Anúncios
outubro 30, 2012

Fuxicos & Futricos #47

Hi people o/
É com imenso
prazer que começo essa terça indicando pra vocês um SUPER filme que está em
cartaz. Definitivamente uma das franquias mais conhecidas no mundo inteiro, 007
não podia deixar de aparecer por aqui, né?!

Música
Eu não poderia
indicar outra música se não a principal da trilha sonora. Na voz da grande
revelação dos últimos tempos, a canção Skyfall
é “a cara” do novo filme de “Bond, James Bond”.
Skyfall – Adele


“Este é o fim
Prenda sua
respiração e conte até dez
Sinta a Terra
mover-se e então
Ouça meu
coração explodir novamente
É o fim para
isto
Enquanto me
afogava estava sonhando com esse momento
Tão
ultrapassado que lhes devo
Arrastada,
estou roubada
Deixe o céu
cair
E enquanto ele
se desfaz
Nós
permaneceremos de pé
Enfrentando
tudo juntos
Deixe o céu
cair
E enquanto ele
se desfaz
Nós
permaneceremos de pé
Enfrentando
tudo juntos
Na queda do céu
Na queda do céu”
Filme

 

Sinopse: Os
agentes britânicos James Bond (007) e Eve Moneypenny estão em missão na Turquia
onde um outro agente do MI6 foi morto e um disco rígido roubado. O disco contém
detalhas de agentes da OTAN infiltrados em organizações terroristas. Bond e
Moneypenny perseguem o agressor, um mercenário francês chamado Patrice, e
tentam recuperar o disco. Durante a perseguição, Bond é atingido acidentalmente
por Moneypenny, caindo do alto de uma ponte para um rio. Ele é listado como
“desaparecido, provavelmente morto”.
O nome
de vários agentes caem na internet e M, chefe do MI6, passar a ser pressionada
pelo presidente do Comitê de Segurança e Inteligência, Gareth Mallory, a se
aposentar. Na volta de sua reunião com Mallory, o MI6 é hackeado e uma explosão
ocorre nos escritórios, matando vários empregados. Ao descobrir sobre o ataque,
Bond volta para Londres. Estilhaços retirados do seu ombro apontam para Patrice
e 007 é enviado para Xangai, onde sabe-se que o mercenário está se dirigindo.
(Wikipédia)

Pela primeira vez faço um post sobre 007 e nem sei por que a
franquia nunca me passou pela cabeça antes. Devo admitir que até hoje é difícil
pra mim “engolir” Daniel Craig como o agente secreto mais conhecido do mundo,
porém começo a me acostumar.
Em 007 – Operação Skyfall,
nosso famoso agente já começa em uma super perseguição atrás de um disco rígido
que foi roubado de um agente do MI6. Nesse disco, pode-se ter acesso aos
disfarces de agentes da OTAN em missões terroristas.
No meio da operação, M., tentando a todo custo encerrar a
operação, dá ordem para a agente Eve atirar no “procurado”, porém Bond e o
agressor estão lutando muito próximos. Sem poder desobedecer a agente atira
e… claro, acerta 007.
Algum tempo passa e os segredos contidos no disco rígido
começam a ser revelados, seguidos de um ataque a “base” de M. Ela tem, então,
sua competência posta em “xeque”, e os superiores começam a forçar a ideia de
sua aposentadoria.
Ao saber do atentado, nosso grande agente retorna ao mundo
real e, mesmo aparentemente não apto para retornar, é mandado em missão para
recuperar o que foi perdido, descobrir quem está por trás disso e… SALVAR O
MUNDO, claro! No meio de tudo isso, James Bond terá que relembrar um pouco seu
passado.
A trilha sonora é ótima, como vocês já puderam perceber,
certo?! O filme, como não podia deixar de ser, é muito bom. Claro que senti
falta de um pouco mais de “romance”, já que 007 é bastante conhecido por suas
aventuras amorosas (mas teve gente, é só porque foi mais de leve do que o de
costume kkkk’) e achei o final um tanto… decepcionante, mas foi bem pouco.
Agora é esperar pra ver o que o futuro aguarda para o nosso gostosíssimo
agente. 😉

Ano: 2012
Direção: Sam Mendes
Elenco:
– Daniel Craig
– Javier Bardem
– Ralph Fiennes

 

 

Anúncios

confira também

Posts relacionados

Comente via Facebook


Deixe seu comentário

2 Comentários

  • wardrobe of girl
    02 novembro, 2012

    muito lindo seu blog! *.*
    http://wardrobeofgirl.blogspot.com.br/

  • Karoline Jardim
    30 outubro, 2012

    Com certeza o final decepcionou e eu fiquei com a sensação que quase todo o filme foi desperdiçado pelo final trágico. Mas mesmo assim eu gostei do novo M, mais do que da anterior então tudo bem o final. Achei o máximo essa abertura e a música, só por isso já teria valido o ingrenço o "momento romântico" do sr. Bond nesse filme foi coisa de piscar olho e já terminou e começou outro, mas tenho uma teoria que isso foi para reforçar o que o filme estava tentando passar, que os tempos são outros e ouve mudanças na vida de James Bond com o passar do tempo. O filme teve seus altos e baixos mas no geral eu gostei 🙂