Anúncios
dezembro 01, 2016

[Fuxicando Sobre Chick-Lits] Bridget Jones: Louca Pelo Garoto – Helen Fielding

Oi gente linda!

Para cumprir a PENÚLTIMA meta do Desafio Fuxicando Sobre Chick-Lits 2016, li esse mês Bridget Jones: Louca Pelo Garoto, de Helen Fielding e, assim, risquei da lista o item #11: Ler um hen-lit (chick-lit protagonizado por uma personagem com mais de 40 anos). 

Catorze anos após o último livro , a autora Helen Fielding nos apresenta uma nova e completamente fascinante fase na vida de Bridget, em seus 50 anos, viúva, mãe de dois filhos na Londres contemporânea, Bridget retoma seu diário abandonado e mostra que continua a mesma, e ainda mais viva – e ativa – do que nunca. O tempo se encarregou de trazer à sua vida outros dramas e dilemas, mas não levou embora seu jeito estabanado e a personalidade luminosa sem a qual ela não poderia enfrentar os momentos comoventes que a aguardam. Além de não descuidar da balança e manter-se longe dos cigarros, agora ela também precisa se preocupar com sites de relacionamentos, o número de seguidores no Twitter e os perigos de trocar mensagens de texto depois de algumas taças de vinho. Ainda às voltas com os amores, Bridget tropeça em novas confusões e tenta em vão se esquivar das gafes que ajudaram a consagrá-la como uma das personagens mais divertidas da literatura feminina, enquanto figuras antigas e recentes desfilam por sua vida – sobretudo um garoto misterioso que vem para balançar seriamente suas certezas.

Editora: Companhia das Letras l 432 Páginas l Chick-Lit l Skoob l Resenha: Aione Simões l Classificação: 4/5

Minha evolução no desafio:

    1. Ler um chick-lit que seja seu primeiro contato com o autor em questão;
    2. Ler um chick-lit que não tenha nada na cor rosa na capa;
    3. Ler um chick-lit que tenha a capa azul;
    4. Ler um chick-lit escrito em formato de emails, cartas e/ou mensagens;
    5. Ler um lad-lit (chick-lit protagonizado por um homem); 
    6. Ler um chick-lit de um(a) autor(a) best-seller;
    7. Ler um chick-lit nacional; 
    8. Ler um chick-lit que seja o primeiro livro de uma série;
    9. Ler um chick-lit que tenha ligação com filmes (pode ter sido adaptado para o cinema ou pode conter essa temática no enredo); 
    10. Ler um chick-lit com um coração na capa; 
    11. Ler um hen-lit (chick-lit protagonizado por uma personagem com mais de 40 anos); 
    12. Ler um chick-lit narrado em terceira pessoa. 
Ainda tem dúvidas sobre o gênero? 
Já conferiu o postcom esclarecimentos e indicações de chick-lits?

Confira também as sugestões específicas para os itens 1 a 6 e 7 a 12!

 

E aí, quem mais está com o Desafio em dia? O que vocês já leram ou pretendem ler?

Beijos para todos!

Anúncios

confira também

Posts relacionados

Comente via Facebook


Deixe seu comentário

16 Comentários

  • Taís Queres
    21 dezembro, 2016

    Aione, você é incrível! Esse desafio é muito inovador, além de dar a oportunidade de conhecer mais sobre esse gênero literário! Sou fã dos chick lits!
    Fiquei muito interessada nesse livro, ainda mais por se passar em Londres hahha

  • Mariana Nogueira
    20 dezembro, 2016

    Não sabia que era uma releitura de Orgulho e preconceito, nunca li o livro Bridget Jones mas darei uma chance à ele, também vou ver o filme que deve ser maravilhoso.
    Gostei muito do desafio, em 2017 vou começar o ano cumprindo desafios também, irei pegar alguns daqui do blog kkkk Beijos <3

  • Unknown
    20 dezembro, 2016

    Não li nenhum do Bridget Jones mas me interesso em ver o filme
    Gostei muito do desafio, me inspirou a cumprir um em 2017, beijos

  • Nicolas Bernardo Matos
    12 dezembro, 2016

    Bridget Jones, sempre se superando, livros são bons, nunca vi o filme(espero que não tenho estragado como sempre fazem). Parabéns Aione, agora falta só um para sua chick-lits

  • Lara Cardoso
    08 dezembro, 2016

    Nunca li nenhum Bridget Jones (na verdade nunca me interessei de fato, apenas vi o filme) gostei muito desse desafio – vou fazer um também assim consigo atingir minha meta no final do ano.

  • Leticia Golz
    08 dezembro, 2016

    Oi, Aione
    Eu não lembro muito dos filmes, precisaria rever rs. E nem sabia que tinha tantos livros.
    Como assim o mocinho está morto? Qe bom que gostou da obra e como foi desenvolvida, e com muito humor.
    Vou opiniar pelo menos sobre uma das opções que você possa acrescentar como: ler um chick-lit nacional que seja o primeiro contato com o autor (a).

  • Adriana Holanda Tavares
    07 dezembro, 2016

    Eu e a Maria Fernanda somos as duas últimas pessoas da face da Terra que nunca leu nada de bridget Jones, (eu pelo menos assisti o filme), mas tem algumas coisinhas que não curto muito. especialmente a maneira de fazer a personagem uma mulher tão caricata e com sua relação meio estranha com bebida e peso!

  • Maria Fernanda Medeiros
    06 dezembro, 2016

    Sou o ultimo serumaninho da terra que não li nenhum livro ou vi os filmes de Bridget Jones. A verdade é que nunca me interessei muito. E nem o fato de ser uma releitura de Orgulho e Preconceito (que por sinal só descobri hoje assistindo a resenha) conseguiu me animar mais para dar uma chance a série de livros… o primeiro filme quem sabe eu ainda veja num dia que não estiver passando mais nada na tv, kkkkkk

  • Márcia Saltão
    05 dezembro, 2016

    Oi.
    Parabéns pela ótima evolução no desafio! Persistência é tudo!
    Suas escolhas também estão sendo muito bem feitas.
    Gostaria de ler esse livro, pois parece bem divertido. Adoro o filme da Bridget!
    Beijos.

  • suzana cariri
    05 dezembro, 2016

    Oi!
    Gosto muito desse desafio, e adorei saber que o ano que vem teremos mais, quero muito ver se consigo fazer ele, e realmente não sabia que existia tantos estilos de Chick-Lits, ainda não li nenhum livro da serie da Bridget Jones nem assistir mas vejo as pessoas comentarem tanto que me deixou curiosa para ler e assistir !!

  • Anna Mendes
    02 dezembro, 2016

    Oi Aione! Adorei o vídeo!
    Eu gostei da premissa deste livro e fiquei curiosa para ler a série! Gosto muito quando os autores publicam livros mostrando o amadurecimento e o crescimento dos seus personagens. Vou apostar nessa leitura e tentar me aventurar mais no gênero 🙂
    Bjos!

  • Eduarda Rozemberg
    02 dezembro, 2016

    Nossa, parabéns por ter conseguido progredir tanto em um desafio. Queria um para o ano que vem, e ter essa mesma convicção.
    Um abraço!

    http://paragrafosetravessoes.blogspot.com.br/
    Participe dos SORTEIOS de Natal que estão rolando lá no blog!

  • RUDYNALVA
    01 dezembro, 2016

    AIONE!
    Você está linda!
    A Bridget é bem hilária e nos faz rir sempre.
    Pois é, agora saiu o filme do bebê está bem badalado.
    Triste o Darcy estar morte, grande amor da Bridget.
    Do jeito que ela é desastrada e aluada, fico imaginando as pobres crianças de quem ela é mãe.
    Gosto muito de livros que me fazem rir e ver que tem um lado bem melancólico é importante.
    Imagino que deva ter curtido a leitura.
    E parabéns por estar quase no fim do desafio.
    cheirinhos
    Rudy

  • Bruna Lago
    01 dezembro, 2016

    Uau, já está no penúltimo? Quanta evolução ! Adorei a sinopse do livro, achei divertida, ainda mais falando de um personagem que já existe, deve ser bem legal ler algo assim.

  • Theresa Cavalcanti
    01 dezembro, 2016

    Nunca li nada dessa autora, então estou bem empolgada para ler! Parece ser bom.

  • Priscila Tavares
    01 dezembro, 2016

    Oie, que legal hem, você está cumprindo direitinho os itens da chick lists. Gostei do livro que você escolheu para essa categoria.
    Beijos
    Quanto Mais Livros Melhor