interessante,amei a capa quero muito ganhar

  • Patricia FQ
    12 outubro, 2017

    Adorei o subtítulo. Não me interesso tanto por autoajuda mas sempre que leio tiro bons aprendizados. De vez em quando é bom uma lida. Abordar religião me desanimou um pouco mas se é pra falar do cotidiano é meio impossível não citar.

  • Cintia Bená Valoto
    11 outubro, 2017

    Oi Paola…comecei a acompanhar seu blog faz pouco tempo e já estou completamente apaixonada!!!
    Também não costumo ler livros de autoajuda, mas gostei muito da resenha desse!
    Beijos

  • Lana Silva
    11 outubro, 2017

    Compreendo muito está questão de como a rotina do dia a dia, nos sobrecarrega ao ponto de esquecermos o lado bom da vida, nossos familiares, ou até mesmo nossos momentos de lazer, por isto e acredito eu que este e um livro maravilhoso, pois através das palavras ira nos fazer refletir, além de nos motivar e repensar a forma como seguimos nosso dia a dia.
    Participando.
    lannawesley@gmail.com

  • Cintia Bená Valoto
    11 outubro, 2017

    Oi Paola! Comecei a acompanhar seu blog a pouco tempo e estou amando!
    Eu também não costumo ler auto ajuda, mas gostei muito dessa resenha…o livro parece ser mesmo bem interessante!
    Um beijo!

  • beijinho 17
    11 outubro, 2017

    Amei a resenha, porem meu bolso nao kkkk, sempre quero comprar os Livros kkk. #Deusmeajuda kk

  • Aline M. Oliveira
    11 outubro, 2017

    Não sou uma leitora assídua de auto-ajuda, mas acho válido qualquer leitura que ajuda cada um a melhorar um pouco e aproveitar melhor a vida.
    As vezes é preciso uma estimulada pra conseguirmos passar por alguma situação.
    Bjox ♥

  • RUDYNALVA
    10 outubro, 2017

    Pah!
    Gostei muito de saber que o livro traz texto referentes a vários aspectos da vida e que são muito bem escritos, principalmente por serem textos curtos e que prendem o leitor.
    E que preconceito é esse com livros de auto ajuda? Mas, na verdade, acredito que seja mais um livro de estímulo do que de autoajuda propriamente dito.
    Gostaria muito de apreciar a leitura, porque gosto dos livros que edificam.

    Participo e mais tarde sairá divulgação no blog.
    RUDYNALVA CORREIA SOARES
    rudynalva@yahoo.com.br
    Desejo uma ótima semana produtiva!
    “Saber quando se deve esperar é o grande segredo do sucesso.” (Xavier Maistre)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE OUTUBRO 3 livros, 3 ganhadores, participem.

  • Katharine Emídio
    10 outubro, 2017

    Pah, amei a resenha!! Espero gostar desse livro!! Super Beijo

  • Thais Vale
    10 outubro, 2017

    amei a resenha, to doida para receber ele na minha casinha. <3

  • Gabriele Morais Gabi
    10 outubro, 2017

    Um livro para dar aquela motivada sempre cai bem né!
    Participando do sorteio e torcendo.

  • Aruanda
    10 outubro, 2017

    Gosto da temática questionadora e do formato de leitura rapidinha e não condensada. O dia a dia é sempre motivacional.

  • Anna Mendes
    10 outubro, 2017

    Oi Paola! Adorei a resenha!
    Nossa, fiquei encantada com a capa deste livro e a premissa chamou muito a minha atenção. Adoro livros que me motivam e que me fazem refletir sobre a minha vida, os meus sonhos e medos.
    Parece ser uma leitura bem leve e inspiradora.
    Com relação à religião, também acho que a fé é um assunto muito pessoal para ser "debatido".
    Enfim, se eu tiver a oportunidade, com certeza farei a leitura! 😀
    Bjos!

  • Anônimo
    09 outubro, 2017

    Quero muito ganhar,e conhecer esta nova história!!