[Resenha] Cretino Irresistível – Christina Lauren

Uma estagiária ambiciosa. Um executivo perfeccionista. E um relacionamento ardente e totalmente perigoso! Esperta, dedicada, prestes a cursar um MBA, Chloe Mills tem apenas um único problema: seu chefe, Bennet Ryan. Ele é exigente, insensível, sem consideração – e completamente irresistível. Um belo cretino. Bennet acaba de retornar da França para assumir um cargo importante na empresa de comunicações de sua família. Mas o que ele não poderia imaginar era que a pessoa que o ajudava enquanto ele estava no exterior era essa criatura linda, sensual e totalmente irritante que agora ele tem de ver todos os dias. Ele nunca foi do tipo que se envolve em relacionamentos no ambiente de trabalho, mas Chloe é tão tentadora que ele está disposto a flexibilizar essa regra – ou quebrá-la de uma vez – para tê-la. Por todo o escritório! Mas o desejo que um sente pelo outro cresce tanto que Bennet e Chloe terão de decidir o que estão dispostos a perder para ganhar um ao outro.
Romance Adulto || 272 Páginas || Universo dos Livros || Skoob || Compare & Compre || Classificação: 4/5
Assim como cão e gato... Chloe não suporta o seu chefe; autoritário, grosso, inflexível, incapaz de fazer um elogio, Bennet é um cretino, ao mesmo tempo em que seu porte elegante, olhar penetrante e sorriso arrebatador fazem dele um homem irresistível. Em contra partida Bennet também não cai de amores por sua estagiária; dona de uma beleza estonteante, ela teria tudo para ser uma boa companhia, isso se não fosse sua língua afiada, seu olhar intimidante e sua mania de tirá-lo completamente do sério. Entre constantes trocas de farpas, Bennet e Chloe já assumiram claramente uma inimizade e exatamente por isso declararam guerra: Ela não vai dar o braço a torcer e deixá-lo levar a melhor sempre, afinal, ela é muito mais competente do que ele ousa admitir, mas ele sabe como colocá-la na linha com suas ordens inesperadas e suas discretas alfinetadas, pois, antes de qualquer coisa, eles se conhecem bem e se entendem em sua relação profissional. É só ignorar o ódio que sentem um pelo outro e claro! o desejo incompreensível que teima em colocá-los em situações embaraçosas que pronto, tudo vai continuar no seu devido lugar.
 “Nunca tinha me sentindo assim, e nunca imaginaria que um dia me sentiria dessa maneira em relação a ele. Eu queria dar um tapa no rosto dele, e depois puxá-lo pela gola da camisa e lamber seu pescoço”.  

Bennet e Chloe são como dois semelhantes que se atraem. Ambos possuem personalidades fortes e dominantes, por isso quando estão juntos eles ameaçam incendiar tudo o que está ao redor. Seja no elevador, na sala de reuniões, no carro a caminho de uma reunião de negócios, não adianta, o ódio que sentem é palpável ao ponto de deixá-los raivosos e prontos para a briga independente do local em que se encontram. E uma vez submersos em um mundo de ódio, ficam a apenas um passo do desejo de caçar e dominar um ao outro, e é aqui que a relação dos dois muda de foco, suas desavenças geram a aversão, ao mesmo tempo em que suas semelhanças e constantes brigas geram um desejo físico bruto e inexplicável. Eles querem brigar até cansar, mas também querem arrancar as roupas (e inibições) um do outro. Sexo, discussões e proibições, Cretino Irresistível é um romance repleto de clichês e situações previsíveis, entretanto, com sua trama romântica água com açúcar livre de traumas excessivos e repetições, o livro é como um copo de água fria em um deserto escaldante *ou o contrário cof cof cof* para aqueles cansados de mais livros como Cinquenta Tons de Cinza.
Eu não ia ler esse livro. Com uma premissa que me pareceu repetitiva (Cinquenta Tons, O que você Quiser, Porque você é minha, Toda Sua, e outros milhares de livros por aí) fiz uma ideia negativa da obra, imaginando que ela seria mais do mesmo, porém assim que terminei de ler o primeiro capítulo descobri que havia me enganado. A história, como já disse, é clichê com a premissa do “odeio e também amo”, mas ela vai além ao apresentar dois personagens fortes e decididos, dois personagens que não querem dar o braço a torcer, nem querem se deixar dominar, e muito menos buscam encontrar a cura para seus antigos traumas. Eles possuem problemas? Claro que sim! Mas tais problemas refletem o cotidiano de muitas pessoas espalhadas pelo mundo, como um familiar doente, ou a pressão de entregar um trabalho de conclusão de curso, ou ainda um relacionamento proibido com seu chefe. E esse é o grande ponto positivo do livro, ele é real a sua maneira, narrando uma relação que começa com sexo, mas que tende a ser muito mais do que isso, e isso tudo sem precisar curar seus personagens de infinitas cicatrizes do passado.
Além de uma trama envolvente e natural, a narrativa das autoras é extremamente viciante. A leitura flui de forma leve e gostosa, emocionando, divertindo e entretendo o leitor sem deixá-lo cansado da leitura ou de seus personagens. Aqui é válido dizer que o artifício usado pelas autoras de fazer com que cada personagem narre um capítulo da história colabora diretamente para o nosso envolvimento com a trama, pois, tal fator permite que possamos conhecer a fundo o casal, aceitando o que os une, mas também compreendendo o que os deixa separados.
Vale dizer que o livro é adulto. O relacionamento de Bennet e Chloe começa com algo carnal e puramente sexual, então para ler o livro é preciso gostar desse tipo de narrativa mais explícita. Contudo também é importante dizer que o livro não é só sexo, a história envolve sentimento, comprometimento e emoção, ao ponto que foi fácil me sentir tocada por ela.
“Comecei a perceber que isso não era apenas sexo, e não era apenas uma coisa que eu precisava tirar do meu sistema. Sexo era apenas a via mais rápida para a posse intensa que eu desejada”.
No geral a leitura foi bem gostosa, e eu indico sim a obra aos leitores que curtem esse gênero literário.
Sobre a Série
Cretino Irresistível é o primeiro volume da série Beautiful Bastard, escrita pelas autoras Christina Hobbs e Lauren Billings sob o pseudônimo de Christina Lauren. A saga é composta – até o atual momento – por três livros e dois (quase três, já que o terceiro vai ser lançado ainda esse ano) mini livros, sendo que cada um deles tem aproximadamente 150 páginas. São eles:  Beautiful Bastard(Beautiful Bastard, #1); Beautiful Bitch (Beautiful Bastard, #1.5); Beautiful Stranger (Beautiful Bastard, #2); Beautiful Bombshell (Beautiful Bastard, #2.5); Beautiful Player (Beautiful Bastard, #3); Beautiful Beginning (Beautiful Bastard, #3.5).
Vale lembrar que nem todos os livros da série narram a história dos mesmos personagens, existem aqui pelo menos três casais, cada um “dono” de um livro e de um mini livro.
Para ler ao som de...
Para quem leu e gostou de...
Trecho (s) Marcante (s):
 “Nossos corpos estavam tão sincronizados que eu reagia a cada olhar, cada toque e cada som dele. Eu ao mesmo tempo amava e odiava o que ele me fazia sentir. Eu nunca tinha sido alguém que perde o controle facilmente, mas quando ele me tocava daquele jeito eu simplesmente jogava tudo pela janela, tudo o que eu fora”.
“Era amedrontador, pois, naqueles momentos com ela, eu faria tudo que ela pedisse. E esse sentimento estava começando a aparecer em horas como agora, quando eu nem estava perto dela, mas desejava ser tudo o que ela precisava. Eu sei, é ridículo”.
 “– Você me faz sentir convencido. É o jeito como você reage que me faz sentir um maldito deus. Como você pode não enxergar isso?”
Outras Capas aqui


14 comentários:

  1. Flor!

    Bom saber que a leitura vale a pena. Com todo mundo comentando eu até me interessei, mas assim como você decidi não ler por achar que seria "mais do mesmo". Mas você me convenceu a dar uma chance!

    Um beijao
    http://escolhasliterarias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. das resenhas que li dele, todas foram positivas... e todos falam bem da escrita da autora por ser viciante e tudo o mais!
    me lembrou um pouco Belo Desastre, mas acho que a trama em si não tem nada a ver né? hahaha
    quero muito ler ele logo *---*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Belo Desastre sem duvida alguma é o melhor livro que eu já pude ler, conseguiu me marcar pra valer. São esses tipos de romance que eu gosto, nada desses perfeitos, gosto desses de brigas, que não mostram como tudo é lindo maravilhoso.

      Excluir
  3. Realmente eu comecei a ler a resenha e pensei que não iria entrar para a lista.
    Aí comecei a ficar curiosa para saber o caminho dessa relação e a inovação que iria propor. Não fiquei louca para ler, mas curiosa!

    liliescreve.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Oi Pah!!

    Menina, eu comecei a ler o livro e parei, mas logo pretendo retornar.
    Eu gosto de livros do gênero, mas eu meio que cansei sabe, a leitura ate que fluiu, e me lembrou muito cinquenta tons, com algumas diferenças na personagem principal, algo que achei positivo.
    Espero gostar da historia.
    Adorei sua resenha e me deixou mais curiosa e com vontade de voltar a ler.

    Beijos*

    ResponderExcluir
  5. Já garanti meu exemplar RSRSR
    Novidade, agora estou com livro publicado pela Novo Conceito!O livro digital "Feitiço".Espero que goste!
    Bjs
    http://eternamente-princesa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oi Pah,fiquei com uma vontade tao grande de ler o livro ,depois que li a resenha, adoro um romance cão e gato,bateu aquela curiosidade para sabe o desfecho.. abraços e bejus ♥

    ResponderExcluir
  7. Oie Pah! :)
    Então; eu conheci esse livro através de uma amiga que super curte esse gênero literário - mas, assim como você eu acho *ou achava* que era exatamente isso: mais do mesmo. E sério, eu já cansei dessa coisinha de romance hot - ou qualquer outra designação que cada um dê (embora eu até goste um pouco de Cinquenta tons).
    Mas eu confesso: fiquei curioso! Assim como você talvez eu realmente possa me surpreender, né?! Eu acho que vou dar uma chance ao livro ( e só porque você disse que não é 'só sexo') Haha'

    Abraços, Pah!
    Ronaldo Gomes
    livrosobrelivro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Amei esse livro, 5 estrelas para ele! Louca para ler Estranho Irresistível ;)

    ResponderExcluir
  9. Oii Pah!
    Comecei a ler esse livro a uns meses atrás, só que não conclui a leitura (não lembro porque). E agora que publicaram por aqui quero começar a ler novamente, principalmente porque todos estão falando bem dele.

    Adorei a resenha.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Esse livro é uma loucura! Eu devorei num único dia.
    A narrativa é gostosa e leve.
    No início é bastante carnal, realmente. Porém, aos poucos a gente vai percebendo que o relacionamento deles começa a mudar. A passos de tartaruga, mas muda. Eu nunca tinha lido um livro com dois personagens tão teimosos! É hilário! As alfinetadas são na dose certa. Mal posso esperar para ler Beautiful Bitch!

    ResponderExcluir
  11. Eu li e adorei, como vc disse tem mais além de "sexo", e esse sentimento que chama atenção.

    ResponderExcluir
  12. :o Entrou para a minha lista de desejados... Pena que ainda não chegou a Portugal, mas qual é a novidade né? Livros bons e realmente gostosos de ler, sempre demoram a chegar cá -.-
    Beijos, Jessie*
    www.fofocas-literarias.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  13. Que delícia de livro, devorei em poucas horas, história gostosa com romance, amor e sexo, depois dele já li o Estrangeiro Irresistivel e agora vou começar a ler a Cretina Irresistivel.

    ResponderExcluir